rhino level 1 portugues

rhino level 1 portugues

(Parte 1 de 3)

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Rhinoceros NURBS modeling for Windows

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Rhino3D Apostila Nível I

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates 3

Rhinoceros 3D

Copyright © 1993 - 2006 Robert McNeel & Associates. Reservados todos os direitos.

Impresso nos E.U.

Rhinoceros é uma marca Registrada e Rhino é uma marca comercial de Robert McNeel & Associados.

Todas as demais marcas ou nomes de produtos são marcas registradas ou marcas comerciais de seus respectivos proprietários

Esta é uma tradução particular, não autorizada, apenas com finalidades didáticas e sem fins lucrativos, podendo, portanto, conter alguns erros.

Estes erros, no entanto, não impedem que você possa desfrutar de um trabalho que foi executado visando promover um maior entrosamento entre os usuários iniciantes e o Programa Rhinoceros.

Observação Importante:

Esta Apostila, por ser uma propriedade particular de Robert McNeel & Associados, vertido para o Português do Brasil apenas com finalidades didáticas, não pode, no todo ou em partes, ser comercializada nem fazer parte de nenhuma transação com fins lucrativos.

Os infratores estarão sujeitos aos rigores da lei.

Mogi das Cruzes, Setembro de 2008.

Tradução e Formatação: Edu Lopes edulopesbr@yahoo.com.br

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Informações Prévias

Esta Apostila Nível 1 do Rhinoceros 3D é um guia de aprendizagem que visa capacitar você a aprender rapidamente a realizar Modelos 3D com Rhinoceros de uma forma prática e rápida.

Através desta apostila você receberá informações em um ritmo bastante acelerado, mas de uma forma didática que facilitará bastante a retenção dos assuntos que forem abordados.

Para melhores resultados, pratique bastante em uma estação de trabalho do Rhinoceros e se necessitar de mais informações, não deixe de consultar o Manual de Referências do Rhinoceros.

Objetivos do Curso

No Nível 1, você aprenderá a:

• Personalizar a janela de trabalho para modelar. • Criar objetos gráficos básicos: linhas, círculos, arcos, curvas, sólidos e superfícies. • Desenhar com precisão, utilizando informações de coordenadas e referências a objetos (Object Snaps). • Modificar objetos com comandos de edição.

• Visualizar qualquer parte do modelo.

• Impostar e unir modelos.

• Exportar modelos a diferentes formatos de arquivos.

• Renderizar modelos.

• Visualizar qualquer parte do modelo.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Rhinoceros – Funções Básicas

A Interface do Rhinoceros para Windows

Antes de começar a aprender a utilizar as ferramentas individuais, vamos conhecer a Interface do Rhino.

Os exercícios que iremos ver na continuação aprofundarão seus conhecimentos dos elementos da interface que são utilizadas no Rhino, como por exemplo, a janela do Rhino, as Vistas, os Menus, as Barras de Ferramenta e os Quadros de Diálogo.

Existem várias maneiras de utilizar os comandos do Rhino: mediante o teclado, através dos menus e através das barras de ferramentas. Nesta lição, centraremos nossa atenção nas Barras de Ferramentas.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Para iniciar o Rhino:

No seu Desktop, clique sobre o ícone do Rhino.

A Janela do Rhino

No Rhino a janela é dividida em seis áreas que lhe proporcionam informações ou lhe solicita dados:

Área da Janela Descrição

Barra de menu Acesso a comandos, opões e ajuda.

Barra de Ferramentas

Acesso rápido aos comandos e às opções. Aparece na janela em modo aberto.

Área gráfica Pode-se visualizar até quatro janelas diferentes. A disposição das janelas standart é de quatro janelas (Superior, Frontal, Direita e Perspectiva).

Janelas Aparecem na janela várias vistas do modelo dentro da área gráfica.

Línha de comandos Lista dos Comandos introduzidos e as informações obtidas.

Barra de estado Mostra na janela esquerda inferior as coordenadas do cursor, o estado do modelo, as opções e os botões para ativar e desativar comandos.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Janela do Rhino Observe a linha de comandos para ver o que ocorre.

Menus A maioria dos comandos do Rhino pode ser encontrada nestes menus.

Menu View, do Rhino

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Barras de Ferramentas

As Barras de Ferramentas do Rhino contém botões que nos auxiliam na utilização do método abreviado de teclas dos comandos.

É possível fazer com que as barras de ferramentas se desloquem para qualquer posição da área de trabalho, fixando-se em algum lugar de sua área gráfica.

Quando você abre o Rhino, aparecerá a barra de ferramentas Toolbar

Main 1, situada sobre a área gráfica, e a barra de Ferramentas Toolbar Main 2, à esquerda da janela.

Legendas

As legendas nos indicam o que faz cada um dos ícones. Movendo o cursor sobre o ícone, aparecerá um pequeno rótulo amarelo com o nome do comando. No Rhino, existem diversos ícones que podem executar dois comandos. A legenda lhe indicará quais têm funções duplas, apresentando uma linha vertical entre os dois comandos.

Ícones Flutuantes

Os ícones das barras de ferramentas podem incluir outras opções de comando em um sub-menu de ícones flutuantes (Fly out). Normalmente os ícones flutuantes contêm variações do comando base. Depois que você selecionar um ícone, os ícones flutuantes desaparecem.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Os ícones flutuantes estão marcados com um pequeno triângulo branco na quina inferior direita. Abra os ícones flutuantes da barra de ferramenta clicando o botão esquerdo do mouse e segurando por um segundo ou clicando com ambos os botões do mouse ao mesmo tempo.

A barra de Ferramentas Lines (Linhas) está vinculada à barra de ferramentas Toolbar Main 2. Se clicar com o botão esquerdo do mouse, abrirá a barra com ícones flutuantes.

Área Gráfica

Você pode personalizar a área gráfica do Rhino para adequá-la às suas preferências. As posições das janelas podem ser configuradas de maneiras diferentes.

Janelas

As janelas da área da janela lhe mostram as vistas de seu modelo. Pode-se mover e alterar o tamanho das janelas apenas clicando e arrastando a barra de títulos pelas bordas. Cada janela tem seu próprio plano de trabalho sobre o qual se move o cursor e um modo de projeção. Pode-se criar novas janelas, renomeá-las e utilizar as configurações de janelas pré-definidas.

Também pode ir mudando de uma janela pequena para outra, apenas clicando duas vezes sobre a barra de títulos da janela.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Janela do Rhino reorganizada. Linha de comandos embaixo, uma só janela e a barra de ferramentas em outro lugar.

A Janela de Comandos

A janela de comandos mostra na tela os comandos e as perguntas que forem solicitadas. Pode-se posicionar na parte superior ou inferior da tela. A janela de comandos mostra três linhas por default.

O Mouse

Numa janela do Rhino, o botão da esquerda do mouse serve para selecionar objetos e o botão da direita do mouse funciona como ENTER. Use o botão da esquerda para selecionar objetos nos modelos, comandos ou opções dos menus e ícones da barra de ferramenta. Use o botão da direita para completar o comando, para mover entre os passos dos comandos e para repetir o comando anterior. O botão da direita é utilizado para executar alguns comandos a partir dos botões da barra de ferramentas.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Arraste com o botão direito para DESLOCAR OU GIRAR as vistas nas janelas. Mantenha pressionada a tecla CTRL e arraste com o botão direito para ampliar (ZOOM IN) ou reduzir (ZOOM OUT) nas vistas de uma janela. Para ativar esta função, você deve clicar e manter pressionado o botão direito do mouse.

Introduzir Comandos

Utilize a linha de comandos para introduzir comandos, as opções, as coordenadas, as distâncias, os ângulos, os raios, os métodos abreviados de teclado, e para ver as perguntas dos comandos.

Para introduzir as informações solicitadas, digite o comando e clique em ENTER, a barra de espaços ou o botão direito do mouse.

O método abreviado de teclado são combinações de teclas programadas. Pode-se programar combinações de teclas de função e CTRL para executar comandos no Rhino.

Nota: No Rhino, a Tecla ENTER e a barra de espaço exercem a mesma função.

Introduzir opções

Para introduzir os comandos, digite a primeira letra da opção. As letras maiúsculas não produzem nenhum efeito na hora de introduzir uma opção: por exemplo, para a opção AroundCurve, digite A e não AC. Só é necessário escrever as palavras precisas da opção para que se diferencie da outras opções que empregam a mesma palavra.

Tecla Tab para completar o nome do comando

Digite as primeiras letras do comando e depois clique na tecla TAB. Se as letras que escreveu corresponderem ao nome de um só comando, o comando será escrito inteiro na linha de comandos. Se existe mais de um comando que emprega as mesmas letras que você escreveu, o Rhino só o completará na medida do possível.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Repetir comandos

Seu último comando pode ser repetido com apenas um toque no botão direito do mouse em uma janela, ou clicando na tecla ENTER, ou na barra de espaço. Pode-se repetir o último comando clicando o botão direito na janela da linha de comando e selecionando o comando em uma lista.

Cancelar comandos

Para se cancelar um comando clique sobre a tecla ESC ou execute um novo comando na barra de ferramenta ou menu.

Ajuda

Pode-se acessar a Ajuda do Rhino em qualquer momento pressionando a tecla F1. Além de encontrar informações acerca de cada comando, a Ajuda do Rhino inclui informações conceituais, assim como vários exemplos e gráficos para ajudar-lo a realizar seu modelo. Quando sentir qualquer tipo de dificuldade ao criar seus modelos, consulte o arquivo de Ajuda. Você também pode acessar a ajuda para consultar informações sobre um comando específico, executando este comando e imediatamente clicando sobre a tecla F1.

Visualizar o Histórico da Linha de Comandos

No histórico da janela da linha de comandos, são armazenadas as últimas 500 linhas da sessão atual do Rhino. O Histórico da Linha de Comando pode ser visto em qualquer momento, clicando sobre a tecla F2.

Visualizar os Comandos mais Recentes

Clique com o botão direito na linha de comandos para ver os comandos utilizados mais recentemente. Para repetir o comando, selecione o menu desdobrável.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Exercício 1 - Funções Básicas do Rhino

Para ver seu primeiro modelo do Rhino:

1. No menu File, selecione Open. 2. No quadro de diálogo Open, selecione First Model.3dm.

Duas janelas paralelas e uma Janela em perspectiva.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Este modelo contém cinco objetos: um cubo, um cone, um cilindro, uma esfera e uma superfície retangular.

Não é possível selecionar nem mover o plano. Você aprenderá como fazêlo mais adiante. Só está aqui para oferecer-lhe uma superfície debaixo de seus objetos.

3. No menu View, escolha Disposição das Janelas Viewport Layout, e selecione 4 Viewports.

Três janelas paralelas e uma janela em perspectiva.

4. Na barra de Estado (parte inferior da janela), selecione Snap para ativar o SNAP (referência a objetos)

Pode ser que a opção já esteja ativada. Preste atenção, pois pode acontecer de ela já estar ativada e você a desativar por engano. Se ela estiver ativada, a palavra SNAP aparecerá na cor preta. Se estiver desativada, aparecerá em cinza.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Nota: Este passo é muito importante. A grade do snap somente lhe permitirá mover seu cursor em certos intervalos. Neste modelo, a grade de snap esta na metade da medida por default. O snap lhe ajudará a alinhar seus objetos como se estivesse construindo figuras com blocos de LEGO.

Clique com o mouse na janela Perspectiva para ativá-lo.

A barra de título ficará em evidência, quando a janela estiver ativa.

5. No menu Render, selecione Shade.

Visualização em modo sombreado.

O objeto aparecerá sombreado. O comando Shade lhe permitirá visualizar suas figuras em tons de cinza. O modelo estará agora recoberto por uma camada sombreada em tons de cinza e você poderá manipular os objetos no modo sombreado.

6. No menu Render, selecione Render.

O comando Render abre uma janela separada. O modelo mostra as cores designadas previamente a cada objeto. Se desejar, você também poderá introduzir focos de luz e um fundo. Isto você aprenderá a fazer mais adiante. Agora você não poderá mais manipular a vista na janela de renderização, porém a imagem poderá ser salva em um arquivo, como se fosse uma foto.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

7. Feche a janela de renderização. 8. Na janela Perspectiva clique com o botão direito do mouse e arraste com o botão clicado para rotacionar a vista. 9. No menu Render selecione Shade.

Rotacione a vista em modo sombreado.

O plano ajuda você a manter a orientação do objeto. Se ele desaparecer, é por que você está vendo a parte inferior do plano.

10. No menu Render, selecione Render.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Renderize a vista rotacionada.

1. Feche a janela de renderização. 12. Na janela Perspectiva da direita, arraste com o botão direito do mouse, para rotacionar a vista.

Rotação da Vista Alâmbrica

13. Rotacione a vista, arrastando com o mouse desde baixo até a parte de cima da janela.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

14. Na janela Perspectiva da direita, arraste com o botão direito do mouse para rotacionar a vista.

Observe os objetos rotacionados em modo (wireframe).

os vejamos

Agora olhamos os objetos pela parte inferior da vista no menu Render. Selecione Shade. Os objetos não são vistos pois o plano inferior impede que

Objserve os objetos pelo lado de baixo do plano, em modo sombreado..

O modo sombreado lhe permite ver quando o ponto de vista está abaixo dos objetos.

Para voltar à sua vista original: clique na tecla HOME para desfazer as mudanças de suas vistas.

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

Navegar pelo Modelo

Você usou o botão da direita do mouse para rotacionar o modelo pela janela Perspectiva. Pode clicar na tecla Shitft e arrastar com o botão da direita para mover o plano da vista. Quando se arrasta o botão da direita do seu mouse para mover o modelo, não se interrompe nenhum comando que esteja em progresso.

Para mover o plano de uma janela: na Janela Superior (Top), clique e mantenha pressionado o botão Shift e ao mesmo tempo arraste com o botão da direita do seu mouse para mover a vista.

Mover a vista com Shift e o botão direito do mouse.

Ampliar e Reduzir a Vista (Zoom In e Zoom Out)

Ás vezes é necessário que você se aproxime ou se distancie de um objeto para ter uma visão mais ampla de todo o plano. Usamos nestes casos, o comando ZOOM. Iguais a outras funções do Rhino, existem várias maneiras de se utilizar o zoom para ampliar ou reduzir a vista. A maneira mais fácil é clicando na tecla CTRL e arrastando para cima ou para baixo com o botão direito do mouse. Se você tiver um mouse com botões programáveis, programe-o para utilizar o zoom.

Para utilizar o zoom:

Rhinoceros 3D – Robert McNeel & Associates

1. Na Janela (Superior) clique e mantenha pressionada a tecla

(Parte 1 de 3)

Comentários