Densidade se Sólidos e Líquidos

Densidade se Sólidos e Líquidos

(Parte 3 de 4)

Evaporação do líquido durante a pesagem. Líquidos voláteis precisam de picnômetros com tampa no braço lateral.

Possíveis Fontes de Erro: 1.

Tabela 5: Densidade obtida nas diferentes concentrações de NaCl

Amostra

Concentração da Solução

20 g/L1,005 g/mL 40 g/L1,020 g/mL 60 g/L1,030 g/mL 100 g/L1,055 g/mL

Desconhecida 1,005 g/mL

DensidadePrática Densidade Teórica

3. a.

Com base nos dados observados, calcular as densidades das amostras em g/cm³ e o erro percentual.

As densidades práticas já estão incluidas nas tabelas 02, 04 e 05 do relatório. Só foi possível calcular o erro percentual das amostras abaixo citadas, uma vez que, não há o conhecimento do valor teórico das demais amostras utilizadas.

Explicar a influência da temperatura na densidade dos sólidos.

Um aquecimento, por exemplo, provoca, na maioria dos materiais, um aumento de volume e isto interfere no valor da densidade. A água, por exemplo, no estado líquido, a uma temperatura de 4 °C tem densidade de 1 g/cm³. Já no estado sólido, abaixo da temperatura de congelamento, ela assume densidade de aproximadamente 0,92 g/cm³. Isto permite que o gelo flutue na água.

Explicar como a determinação da densidade seria afetada se:

A amostra não ficasse completamente submersa na água da proveta.

De acordo com o Princípio de Arquimedes, quando um corpo está totalmente imerso num líquido, podemos ter as seguintes condições: 1.Se permanecer parado no ponto em que foi colocado: força de impulsão = força peso; 2.Se afundar: força de impulsão < força peso;

4. RESOLUÇÃO DE QUESTÕES PROPOSTAS

Amostra

Experiência 1

Metal 2 (Cu) Metal 4 (Al)

Experiência 2 Água

Erro Percentual

2,67 %9,2 g/mL 5,50 %2,5 g/mL

0,56 %0,9914 g/mL

DensidadePrática Densidade Teórica

8,96 g/cm³ 2,7 g/cm³

0,997 g/cm³

3.Se levado para a superfície: força de impulsão > força peso.

Além disso, caso a amostra não esteja completamente submersa, não haverá uma leitura correta do volume de H²O, alterando assim, o valor da densidade prática que será calculada no experimento.

Ocorresse a formação de bolhas na superfície da amostra.

A formação de bolha de ar na superfície da amostra, alteram o valor na leitura do volume, alterando diretamente, o resultado do calcula da densidade.

Explique as outras prováveis fontes de erro desta experiência, justificando-as.

Todas as prováveis fontes de erros já foram citadas no relatório, ao final da explanação de cada experimento.

Porque a água é usualmente empregada como substâncias padrão nos cálculos de densidades relativas?

De modo geral, o padrão utilizado é a água destilada a 4° C, cuja densidade absoluta é considerada como 1g/cm³, facilitando a comparação entre as demais amostras, bem como o cálculo das mesmas.

A densidade é determinada em duas etapas: Primeiro determina-se a massa do corpo cuja densidade se quer medir; em seguida, determinase a massa de água destilada à temperatura de 4° C, cujo volume seja igual ao do corpo em questão. Obtidos esses dois valores, basta dividir o primeiro pelo segundo, para se estabelecer o valor da densidade.

Calcule a densidade dos seguintes casos: Uma esfera metálica que tem um diâmetro de 0,715cm e por massa 1,755g;

Se a esfera possui diâmetro de 0,715cm, seu raio (r = d/2) é 0,3575cm. Primeiramente, calculamos o volume da esfera metálica:

6. a.

Tendo conhecimento do volume e da massa da esfera, calculamos a densidade:

De uma liga metálica na forma de um disco chato com 3,15cm de diâmetro e 0,45cm de espessura, com um orifício de 0,70cm de diâmetro no centro. A massa do disco é de 22g.

Se o disco possui diâmetro de 3,15cm, seu raio (r = d/2) é 1,575cm. Primeiramente, calculamos o volume total do disco:

Em seguida calculamos o volume da área vazada, para que possamos subtrair do volume total:

Vtotal – Vvazado = Volume do Disco -> 16,3650 – 0,179589 = 16,185411 cm ³

Tendo conhecimento do volume e da massa da esfera, calculamos a densidade:

b.

8. amostra desconhecida

5.1.densidade de sólidos

5.2.determinação da densidade relativa de um líquido por picnometria

Com os dados da densidade e concentração das soluções de cloreto de sódio, plotar um gráfico com estes valores.

(Parte 3 de 4)

Comentários