Cartografia – Anamorfose

A anamorfose é um elemento fundamental na construção de mapas, faz parte da métrica, junto com, a projeção, a escala, e linguagem.

Anamorfose, palavra de origem grega “anamórphosis” cuja etimologia quer dizer, “formado de novo”. A anamorfose é usada em vários setores do conhecimento como a matemática, a óptica, a biologia e também nas artes plásticas.

Em Geografia essa técnica é usada para representar cartograficamente temas e visualizá-los de forma direta, pois produz alterações propositais nos tamanhos dos territórios, porém mantendo seus contornos. A superfície de cada território cartografado vai variar proporcionalmente segundo a variável que se deseja mostrar. Um mapa anamórfico mostrando a população absoluta dos países, visualmente já mostrará essa variável em suas formas, pois os países com as maiores populações terão proporcionalmente territórios maiores. Além da população, variáveis como por exemplo: o PIB, a exportação de produtos manufaturados, a mortalidade, etc.

É um mapa de comunicação, nesse tipo de mapa, que faz-se uso de uma métrica (medida) não territorial. Usando o como exemplo o Japão, que é bem mais populoso, num mapa anamórfico causará um impacto visual bem maior que a menos populosa Austrália.

Nesse exemplo o tamanho da população (e não sua extensão territorial), que fazem parte da métrica, que é a maneira de medir o mapa, é um dos elementos essenciais em um mapa.

Conhecimentos gerais - Questão 56 – Unesp 2010
Área dos paísesPopulação absoluta

Compare o mapa que representa os maiores países do mundo em área com o mapa anamórfico da população absoluta de cada país.

A partir da comparação, pode-se afirmar que os principais países que possuem as menores densidades demográficas são:

(A) Rússia, Canadá e Austrália. (B) China, Índia e Canadá. (C) Estados Unidos, China e Austrália. (D) Argentina, Brasil e Índia. (E) Estados Unidos, Índia e Brasil.

Fontes: Oliva, Jaime Tadeu. Caderno do professor. Geografia:ensino médio 1º série 1º bimestre – SP:SEE, 2008.

Professor Silvio Araujo de Sousa - Geografia - Escola Estadual Professor Renê Rodrigues de Moraes - Guarujá - SP - Brasil

Cartografia - Anamorfose - pág. 1

Geografia

Atividade para sala de aula - Cartografia - Anamorfose Tema da questão 56 Vestibular 2010 –

Unesp - Escola Estadual Prof. Renê Rodrigues Moraes - Guarujá - SP

Professor Silvio Araujo de Sousa

FUVEST - 2010 - Questão 4 - Sempre deixamos marcas no meio ambiente. Para medir essas marcas, William Rees propôs um(a) indicador/estimativa chamado(a) de “Pegada Ecológica”. Segundo a Organização WWF, esse índice calcula a superfície exigida para sustentar um gênero de vida específico. Mostra até que ponto a nossa forma de viver está de acordo com a capacidade do planeta de oferecer e renovar seus recursos naturais e também de absorver os resíduos que geramos. Assim, por exemplo, países de alto consumo e grande produção de lixo, bem como países mais industrializados e com alta emissão de CO2, apresentam maior Pegada Ecológica.

w.wwf.org.br. Acessado em 17/08/09. Adaptado.

Assinale a anamorfose que melhor representa a atual Pegada Ecológica dos diferentes países.

Nota - Considere apenas os tamanhos e as deformações dos países , que são proporcionais à informação representada. Fontes: w.worldmapper.org acessado em 17/08/2009 . Le Monde Diplomatique, 2009.

Professor Silvio Araujo de Sousa - Geografia - Escola Estadual Professor Renê Rodrigues de Moraes - Guarujá - SP - Brasil

Cartografia - Anamorfose pág. 2

Geografia

Atividade para sala de aula - Cartografia - Anamorfose Tema da questão 56 Vestibular 2010 –

Unesp - Escola Estadual Prof. Renê Rodrigues Moraes - Guarujá - SP

Professor Silvio Araujo de Sousa

Comentários