TGA - Exercicio Revisão

TGA - Exercicio Revisão

TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO - QUESTÕES – NÍVEL 1

TGAII

CAPÍTULO 13: TEORIA COMPORTAMENTAL DA ADMINISTRAÇÃO

119 – Assinale a alternativa verdadeira correspondente à hierarquia das necessidades de Maslow, respectivamente de baixo para cima da pirâmide: (Cap. 13)

a) Necessidades de segurança; Necessidades fisiológicas, Necessidades sociais; Necessidades de estima; Necessidades de auto-realização.

b) Necessidades de segurança; Necessidades fisiológicas; Necessidades de estima; Necessidades de auto-realização; Necessidades sociais.

c) Necessidades fisiológicas; Necessidades de auto realização; Necessidades de estima; Necessidades de segurança; Necessidades sociais.

d) Necessidades fisiológicas; Necessidades de segurança; Necessidades sociais; Necessidades de estima; Necessidades de auto realização.

e) Necessidades de segurança; Necessidades fisiológicas, Necessidades de estima; Necessidades sociais; Necessidades de auto realização.

120- Assinale a alternativa correspondente a um sistema de administração participativo: (Cap. 13)

a) Totalmente centralizado na cúpula da organização.

b) Centralizado na cúpula, mas permite alguma delegação, de caráter rotineiro.

c) Consulta aos níveis inferiores, permitindo a delegação e a participação

d) Totalmente descentralizado. A cúpula define políticas e controla resultados.

e) Nenhuma das alternativas

121- A pirâmide de Maslow representa: (Cap. 13).

a) A organização da empresa, segundo uma escala hierárquica de funções administrativas.

b) A seqüência de manifestação das necessidades humanas e sua organização no comportamento humano.

c) A organização da motivação humana, segundo um enfoque burocrático.

d) A seqüência de mobilização estrutural do homem complexo.

e) Nenhuma das alternativas.

122- O salário, para Herzberg, é um fator: (Cap. 13).

a) Motivacional.

b) Intrínseco.

c) Higiênico ou ambiental.

d) Que deve ser tratado isoladamente dos demais fatores.

e) Nenhuma das anteriores.

123- O behaviorismo põe ênfase: (Cap. 13).

a) No homem administrativo.

b) No homem organizacional.

c) No homo economicus

d) No homem social.

e) Nenhuma das alternativas.

124- Douglas McGregor foi um dos principais behavioristas. Uma de suas contribuições foi

a introdução do conceito de: (Cap. 13).

a) Cooperação. A organização é um sistema cooperativo.

b) Decisão. A organização é uma estrutura decisorial.

c) Motivação. Existem duas teorias da administração: a Teoria “Y” ou tradicional e a Teoria “X”, baseada na importância da motivação econômica e social.

d) Motivação. Existem duas teorias da administração: a Teoria “ X” que se baseia em antigas concepções sobre a natureza humana e a Teoria “Y” que se baseia no papel da motivação dentro da administração.

e) Nenhuma das alternativas.

125- Para McGregor, as necessidades humanas são: (Cap. 13).

a) Fisiológicas, de segurança, sociais, e de auto-realização.

b) Fisiológicas, de segurança, do ego, e de auto-realização.

c) Fisiológicas, sociais, do ego, e de auto-realização.

d) Fisiológicas, vegetativas, de segurança, do ego, e de auto-realização

e) Fisiológicas, de segurança, sociais, do ego, e de auto-realização.

126- A Teoria Comportamental da Administração tem como uma de suas origens a confirmação: (Cap. 13).

a) Da Teoria Estruturalista.

b) Dos princípios da Teoria Burocrática.

c) Dos princípios da Teoria Clássica.

d) Irrestrita da Teoria das Relações Humanas.

e) Nenhuma das alternativas.

127- Os behavioristas estudaram a relação entre a eficiência e satisfação: (Cap. 13).

a) À medida que aumenta a satisfação aumenta necessariamente a eficiência da equipe.

b) À medida que aumenta a eficiência da equipe aumenta necessariamente a satisfação.

c) À medida que aumenta a eficiência da equipe diminui necessariamente a satisfação.

d) À medida que aumenta a satisfação da equipe diminui necessariamente a eficiência.

e) Não notaram correlação estreita entre ambas.

128- Para a Teoria Behaviorista, os indivíduos participantes da organização são instrumentos passivos cuja produtividade varia e pode ser elevada mediante o incentivo econômico (plano de remuneração de acordo com a produção), condições físicas ambientais de trabalho favoráveis e: (Cap. 13).

a) Motivação psicológica

b) Liderança democrática.

c) Administração participativa ou consultiva.

d) Trabalho em equipe.

e) A afirmação acima está incorreta.

129 - Segundo Herzberg, os fatores higiênicos: (Cap. 13).

a) São utilizados tradicionalmente para se conseguir motivação do pessoal.

b) São utilizados para higiene do trabalhador.

c) Relacionam-se com a execução das tarefas, ou seja, com o conteúdo do cargo.

d) Não têm limites em sua capacidade de influenciar o comportamento dos empregados.

e) Nenhuma das alternativas.

130- O salário é um componente do moral. Porém, para Herzberg: (Cap. 13).

a) À medida que o salário é percebido como baixo, isto abaixa a moral.

b) À medida que o salário é percebido como alto, isto eleva definitivamente a moral.

c) À medida que o salário é percebido tanto como alto quanto baixo, ele eleva e abaixa a moral.

d) À medida que o salário é percebido como alto ele abaixa o moral e à medida que é percebido como baixo ele eleva a moral.

e) Nenhuma das anteriores.

CAPÍTULO14:TEORIA DO DESENVOLVIMENTO ORGANIZACIONAL

131- Quais as características de um sistema aberto? (Cap 14)

a) Não apresentam intercâmbio com o meio ambiente que os circunda.

b) Compostos por equipamentos, maquinaria, objeto e coisas reais.

c) Compostos por conceitos, filosofias, planos, hipóteses e idéias.

d) Apresentam relações de intercâmbio com o ambiente por meio de inúmeras entradas e saídas

e) Nenhuma das alternativas

132- Um dos pressupostos básicos do D.O., coloca em destaque: (Cap. 14)

a) A necessidade de participação e comprometimento dos participantes das organizações.

b) Desenvolvimento da buropatia.

c) Os critérios de escolha de pessoal com base na capacidade e competência técnica.

d) A relativa estabilidade das organizações.

e) Desenvolvimento de um comportamento dramatúrgico.

133- Cultura organizacional: (Cap. 14)

a) É o sistema de crenças e valores, o modo de vida, os hábitos e costumes típicos de uma organização que são diferentes das outras organizações.

b) É o sistema de regulamentos internos, procedimentos e diretrizes de uma organização.

c) potencial profissional e cultural existente dentre os participantes de uma organização.

d) É o grau de conscientização social dos participantes de uma organização.

e) Nenhuma das alternativas

134- Programas de D.O. podem ser aplicados, por exemplo, para: (Cap. 14)

a) Manter uma estratégia administrativa.

b) Analisar as tarefas dos participantes.

c) Identificar os grupos informais.

d) Melhorar a colaboração intergrupal.

e) Satisfazer as necessidades de segurança.

135- No sentido restrito, D.O. é um desdobramento prático e operacional da Teoria: (Cap. 14)

a) Matemática da Administração.

b) Das Relações Humanas.

c) Comportamental da Administração.

d) Estruturalista da Adminsitração.

e) Clássica da Administração.

136- Segundo Blake e Mouton, para mudar uma empresa é necessário: (Cap. 14)

a) Mudar a empresa por partes.

b) Que a mudança seja de responsabilidade pessoas de algumas pessoas localizadas na cúpula da empresa.

c) Mudar a empresa toda.

d) Mudar as suas lideranças.

e) Que os seus dirigentes fiquem fora da mudança.

137- O D.O. é um processo essencialmente dinâmico que, conforme o grau desejado de mudança pode ser: (Cap. 14)

a) Muito complexo.

b) Mais ou menos complexo.

c) Pouco complexo.

d) Nada complexo.

e) Nenhuma das alternativas.

138- Dentre os vários tipos de mudança proposto por Bennis, assinale qual o melhor para efeito do D.O.: (Cap. 14)

a) Doutrinada.

b) Coercitiva.

c) Planejada.

d) Tecnocrática.

e) Natural.

f) Emulativa.

g) Inter-racional

139- No Managerial Grid, quando a participação e o comportamento do grupo se caracterizam por pouco envolvimento e pouco comprometimento, isto é, quando as pessoas podem estar fisicamente presentes mas mentalmente ausentes das organização, o estilo pode ser definido como: (Cap. 14)

a) 1,1.

b) 5,5.

c) 1,9.

d) 9,9.

e) 9,1.

140- O Excellence Gap para Blake e Mouton significa: (Cap. 14)

a) As discrepâncias e contradições entre o que é e o que deveria ser uma organização.

b) impulso è excelência empresarial graças a lucratividade através das pessoas.

c) impulso a excelência empresarial graças à lucratividade através de produtos ou serviços, exclusivamente.

d) impulso à excelência empresarial graças as mutações que ocorrem na sociedade.

e) Nenhuma das alternativas.

141- Para Reddin a única tarefa do administrador é ser eficaz. Para ele, o gerente eficaz: (Cap. 14)

a) Resolve problemas.

b) Cuida dos recursos.

c) Cumpre com o seu dever.

d) Reduz custos.

e) Obtém resultados.

142- A condição essencial para qualquer programa de mudança é: (Cap. 14)

a) Alguém em uma posição estratégica sinta a necessidade de modificação.

b) Várias pessoas em posições estratégicas sintam que não há necessidade de modificação.

c) Alguém em uma posição subordinada sinta que o melhor é deixar as coisas como estão.

d) Várias pessoas em posições estratégicas sintam que a mudança deve ser sempre teórica e conceitual.

e) Nenhuma das alternativas

143– Assinale a alternativa que define o conceito de Clima organizacional: (Cap. 14).

a) É a coordenação de diferentes atividades de contribuintes individuais com a finalidade de efetuar transações planejadas com o ambiente.

b) É o conjunto de hábitos, crenças, valores e tradições, interações e relacionamentos sociais típicos de cada organização.

c) Sistema humano e complexo, com características próprias típicas da sua cultura.

d) Constitui no meio interno ou atmosfera psicológica característica de cada organização.

e) Nenhuma das alternativas

144- Qual das alternativas abaixo não representa uma característica do DO: (Cap 14)

a) Orientação sistêmica.

b) Ênfase na solução de problemas.

c) Aprendizagem experimental

d) Utilização de agentes de mudança

e) Focaliza as habilidades técnicas e de direção

CAPÍTULO 15: TECNOLOGIA E ADMINISTRAÇÃO

145- Software e Hardware significam, respectivamente: (Cap. 15)

a) O conjunto dos aspectos físicos (equipamentos) e conjunto dos aspectos conceituais (programas).

b) O conjunto de programas e o conjunto de equipamentos.

c) As linguagens de máquina de alto nível e de baixo nível.

d) As linguagens de maquina de baixo nível e de alto nível.

e) A unidade central e os dispositivos de Entrada e Saída.

146- Os sistemas cibernéticos são: (Cap. 15)

a) Excessivamente complexos, probabilísticos e concretos.

b) Complexos, determinísticos e artificiais.

c) Excessivamente complexos, determinísticos e homeostátiocs.

d) Excessivamente complexos, probabilísticos e auto-reguladores.

e) Complexos, probabilísticos e artificiais.

147- Homeostasia significa: (Cap. 15)

a) O globalismo e a integração existente no sistema.

b) O equilíbrio interno existente no sistema.

c) O objetivo que todo sistema procura alcançar.

d) O relacionamento entre as partes ou unidades do sistema.

e) Nenhuma das alternativas.

148- A retroação é: (Cap. 15)

a) Uma característica das estruturas estáticas.

b) Um mecanismo segundo o qual uma parte da energia de entrada é aproveitada novamente pelo sistema como nova entrada.

c) Uma ação pela qual o efeito reflui sobre a causa.

d) Um sistema pequeno, definível em princípio, porem inacessível.

e) Um sistema determinístico simples.

149- A homeostasia apresenta uma enorme importância para os sistemas e organismos estudados pela Cibernética. Todo mecanismo homeostático é, basicamente: (Cap. 15)

a) Um instrumento de planejamento.

b) Uma forma de direção.

c) Uma forma de organização.

d) Um dispositivo de controle.

e) Um instrumento de coordenação.

150- O conceito de informação, tanto do ponto de vista popular, como do ponto de vista científico, envolve: (Cap. 15)

a) Relacionamentos formais.

b) Dinâmica de grupo.

c) O aperfeiçoamento dos computadores eletrônicos.

d) Processos de redução de incerteza.

e) Dispositivos capazes de reagir, de modo específico, a um evento externo.

151- Todo sistema cibernético apresenta diversidade e é extremamente complexo. Isso significa que todo sistema, no fundo, é:

a) Uma maquina manipuladora de informações.

b) Um conjunto estático de elementos.

c) Uma parte da organização.

d) Um elemento gerador de conflitos.

e) Um mecanismo homeostático.

152- O conceito de entropia refere-se à medida de degradação de energia em sistemas isolados. Todo sistema de informação possui tendência entrópica. Daí ocorre o conceito: (Cap. 15)

a) De comunicação.

b) De canal.

c) De fonte.

d) De ruído.

e) De transmissor.

153- A cibernética surgiu das idéias de Norbert Wiener como uma ciência destinada a: (Cap. 15)

a) Identificar as diferenças entre vários ramos do conhecimento humano.

b) Estabelecer as relações entre os participantes das organizações.

c) Estudar os comportamentos organizacionais.

d) Analisar os tempos e os movimentos das tarefas.

e) Ser um instrumento de conexão e direção das demais ciências.

154- De acordo com a teoria da informação “canal”: (Cap. 15)

a) É um equipamento situado entre o receptor e o destino.

b) É um equipamento situado entre o transmissor e o receptor, e vice-versa.

c) É a parte do sistema referente ao transmissor de alguma forma de mensagem entre pontos fisicamente distantes.

d) Significa a quantidade de interferência indesejável, que tende a deturpar e alterar, de maneira imprevisível, as mensagens transmitidas.

e) Nenhuma das alternativas.

155- O conceito de caixa negra (black box) é utilizado: (Cap. 15)

a) Nos casos de isomorfismo e homomorfismo.

b) Somente nos casos de isomorfismo.

c) Para descrever todo sistema complexo ou excessivamente complexo.

d) Para descrever somente os sistemas naturais.

e) Para representar o mecanismo de feed back.

CAPÍTULO 16: TEORIA MATEMÁTICA DA ADMINISTRAÇÃO

156- A aplicação de métodos, técnicas e instrumentos científicos a problemas que envolvem as operações de um sistema, de modo a proporcionar soluções ótimas para problemas em foco é conhecida como: (Cap. 16)

a) Cibernética.

b) Pesquisa operacional.

c) Teoria dos Automatas.

d) Teoria Geral dos Sistemas.

e) Teoria das Organizações.

157- A teoria aplicada aos tipos de conflito que envolvem disputa de interesses entre dois ou mais intervenientes, quando for possível quantificar as estratégias disponíveis, é conhecida como: (Cap. 16).

a) Teoria da Decisão.

b) Programação Linear

c) Teoria dos Grafos.

d) Teoria dos Jogos.

e) Probabilidade e Estatística.

158- Quais dos conceitos abaixo são relacionados com sistemas? (Cap. 16).

a) Entrada e Saída

b) Retroação

c) Caixa Negra

d) Homeostasia

e) Todas as alternativas

159- São características das decisões programadas. (Cap. 16).

a) Rotina

b) Dados Únicos

c) Condições dinâmicas

d) Incerteza

e) Imprevisibilidade

160– Dentre as alternativas abaixo qual não é uma técnica de PO? (Cap. 16)

a) Teoria do Jogos

b) Teoria das Filas

c) Balanced Scorecard (BSC)

d) Análise estatística e Cálculo da probabilidade

e) Programação Dinâmica

CAPÍTULO 17: TEORIA DE SISTEMAS

161- A representação entre as relações de entradas e saídas, de preferência em forma matemática, é problema referente a: (Cap. 17)

a) Caracterização dos sistemas.

b) Classificação dos sistemas.

c) Otimização dos sistemas.

d) Identificação do sistemas.

e) Controle e programação dos sistemas.

162- Os aspectos fundamentais na definição de um sistema são: (Cap. 17)

a) Os objetivos, os elementos e as relações existentes.

b) Os objetivos organizacionais e individuais.

c) A organização formal e a informal.

d) As autoridades de linha e funcional.

e) A justaposição dos elementos de um sistema.

163- A homeostase é também chamada: (Cap. 17)

a) Feedback

b) Input

c) Output

d) Thoughput

e) Equilíbrio dinâmico ou auto-regulação.

164- Quanto à sua constituição os sistemas podem ser: (Cap. 17)

a) Físicos ou concretos e abstratos.

b) Abertos e fechados.

c) Naturais e artificiais.

d) Simples e complexos.

e) Nenhuma das alternativas.

165- Quanto à sua natureza, os sistema podem ser: (Cap. 17)

a) Físicos ou concretos e abstratos.

b) Abertos e fechados.

c) Naturais e artificiais.

d) Simples e complexos.

e) Nenhuma das alternativas

CAPÍTULO 18: TEORIA DA CONTINGÊNCIA

166- É considerada uma vantagem da estrutura em equipes: (Cap. 18)

a) Redução das barreiras entre departamentos aumentando o compromisso pela maior proximidade entre as pessoas.

b) Flexibilidade da força de trabalho e habilidade em fazer as tarefas onde elas são necessárias.

c) Constitui uma combinação de processos e arranjos de produtos.

d) As áreas ou processos da organização constituem módulos completos e separados.

e) Nenhuma das alternativas

167- Segundo Michael Porter, as empresas precisam fazer uma opção entre três estratégias genéricas para alcançar desempenho acima da média na indústria, são elas: (Cap 18)

a) Liderança em produto; Diferenciação e Foco.

b) Pontos Fortes e Fracos; Ameaças e oportunidades.

c) Liderança em custo; Diferenciação e Foco.

d) Liderança em produto, Diferenciação e Segmentação

e) Nenhuma das alternativas

168- O conceito de "certeza" para o modelo de diferenciação e integração é a base para a comparação entre ambientes. A incerteza relativa do ambiente é avaliada através das seguintes dimensões: (Cap. 18)

a) Clareza de informação, certeza das relações causais e orientação temporal.

b) Clareza de informação, orientação temporal e orientação para o objetivo.

c) Certeza das relações causais, clareza de informação e amplitude de tempo de feedback definitivo.

d) Amplitude de tempo de feedback definitivo, orientação temporal e certeza das relações causais.

e) Certeza das relações causais, clareza de informação e orientação temporal.

169- A seleção ambiental significa: (Cap. 18)

a) As empresas são selecionadas pelos seus ambientes.

b) As empresas selecionam seus ambientes, pois elas se defrontam com uma multivariedade de ambientes.

c) Há uma seleção mútua: As empresas selecionam seus ambientes e os ambientes selecionam as empresas.

d) Não existe correlação alguma entre empresas e ambientes do ponto de vista de seleção, pois seleção significa aspecto de decisão.

e) Nenhuma das alternativas

170- As racionalidade total e limitada predominam respectivamente, nos níveis: (Cap. 18)

a) Técnico e gerencial.

b) Institucional e técnico.

c) Gerencial e técnico.

d) Institucional e gerencial

e) Técnico e institucional.

171- A Adhocracia: (Cap. 18)

a) É um complexo da burocracia.

b) É uma nova forma de burocracia.

c) É uma forma organizacional extremamente dinâmica e flexível, mutável e inovadoras, que constitui a própria antítese da burocracia.

d) É a burocracia típica dos países mais avançados.

e) È o mesmo que organização mecanística.

172- O homem complexo é um conceito: (Cap. 18)

a) Equivalente ao do homem econômico.

b) Equivalente ao do homem social

c) Equivalente ao homem econômico/homem Social

d) Baseado em uma concepção contigencial do homem.

e) Baseado em uma negação do modelo de homem conforme as teorias clássica e humanística.

CAPÍTULO 19: PARA ONDE VAI A TGA?

173 – Dentre os temas abaixo, quais são considerados temas básicos na Era da Informação: (Cap. 19)

1. Conhecimento

2. Virtualização

3. Integração/redes interligadas

4. Convergência

5. Inovação

6. Imediatismo

a) 1; 3; 5

b) 1; 5; 6

c) 2; 4; 6

d) 1; 4; 5

e) Todas as alternativas

174 – Assinale a alternativa que não representa uma característica da Qualidade Total: (Cap. 19)

a) Conceito de qualidade para toda a organização

b) A melhoria contínua da qualidade é aplicável ao nível operacional

c) Implementação de melhorias

d) Empoderamento das pessoas (empowerment)

e) A obrigação de alcançar a qualidade está nas pessoas que a produzem

175- Algumas características das tendências organizacionais no mundo moderno são:

a) Cadeias de comando mais curtas; Menos unidade de comando; Mais participação; Ênfase nas equipes de trabalho.

b) Cadeias de comando mais longas; Mais unidades de comando; Foco no negócio básico e essencial; Consolidação da economia do conhecimento.

c) Cadeias de comando mais curtas; Menos unidade de comando; Menos participação; Ênfase no trabalho individual.

d) Cadeias de comando mais longas; mais unidades de comando; Menos participação; Ênfase no trabalho individual.

e) Nenhuma das alternativas.

Gabarito: TGA II Questões Nível 1

119d

120d

121b

122c

123a

124d

125e

126e

127e

128e

129a

130a

131d

132a

133a

134d

135c

136c

137a

138c

139a

140a

141e

142a

143d

144e

145B

146d

147b

148b

149d

150d

151e

152d

153e

154c

155c

156c

157d

158e

159a

160c

161a

162a

163e

164a

165b

166a

167c

168c

169b

170e

171c

172d

173e

174b

175ª

QUESTÕES PARA PROVAS – NÍVEL 2

TGA II

CAPÍTULO 13: TEORIA COMPORTAMENTAL DA ADMINISTRAÇÃO

102 – Assinale a alternativa correspondente a um meio de satisfação da necessidade de auto-realização, segundo a hierarquia das necessidades de Maslow: (cap. 13)

a) Trabalho criativo e desafiante

b) Responsabilidade o resultados

c) Amizade dos colegas

d) Remuneração e benefícios

e) Horário de trabalho razoável

103- A Teoria Behaviorista teve origem no behaviorismo: (Cap. 13).

a) De J. B. watson, apenas.

b) Grupal, apenas.

c) De laboratório, apenas.

d) Comportamental, apenas.

e) Nenhuma das alternativas.

104- Douglas MCGregor propôs que a necessidade: (Cap. 13).

a) Satisfeita motiva o comportamento humano.

b) Não satisfeita motiva o comportamento humano.

c) Satisfeita não motiva o comportamento humano.

d) Não satisfeita não motiva o comportamento humano.

e) Nenhuma das alternativas.

105- Herbert Simon propôs a Teoria da Decisão onde realizou o estudo psicológico das decisões. Segundo ele:

a) As decisões humanas são sempre perfeitas.

b) Os processos administrativos são sempre processos decisórios.

c) A organização não tem influência sobre as decisões humanas.

d) Não existe uma hierarquia das decisões.

e) Nenhuma das anteriores.

106- Herzberg propõe a técnica do “enriquecimento de tarefas”, que significa: (Cap. 13).

a) Uma gradativa alteração das tarefas do cargo para introduzir maior dose de motivação no trabalho.

b) Uma divisão do trabalho em tarefas limitadas e repetitivas para introduzir maior dose de eficiência no trabalho.

c) A aplicação de fatores higiênicos no trabalho.

d) O mesmo que “rotação de cargos”.

e) Nenhuma das alternativas.

107- Para McGregor a administração consultiva se baseia: (Cap. 13).

a) Na cooperação.

b) Na participação.

c) Na colaboração entre grupos, apenas.

d) Na promoção.

e) Nenhuma das alternativas.

108- Para McGregor as necessidades humanas: (Cap. 13).

a) Estão organizadas em níveis numa hierarquia de importância e influenciação.

b) Estão organizadas em uma hierarquia de valor ou de premência, ou seja, em uma pirâmide de necessidades.

c) Surgem desordenadamente sem qualquer tipo de influenciação.

d) Não estão organizadas nem em hierarquia de importância, nem em hierarquia de valor.

e) Nenhuma das alternativas.

109- Sobre a avaliação do desempenho dos empregados, McGregor salienta que: (Cap. 13).

a) È muito útil no controle externo dos empregados.

b) È bastante coerente com a aplicação da moderna teoria da motivação na administração.

c) É coerente com a administração pelo controle e incoerente com a administração por objetivos.

d) É coerente com a administração por objetivos e incoerente com a administração pelo controle.

e) Nenhuma das alternativas.

CAPÍTULO 14: TEORIA DO DESENVOLVIMENTO ORGANIZACIONAL

110- O conceito de D.O., em princípio, é voltado para mudanças:

a) Sociais e culturais que ocorrem nas empresas a partir de um processo ainda não perfeitamente conhecido.

b) Culturais e estruturais planejadas nas empresas.

c) Sociais e estruturais que ocorrem independente da vontade dos components da organização.

d) Sociais e culturais que refletem o efeito de ações descontroladas.

e) Nenhuma das alternativas

111- O D.O. procura: (Cap. 14).

a) A solução dos conflitos através da repressão, do arbitramento e da hostilidade.

b) Efetuar mudanças estruturais na organização, somente.

c) Efetuar mudanças comportamentais na organização, somente.

d) Efetuar mudanças estruturais e comportamentais conjuntamente na organização para

adaptá-la a situações diferentes.

e) Desenvolver a empresa com um mínimo de mudanças tanto estruturais como

comportamentais, para evitar a típica resistência às modificações encontrada dentre

os participantes.

112- O D.O. é um movimento teórico e prático que busca a mudança planejada na organização: (Cap. 14).

a) Porém, apenas a mudança de atitudes dos participantes da organização.

b) Porém, apenas na mudança da estrutura da organização.

c) Porém, apenas a mudança nos procedimentos dinâmicos da organização.

d) Tendo em vista o passado e o presente.

e) Nenhuma das alternativas.

113- A Análise Transacional pode ser visualizada como uma técnica que: (Cap. 14).

a) Objetiva o autodiagnóstico das relações interpessoais.

b) Leva os participantes à análise de metas e prioridades.

c) Diagnostica o conflito duradouro existente entre duas ou mais pessoas.

d) Estabelece um comunidade residencial temporária, estruturada de acordo com os requisitos de aprendizagem dos participantes.

e) Nenhuma das alternativas

114- Para Lawrence e Lorsch o processo de D.O. contém quatro etapas: (Cap. 14).

a) Levantamento da situação, planejamento da ação, implementação e avaliação.

b) Levantamento da situação, planejamento da ação, diferenciação e integração.

c) Planejamento da ação, diferenciação, implementação e avaliação.

d) Levantamento da situação, implementação, integração e avaliação.

e) Levantamento da situação, planejamento da ação, implementação e integração.

115- Um dos aspectos básicos da aplicação do D.O. é: (Cap. 14).

a) Fazer uma análise completa do cargo ou função de cada indivíduo, desdobrando-o em suas partes componentes.

b) Aumentar a capacidade de produção do homem através da especialização.

c) Formar uma elite administrativa capaz de compreender o comportamento humano e de comunicar adequadamente.

d) Provocar a motivação para a mudança no meio empresarial em geral.

e) A concepção da organização como uma estrutura de tomada de decisões.

116- Entre os vários modelos de D.O., destaca-se a Analise Transacional, que visa: (Cap. 14).

a) A análise da organização em termos puros e simples, através da abordagem sensitiva.

b) A análise dos dados cognitivos que o indivíuo recebe e consegue dispor para seu benefício.

c) Treinar os indivíduos para aceitarem as mudanças propostas para a organização.

d) autodiagnóstico das relações interpessoais.

e) Nenhuma das alternativas.

117- Quanto ao aspecto de dedicação e de comprometimento pessoal, o Managerial Grid, quando existe apatia e indiferença ao invés de moral positivo e comprometimento, quando não há lealdade nem dedicação por parte dos participantes da organização, os estilo de administração pode ser definido como: (Cap. 14).

a) 1,1.

b) 5,5.

c) 1,9.

d) 9,1.

e) 9,9.

CAPÍTULO 15: INFORMÁTICA E ADMINISTRAÇÃO

118 – Assinale a alternativa que não corresponde aos tópicos do desenvolvimento organizacional: (Cap. 15).

a) Consideração dos indivíduos como seres humanos

b) Aceitação plena e utilização das diferenças individuais

c) Confiança nas pessoas

d) Utilização dos indivíduos em relação aos seus cargos.

e) Desejo e aceitação de riscos

119 – Quais das alternativas abaixo correspondem as Habilidades Gerenciais Básicas segundo a Teoria 3-D:

1. Sensitividade situacional.

2. Especialização.

3. Flexibilidade de estilo.

4. Destreza de gerência situacional.

5. Autocrático

a) 1; 2; 5

b) 2; 3; 4

c) 1; 3; 4

d) 2; 4; 5

e) 1; 2; 3

120- Entropia significa a tendência que todo sistema tem: (Cap. 15).

a) Para o globalismo e integração.

b) Em relação ao seu objetivo.

c) Para fugir do seu objetivo.

d) Para o desgaste, afrouxamento e deterioração.

e) Tem para o equilíbrio entre as partes ou unidades.

121- A representação de um sistema através de um modelo deve considerar três domínios de atributos: (Cap. 15).

a) Desempenho, estrutura e tecnologia.

b) Desempenho, forma e tecnologia.

c) Desempenho, forma e conteúdo.

d) Desempenho, lógica e tecnologia.

e) Funcionamento, lógica e tecnologia.

122- A transmissão da informação precisa ser direta e inequívoca. Isso quer dizer que: (Cap. 15).

a) A informação é tanto menor quanto mais as possibilidades forem excluídas.

b) A informação é tanto maior quanto mais possibilidades forem excluídas.

c) A informação depende das alternativas disponíveis.

d) Quanto maior o número de alternativas maior a quantidade de informação.

e) Nenhuma das alternativas.

123- O controle estatístico da qualidade, de acordo com Beer, pode ser classificado com um sistema: (Cap. 15).

a) Probabilístico complexo.

b) Probabilístico simples.

c) Determinístico complexo.

d) Determinístico simples.

e) Probabilístico excessivamente complexo.

124- Na hierarquia dos sistemas proposta por Boulding, o termostato pode ser incluído no nível: (Cap. 15).

a) Dos sistemas transcendentais.

b) Dos sistemas abertos de existência autônoma.

c) Dos sistemas dinâmicos simples.

d) Dos sistemas cibernéticos simples.

e) Das estruturas estáticas.

125- Os produtos de um determinado artigo, ao final da linha de montagem, são exemplos de sistemas: (Cap. 15).

a) Homomorfos.

b) Estáticos.

c) Isomorfos.

d) Determinísticos.

e) Simples.

126- A repetição introduzida para que a recepção seja mais garantida é um fenômeno da comunicação chamado:

a) Ruído.

b) Canal

c) Recepção.

d) Transmissão.

e) Nenhuma das alternativas.

127- A relação entre coisas e suas características, de maneira a representá-las através de suportes de informação, é uma parte da cibernética conhecida como: (Cap. 15).

a) Homeostase.

b) Comunicação.

c) Informática.

d) Feed Back.

e) Nenhuma das alternativas.

128 – Assinale qual das soluções da era digital abaixo corresponde à integração das saídas (relacionamento com os cliente): (Cap. 16).

a) Supply Chain

b) Enterprise Resource Management (ERM)

c) Customer Relationship Management (CRM)

d) Todas as alternativas

e) Nenhuma das alternatives

129- A programação dinâmica é aplicada em: (Cap. 16).

a) Problemas que envolvem várias maquinas e suprimentos.

b) Relações informais entre os participantes.

c) Problemas relacionados com a fixação de prazos para execução dos projetos.

d) Problemas com escolhas de amostras representativas de uma totalidade.

e) Problemas que envolvem várias faces inter-relacionadas, onde se deve adotar uma decisão adequada a cada uma das fases, tendo em vista o objetivo final.

130- O estudo da tomada de decisão sob a perspectiva do processo é: (Cap. 16).

a) Muito genérico e se concentra nas etapas da tomada de decisão.

b) Orientado para a solução de problemas e se concentra mais na atividade de escolha.

c) Muito especifico e se concentra na procura das condições que demandam solução no ambiente.

d) Muito genérico em inventar, desenvolver e analisar possíveis cursos de ação.

e) Nenhuma das anteriores.

CAPÍTULO 16: TEORIA MATEMÁTICA DA ADMINISTRAÇÃO

131- A Teoria da Matemática tem mostrado uma ênfase enorme na tentativa de construir modelos matemáticos capazes de simular situações reais nas empresas. Um modelo constitui: (Cap. 16).

a) Um ideal perfeito de alguma realidade prática

b) Uma parte concreta se alguma entidade abstrata e ideal.

c) A representação de alguma coisa ou padrão de algo a ser feito.

d) Uma simplificação ou redução de aspectos ideais que se pretende concretizar.

e) Nenhuma das alternativas.

132 – Dentre as alternativas abaixo, quais representam fases da metodologia da PO? (Cap. 17).

1. Formular o problema;

2. Constituir um modelo matemático para representar o sistema;

3. Deduzir uma solução do modelo;

4. Testar o modelo e a solução;

5. Estabelecer controle sobre a solução;

6. Colocar a solução em funcionamento (implementação)

a) 1; 3; 5 e 6

b) 1; 2; 4 e 5

c) 2; 3; 5 e 6

d) 2; 4; 5 e 6

e) Todas as alternativas

133 – Quais as perspectivas em que são definidos os objetivos estratégicos do Balanced Scorecard (BSC):

a) Recursos Humanos, Suprimentos; Logística e Financeira.

b) Inovação e aprendizado; Suprimentos; Logística e Financeira.

c) Inovação e aprendizado; Suprimentos; Clientes e Financeira.

d) Inovação e aprendizado; Processos Internos; Clientes e Financeira.

e) Suprimentos; Logística e Financeira; Processos Internos e Clientes.

CAPÍTULO 17: TEORIA DE SISTEMAS

134- A conclusão de que a organização não possui estrutura nem autonomia física identificável e permanente pode ser atribuída a: (Cap. 17).

a) Von bertalanffy

b) Von Neumann.

c) Katz e Kahn.

d) Maslow.

e) Beer.

135- Um dos parâmetros dos sistemas tem por objetivo o controle. É conhecdio por: (Cap. 17).

a) Insumo ou entrada.

b) Transformação ou processador.

c) Retroinformação e retroação.

d) Resultado ou saída.

e) Nenhuma das alternativas.

136- Para Katz e Kahn, os sistemas abertos são compreendidos como ciclos de eventos. Isto significa que:

a) São formados por eventos e não por partes estruturais.

b) Tem um funcionamento de caráter clinico de repetição de ciclos de eventos que compreendem uma unidade em sua conclusão ou fechamento.

c) Apresentam uma tendência à entropia a cada ciclo de eventos significa um funcionamento que se vai degradando até o desaparecimento do sistema.

d) Procuram manter uma certa constância no intercâmbio de energia importada e exportada, assegurando seu caráter organizacional e evitando o processo entrópico.

e) Nenhuma das alternativas.

137- A Teoria de Sistemas enfatiza o “Homem Funcional”, que é: (Cap. 17).

a) Um misto de homem econômico, homem social e homem organizacional.

b) Um misto de homem administrativo e um homem organizacional.

c) Um homem que se comporta em um papel dentro das organizações, interrelacionando-se com os demais indivíduos, como um sistema aberto.

d) Um homem que nasce, cresce e vive dentro de sistemas abertos, desempenhando papéis que lhe são impostos.

e) Nenhuma das alternativas.

138- Qual das alternativas abaixo corresponde a um aspecto que a Teoria de Sistema considera na definição da organização, segundo o Modelo de Schein? (Cap. 14).

a) Os sistemas são ciclos de eventos que se repetem.

b) Informação como um insumo, retroação negativa e processo de codificação.

c) A organização é um sistema aberto, em constante interação com o meio.

d) Os sistemas sociais não têm limitação de amplitude.

e) As funções, normas e valores são os principais componentes do sistema social.

CAPÍTULO 18: TEORIA DA CONTINGÊNCIA

139 – Qual da alternativa abaixo se refere a um aspecto básico da Teoria da Contingência? (Cap. 18).

a) A organização é de natureza sistêmica, isto é, ela é um sistema aberto.

b) A organização é um sistema aberto, em constante interação com o meio.

c) Apresenta relação de intercâmbio com o ambiente por meio de inúmeras entradas e saídas

d) A organização Constitui no meio interno ou atmosfera psicológica característica de cada organização.

e) Nenhumas das alternativas

140 – Assinale a alternativa que representa a definição de um Ambiente Geral: (Cap. 18).

a) Contexto que envolve externamente a organização

b) É o macroambiente, ou seja, o ambiente genérico e comum a todas as organizações.

c) É o ambiente mais próximo e imediato de cada organização.

d) E o ambiente de operações de cada organização.

e) Nenhuma das alternativas

141- São características do planejamento para a Adhocracia: (Cap. 18).

a) Detalhado e abrangente

b) Situado a longo prazo

c) Envolve políticas, procedimentos, regras e regulamentos.

d) Envolve apenas situações rotineiras e previsíveis.

e) Nenhuma das alternativas

142- A Teoria da Contingência afirma que: (Cap. 18)

a) Existem princípios universais da administração aplicáveis para todas as situações com que se defronta o administrador.

b) Existem princípios das Teorias Clássicas e das Relações Humanas que, quando aplicados em conjunto, proporcionam soluções otimizantes.

c) Existem princípios da Teoria Clássica e das Relações Humanas que, quando aplicados em conjunto, proporcionam soluções satisfacientes.

d) Não há uma única e melhor maneira para se organizarem as organizações dentro de princípios universais de administração, pois tudo depende das circunstâncias e das situações envolvidas.

e) Nenhuma das alternativas

143- As organizações mecanísticas, segundo a pesquisa de Burns e Stalker, caracterizam-se por: (Cap. 18)

a) Estruturas burocráticas altamente centralizadas e hierarquizadas, amplitude de controle e do supervisor mais estreita, com ênfase nos princípios da Teoria Clássica.

b) Estruturas burocráticas altamente centralizadas e hierarquizadas, amplitude de controle e do supervisor mais ampla, com ênfase nos princípios da Teoria das Relações Humanas.

c) Estruturas flexíveis relativamente descentralizadas, amplitude de controle do supervisor mais ampla, com ênfase nos princípios da Teoria das Relações Humanas.

d) Estruturas Flexíveis relativamente centralizadas, amplitude de controle do supervisor mais estreita, com ênfase na Teoria Clássica.

e) Nenhuma das alternativas.

144- Dentro do conceito de diferenciação e de integração, as orientações para o objetivo, para tempo e interpessoal são componentes da: (Cap. 18)

a) Integração.

b) Diferenciação

c) Da diferenciação e da integração.

d) Da integração requerida.

e) Da diferenciação requerida

145- Quanto maior a orientação para o objetivo, maior: (Cap. 18)

a) A identificação que um departamento tem com o seu próprio objetivo específico.

b) A identificação que um departamento tem com o objetivo organizacional.

c) A tendência para a organização adotar uma visão a longo prazo.

d) A tendência para o departamento adotar uma visão a longo prazo.

e) A tendência para ênfase no cumprimento das tarefas específicas.

146- A tecnologia mediadora, para Thompson, caracteriza-se: (Cap. 18)

a) Pela interdependência serial das tarefas necessárias para completar um determinado produto.

b) Por modalidades padronizadas e, extensivamente, como ocorre com as técnicas burocráticas de categorização e de aplicação impessoal dos regulamentos.

c) Pela focalização de uma ampla variedade de habilidade e especializações sobre um único cliente, determinadas por realimentação proporcionada pelo próprio cliente.

d) Por uma tecnologia eminentemente flexível e combinatória.

e) Nenhuma das alternativas.

CAPÍTULO 19: PARA ONDE VAI A TGA?

147– Assinale a alternativa que não corresponde às características da gestão do conhecimento: (Cap. 19).

a) Gestão do conhecimento é um processo integrado destinado a criar, organizar, disseminar e intensificar o conhecimento para melhorar o desempenho global da organização.

b) O Conhecimento é um ativo tangível

c) O capital financeiro depende totalmente do conhecimento e sobre como aplicá-lo

d) Todos os recursos organizacionais passaram a depender do conhecimento.

e) O conhecimento é obtido por meio da interação social, estudo, trabalho e lazer.

GABARITO

102a

102e

104b

105b

106a

107b

108a

109c

110c

111d

112e

113a

114a

115e

116d

117a

118d

119c

120d

121d

122b

123b

124d

125e

126d

127c

128c

129e

130a

131c

132e

133d

134c

135c

136b

137c

138a

139b

140d

141a

142d

143a

144b

145a

146b

147b

Comentários