Lagoas de Estabilização - Completo

Lagoas de Estabilização - Completo

(Parte 1 de 4)

Marcos von Sperling Marcos von Sperling

UniversidadeFederal de Minas Gerais

Em todos os sistemas: conhecimento do processo para projeto e operação

Sem aeração

Facultativa

Facultativa

ETE Parque Fluminense -CE

Anaeróbia - Facultativa

ETE Jales -SP (21 ha, 60 L/s, 2 sistemas)

Anaeróbia - Facultativa

ETE Brazlândia-DF (43.0 hab)

Anaeróbia

ETE Maracanaú-CE

Facultativa

ETE Maracanaú-CE -1 LAn+ 1 LF + 3 LM (100 ha)

Com aeração mecanizada

Lagoa aerada

ETE Sul da França

Lagoa aerada

ETE Tupamirim-CE

Lagoa aerada

ETE em Bangoc, tailândia, tratando água de rio poluído

Lagoa aerada

ETE Vale do Amanhecer -DF (15.0 hab): Reator UASB -lagoas aeradas

Lagoa aerada

Reator UASB LAMC

ETE Recanto das Emas -DF (100.0 hab): Reator UASB -lagoas aeradas de mistura completa -lagoa aeradas facultativas

Com lagoas de maturação

Facultativa + maturação

Nova Zelândia

Com lagoas de maturação

Ceará

Pós-tratamento de efluentes anaeróbios

Reator UASB

Amos trage m e retirada do lodo

Reator de FC

Coif a

Saída biogás

Selo hídrico

Comparação de sistemas com e sem reator UASB

Itabira (7.0 hab)

Itabira (7.0 hab)

Juramento (1.500 hab)

Samambaia (180.0 hab)

Reator UASB - Lagoa facultativa - Lagoa de alta taxa - Lagoa de maturação -

ETE Experimental UFMG/COPASA -250 hab

Comparação entre as variantes

Item específicoSistema de lagoas

Fa cult ativ a Ana eróbia - facu ltativa

Ae rada facu ltativa

(Parte 1 de 4)

Comentários