Algias da coluna

Algias da coluna

ALGIAS DA COLUNA

  • Sensação desagradável persistente com fraqueza e desequilíbrio muscular associada a uma lesão orgânica , influenciada por fatores físicos e psicológicos .

ALGIAS DA COLUNA

  • CERVICALGIA

  • DORSALGIA

  • LOMBALGIA

ALGIAS DA COLUNA

  • PATOLOGIA DISCAL

  • ESTENOSE DE CANAL

  • ARTROSE

  • TUMORES

  • DOENÇAS DEGENERATIVAS SNC

  • ESPONDILOLISTESE

  • PROCESSOS INFLAMATÓRIOS

  • INFECÇÕES

ALGIAS DA COLUNA CAUSAS INDIRETAS

  • CAUSAS OCUPACIONAIS

  • BIÓTIPO (FATORES ANTROPOMÉTRICOS)

  • TABAGISMO

  • AMBIENTES DOLOROSOS(MOBILIÁRIO)

  • FATORES EMOCIONAIS

TUBERCULOSE VERTEBRAL

HÉRNIA DISCAL

ESPONDILITE ANQUILOSANTE

CERVICALGIA FREQUENTEMENTE ASSOCIADA À

  • BRAQUIALGIA

  • CEFALÉIA

CERVICALGIA CAUSAS DIRETAS MAIS FREQUENTES

  • HÉRNIA DISCAL

  • ARTROPATIAS REUMÁTICAS

  • RADICULOPATIAS

  • PROCESSOS INFECCIOSOS

OSTEOARTROSE CERVICAL

CERVICALGIA CAUSAS INDIRETAS MENOS COMUNS

  • TUMORES DE MEDULA

  • ESCLEROSE LATERAL AMIOTRÓFICA

  • ESCLEROSE MÚLTIPLA

  • METÁSTASES ÓSSEAS CERVICAIS

TRATAMENTO

  • CAUSAS DIRETAS

  • CAUSAS INDIRETAS

TRATAMENTO CONSERVADOR CERVICALGIA

  • USO DE ÓRTESES COLAR CERVICAL (GERALMENTE NAS DORES AGUDAS POR PERÍODOS CURTOS )

TRATAMENTO CONSERVADOR MEDICAMENTOSO

  • ANTINFLAMATÓRIOS

  • ANALGÉSICOS

  • RELAXANTES MUSCULARES

  • ANTIDEPRESSÍVOS

  • ANTICONVULSIVANTES

TRATAMENTO CONSERVADOR

  • FISIOTERAPIA

  • ACUPUNTURA

DORSALGIAS CAUSAS DIRETAS MAIS FREQUENTES

  • ARTROSE

  • SCHEUERMANN

  • HÉRNIAS DISCAIS(RARAS)

  • INFECÇÕES (TB MAL DE POTT)

  • DOR MIOFASCIAL

  • FIBROMIALGIA

DORSALGIA DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL

  • ANEURISMA DE AORTA

  • PNEUMOTÓRAX

  • PNEUMONIA

  • HERPES ZOSTER

  • INFARTO MIOCARDIO

  • ÚLCERA DUODENAL

TRATAMENTO

  • Depende de um diagnóstico preciso

que para ser bem feito depende de uma boa história, e um ótimo exame clínico e exames de imagem adequados .

TRATAMENTO

  • CAUSAS DIRETAS

  • CAUSAS INDIRETAS

TRATAMENTO

  • CONSERVADOR

  • CIRÚRGICO

LOMBALGIA DEFINIÇÃO

  • “Dor no segmento lombar da coluna

com ou sem rigidez do tronco localizada entre o último arco costal e a prega glútea podendo ou não estar associada à ciatalgia”..

LOMBALGIA

  • AGUDA ATÉ 30 DIAS

  • CRÔNICA MAIS DE 90 DIAS

DESENVOLVIMENTO FILOGENÉTICO

LOMBALGIA

  • 80% DAS PESSOAS EM ALGUM PERIÓDO DA VIDA

  • 60% NO ÚLTIMO ANO

  • 53% DOS INDIVÍDUOS COM TRABALHO LEVE

  • 64% TRABALHADORES SERVIÇO PESADO

  • EUA AFETA 31 MILHÔES PESSOAS /ANO

  • CUSTO SOCIAL DE 20 A 50 US$ BILHÕES /ANO

LOMBALGIA

  • EUA AFETA 31 MILHÔES PESSOAS /ANO

  • CUSTO SOCIAL DE 20 A 50 US$ BILHÕES /ANO

LOMBALGIA CAUSAS DIRETAS

  • HÉRNIAS DISCAIS (20 A 60 ANOS)

  • INFECÇÃO

  • ARTROPATIAS INFLAMATÓRIAS

  • ESTENOSE DE CANAL

  • ESPONDILOLISTESE

LOMBALGIA DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL

  • PATOLOGIAS ABDOMINAIS

  • LITÍASE RENAL

  • FIBROMIALGIA

  • DOR MIOFASCIAL

OSTEOARTROSE LOMBAR

HÉRNIA DISCAL

ESTENOSE DE CANAL LOMBAR

ESPONDILOLISTESE

ESPONDILOLISTESE

ESPONDILOLISTESE CLASSIFICAÇÃO

  • GRAU I < 25%

  • GRAU II 25 a 50 %

  • GRAU III 50 a 75%

  • GRAU IV > 75%

  • GRAU V espondiloptose

ESPONDILOLISTESE

ESPONDILOLISTESE TRATAMENTO

  • GRAU I E II CONSERVADOR

  • GRAU II ,IV E V CIRÚRGICO DESCOMPRESSÃO E ARTRODESE

DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL METÁSTASE

DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL ANEURISMA AORTA

DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL TUMOR INTRA-PÉLVICO

TRATAMENTO

  • CAUSAS DIRETAS

  • CAUSAS INDIRETAS

TRATAMENTO

  • MEDICAMENTOSO

  • FISIOTERÁPICO

  • CIRÚRGICO

TRATAMENTO CONSERVADOR MEDICAMENTOSO

  • ANTINFLAMATÓRIOS

  • ANALGÉSICOS

  • RELAXANTES MUSCULARES

  • ANTIDEPRESSÍVOS

  • ANTICONVULSIVANTES

TRATAMENTO CONSERVADOR

  • FISIOTERAPIA

  • ACUPUNTURA

TRATAMENTO CIRÚRGICO

  • LAMINECTOMIAS DESCOMPRESSIVAS

  • DESCOMPRESSÕES FORAMINAIS

  • ARTRODESES

  • DESCOMPRESSÃO VIA ANTERIOR

  • INSTRUMENTAÇÃO

PRÓTESE DISCAL

VERTEBROPLASTIA

PARALISIA OBSTÉTRICA CLASSIFICAÇÃO

  • ERB-DUCHENNE

C5,C6,C7 OU C5 E C6

  • COMPLETA

(CLAUDE-BERNARD-HORNER)

  • KLUMPKE C8-T1

PARALISIA OBSTÉTRICA PROGNÓSTICO

  • 50 % APROXIMADAMENTE

REGRIDE ESPONTANEAMENTE

PODENDO LEVAR DE

1 SEMANA A 18 MESES

PARALISIA OBSTÉTRICA CLASSIFICAÇÃO

  • ERB-DUCHENNE

C5,C6,C7 OU C5 E C6

  • COMPLETA

(CLAUDE-BERNARD-HORNER)

  • KLUMPKE C8-T1

PARALISIA OBSTÉTRICA PROGNÓSTICO

  • 50 % APROXIMADAMENTE

REGRIDE ESPONTANEAMENTE

PODENDO LEVAR DE

1 SEMANA A 18 MESES

PARALISIA OBSTÉTRICA

  • Lesão por tração ou compressão do plexo braquial decorrente das manobras do parto

* 1872 DUCHENNE

* 1874 ERB

PARALISIA OBSTÉTRICA EPIDEMIOLOGIA

  • DIABETES

  • INSTRUMENTAL NO PARTO

  • DISTOCIA DE OMBRO

  • MACROSSOMIA

  • MÃE DE IDADE AVANÇADA

  • APRESENTAÇÃO PÉLVICA

  • LADO DIREITO (LEVE PREDOMÍNIO OEA )

PARALISIA OBSTÉTRICA QUADRO CLÍNICO

  • HISTÓRIA DO PARTO

  • FLACIDEZ DO MEMBRO

  • MORO ASSIMÉTRICO

PARALISIA OBSTÉTRICA CLASSIFICAÇÃO

  • ERB-DUCHENNE

C5,C6,C7 OU C5 E C6

  • COMPLETA

(CLAUDE-BERNARD-HORNER)

  • KLUMPKE C8-T1

PARALISIA OBSTÉTRICA PROGNÓSTICO

  • 50 % APROXIMADAMENTE

REGRIDE ESPONTANEAMENTE

PODENDO LEVAR DE

1 SEMANA A 18 MESES

Comentários