Fundações - Blocos de coroamento

Fundações - Blocos de coroamento

ESTRUTURAS ESPECIAIS DE CONCRETO

  • 1- BLOCOS RÍGIDOS SOBRE ESTACAS

  • O dimensionamento dos blocos rígido sobre estacas é

  • feito através do modelo de bielas e tirantes.

  • Para o bloco ser considerado rígido, sua altura h deve

  • ser: , onde lmáx é a distância do eixo da

  • estaca mais afastada da face do pilar.

  • Obs:

  • É recomendável a utilização de armadura de pele, principalmente quando a armadura principal tem diâmetro elevado. Essa armadura tem como finalidade reduzir a abertura das fissuras e seu valor pode ser estimado igual a 1/8 da seção total da armadura principal, em cada face do bloco(Alonso, 1983).

ESTRUTURAS ESPECIAIS DE CONCRETO

  • 1.2 – Bloco sobre uma estaca.

  • Cálculo do valor de B:

  • B   + 2.ao

  • Cálculo do valor de ao:

  • Cálculo do valor de d: 

  • 0,75(B - )

  • d · 1,2 

  • 0,75(B – b)

  • 30cm

ESTRUTURAS ESPECIAIS DE CONCRETO

  •  Esforço de tração:

  • Para B  d, temos:

  •  

  • Para B < d, temos:

  • Verificação da tensão de tração no concreto

  •  Seção dos Estribos Horizontais:

  • Seção dos Estribos Verticais:

ESTRUTURAS ESPECIAIS DE CONCRETO

  • RECOMENDAÇÕES:

  • Quando dimensões do pilar são maiores do que as das estaca, deve-se reforçar a aramaçõa superior do bloco;

  • Blocos sobre uma estaca recomenda-se que sejam ligados por cintas aos blocos vizinhos pelo menos em duas direções ortogonais.

  • Quando há excentricidade entre o eixo do pilar e o da estaca, recomenda-se o uso de cintas que absorverão os movimentos decorrentes da excentricidade.

  • Lembre-se além da armadura do bloco, temos a armadura de espera do pilar.

  • Fonte: Notas de aula Prof. Dr. Claudio Dias- Furg

  • DETALHES DAS ARMADURAS:

ESTRUTURAS ESPECIAIS DE CONCRETO

  • 1.3 – Bloco sobre duas estacas.

  • Cálculo do Valor de “e”:

  • Cálculo do Valor de “B”:

  • Cálculo do Valor de “d”:

  • 0,70(e – a/2)

  • d · e/2 = 45cm

  • 30 cm

ESTRUTURAS ESPECIAIS DE CONCRETO

  • Verificação da da Biela de Compressão:

  • Inicialmente, parte-se do valor d.e/2, verificando-se a seguir

  • Se não ocorre o esmagamento da biela comprimida. Para tanto

  • O valor deverá estar situado na área hachurada, da figura acima:

  • 2.ftk (blocos com relação a/d  1)

  •  ftk (blocos com relação 1< a/d  1,5)

  • 0,4.ftk (blocos com relação a/d > 2)

  • Onde: 0,1fck para fck  18 MPa

  • ftk = 0,06fck + 0,7 para fck>18MPa

ESTRUTURAS ESPECIAIS DE CONCRETO

  • a= Distância do centro da estaca ao centro da biela. No caso de bloco sobre duas estacas a=e/2

  • Bw = Largura do bloco na seção considerada

  • d= altura útil do bloco

  • =1,96

  • Cálculo dos Estribos Verticais:

  • Cálculo dos Estribos Horizontais:

  • Detalhamento:

ESTRUTURAS ESPECIAIS DE CONCRETO

  • 1.4 – Bloco sobre três estacas.

  • Cálculo do Valor de “e”:

  • Cálculo do Valor de “A”:

  • Cálculo do Valor de “B”:

ESTRUTURAS ESPECIAIS DE CONCRETO

  • d) Cálculo do Valor de “D”:

  • e) Cálculo do Valor de “d”:

  • 0,82(e – a/2)

  • d · e/2

  • f) Verificação da da Biela de Compressão:

  • Inicialmente, parte-se do valor d.e/2, verificando-se a seguir

  • Se não ocorre o esmagamento da biela comprimida. Para tanto

  • O valor deverá estar situado na área hachurada, da figura acima:

  • 2.ftk (blocos com relação a/d  1)

  •  ftk (blocos com relação 1< a/d  1,5)

  • 0,4.ftk (blocos com relação a/d > 2)

  • Onde: 0,1fck para fck  18 MPa

  • ftk = 0,06fck + 0,7 para fck>18MPa

ESTRUTURAS ESPECIAIS DE CONCRETO

  • g) Tensão de Tração do Concreto:

  • h) Cálculo dos Estribos Verticais:

  • Cálculo dos Estribos Horizontais:

  • 1.4 – Bloco sobre quatro estacas.

  • O bloco sobre quatro estacas pode ser armado segundo a

  • Perifiria, segundo as diagonais e em malhas. Incialmente

  • parte-se de uma relação . O cálculo das forças é

  • Da armadura é igual o cálculado para duas estacas.

Comentários