Esquadrias de alumínio

Esquadrias de alumínio

Esquadrias de Alumínio

  • economia: dispensam lixamento, pintura, conservação periódica e outros custos;

  • leveza: as ligas metálicas de alumínio são resistentes e possuem baixo peso específico, fazendo com que a esquadria confeccionada com alumínio seja 2,9 vezes mais leve que a com aço.

  • As esquadrias feitas com alumínio são fáceis de assentar, transportáveis a baixo custo e aliviam a carga permanente da edificação;

Esquadrias de Alumínio

  • durabilidade: as esquadrias de alumínio anodizado são imunes à ação do tempo, tendo durabilidade quase ilimitada;

  • perfeição de acabamento: a maleabilidade do alumínio permite que todos os detalhes que valorizam a obra possam ser executados com perfeição;

  • O alumínio também é indeformável, de modo que as esquadrias não ficam sujeitas a rachaduras, empenamentos e variações de volume;

Esquadrias de Alumínio

  • estética: o alumínio permite a produção de perfis com formas capazes de assegurar excelentes efeitos visuais.

Esquadrias de Alumínio

  • Aspectos que devem ser considerados:

    • Estanqueidade ao ar (resistência à penetração do ar);
    • Estanqueidade à água;
    • Devem atender às condições das normas técnicas que dizem respeito à resistência ao vento;
    • A camada de anodização tem de ser especificada em função das condições de exposição.

Esquadrias de Alumínio

  • Uma das características mais conhecidas do alumínio é sua excepcional resistência à corrosão.

  • Esta resistência é devida a um fenômeno interessante: o alumínio em contato com o ar desenvolve instantaneamente uma camada de óxido, que isola a superfície do metal e interrompe o processo de oxidação.

Esquadrias de Alumínio

  • A anodização é um processo eletroquímico que permite aumentar artificialmente esta camada de óxido que, com a espessura adequada, confere proteção extra e aspecto visual uniforme em toda a superfície, por muitos e muitos anos.

Esquadrias de Alumínio

  • Alguns Modelos de Janelas

Esquadrias de Alumínio

  • Alguns Modelos de Porta

Esquadrias de Alumínio

  • Algumas Obras:

Esquadrias de Alumínio

  • Como escolher o produto certo para cada ambiente

    • Em salas, cozinhas e banheiros, o mais freqüente é utilizar esquadrias em que todo o vão permita a passagem de luz.  Isto contribui para que os ambientes tenham melhor iluminação natural, o que além de saudável é econômico, na medida em que é menor a necessidade de se acender luzes durante o dia. 
    • Em quartos, é freqüente a preferência por esquadrias capazes de bloquear a passagem da luz, deixando os ambientes mais aconchegantes para dormir.

Esquadrias de Alumínio

  • Quais os tipos de perfis?

  • Perfil tubular: possui uma estruturação maior, formando um seção interna que aumenta muito a resistência do perfil e da peça;

  • Perfil não tubular: tubulares são mais flexíveis e sujeitos a torções

Esquadrias de Alumínio

  • Perfil Tubular

  • Perfil Não Tubular

Esquadrias de Alumínio

  • O que é Caixa de dreno?

  • Desenvolvida para ser utilizada no peitoril das janelas, venezianas e portas-balcão, a caixa de dreno é composta de um perfil tubular que estrutura melhor a esquadria e funciona como uma galeria pluvial que assegura uma

  • drenagem rápida e eficiente,

  • mesmo em casos de chuvas

  • muito intensas.

Esquadrias de Alumínio

  • Carro de Náilon

  • Para que as folhas da esquadria corram de maneira fácil e suave por anos e anos, as tradicionais roldanas foram substituídas por um carro de náilon especial, que não tem parafusos ou partes que possam

  • soltar-se com o tempo.  Eles não

  • ressecam nem estão sujeitos à

  • fadiga de material. 

Esquadrias de Alumínio

  • INSTALAÇÃO

  • 1 - Abra as grapas laterais que serão chumbadas. Ponha a peça no lugar, observando as inscrições na embalagem indicando o lado de dentro e a posição (seta para cima). Calce-a levemente com pedaços pequenos de madeira. Não use cunhas.

Esquadrias de Alumínio

  • 2 - Acerte o prumo e o nível da peça. No caso de janelas, venezianas e portas-balcão, use também um fio de náilon esticado, rente à parte inferior da peça, para evitar eventuais embarrigamentos.

  • 3 - Com a peça devidamente calçada, com nível e prumo conferidos, inicie a fixação com cimento (1 parte de cimento para 3,5 de areia).

Esquadrias de Alumínio

  • 4 - Depois que o cimento secar, retire os calços de madeira, feche os buracos com cimento.

Esquadrias de Alumínio

  • 5 - Dê acabamento na parede, inclusive pintura.

Esquadrias de Alumínio

  • 6 - Quando terminar o acabamento, remover a embalagem (proteção rígida): o serviço está perfeito.  Todo este procedimento é importante porque o cimento e a cal agridem o alumínio, podendo causar manchas permanentes.  Além disso, os vidros ficam protegidos, evitando quebras acidentais.

Esquadrias de Alumínio

  • Observação:

  • O nível e prumo são importantes porque a instalação de uma peça fora de esquadro irá gerar problemas de infiltração de água que acabará dificultando o deslizamento das folhas (nas janelas e portas-balcão) e a abertura e fechamento, no caso das portas.

Esquadria de Alumínio

  • CONSERVAÇÃO

  • A única manutenção recomendada para esquadrias de alumínio é a limpeza.  Para isto, use somente água e sabão neutro, com um pano ou esponja macia.  Nunca use palha de aço ou buchas abrasivas, nem líquidos abrasivos, sapólio etc.  No caso de peças com pintura eletrostática, a dica é colocar um pouco (uma tampinha) de lustra-móveis na água com sabão neutro que será utilizada na limpeza.  Isto dá brilho e protege a pintura.

Esquadrias de Aço Fosfotizado

  • Alguns Modelos

Esquadrias de Aço Pintado com Vidros

  • Alguns Modelos

Comentários