Manual de Soldagem

Manual de Soldagem

(Parte 6 de 10)

colagem com adesivos ou fixadas mecanicamente.

C: A união pelo processo é difícil. X: A união pelo processo não é recomendada. 3. A união de todas as ligas pode ser feita através de: soldagem ultrasônica,

LIGASAMG / SATGSPR / SCR B SB

PROCESSOS 1,2,3

A201.0BBX C
2.0CCX X
240.0CCX X
242.0CCX X
A242.0CCX X
295.0CCX X
319.0BBX X
355.0BBX X
C355.0BBX X
356.0AAC C
A356.0AAC C
A357.0AAC C
359.0AAC C
520.0BCX X
2.0CCX X
242.0CCX X
319.0BBX X
332.0BBX X
3.0BBX X
336.0BBX X
354.0BBX X
355.0BBX X
C355.0BBX X
356.0AAC C
A356.0AAC C
A357.0AAC C

PEÇA FUNDIDA EM MOLDE PERMANENTE 359.0A AC C

208.02798 512-632120 31 F 145 96 2,5 76117 5
213.02937 518-627120 30 F 165 103 1,5 62138 70
443.02687 577-632144 37 F 131 5 8,0 5 96 40
A443.02687 577-632144 37 F 131 5 8,0 5 96 40
B443.02687 577-632144 37 F 131 5 8,0 5 96 40
511.02660 588-638140 36 F 145 83 3,0 55117 50
512.02660 588-632144 38 F 138 90 2,0 59117 50
514.02660 599-638136 35 F 172 83 9,0 48138 50
535.02521 549-632 98 23 F 248 124 9,0 - - 65
710.02826 599-649136 35 F 241 172 5,0 55179 75
712.02826 599-638157 40 F 241 172 5,0 55179 75
208.02798 521-632120 31 F 193 110 2,0 89151 70
213.02937 518-627120 30 F 207 165 1,5 65165 85
238.02964 510-599103 25 F 207 165 1,5 -165 100
443.02687 577-632144 37 F 158 62 10,0 55110 45
B443.02687 577-632144 37 F 158 62 10,0 55110 45
A444.02687 577-632157 41 F 241 124 8,0 76 - 70
513.02687 582-638131 34 F 186 110 7,0 69151 60
711.02854 599-643177 40 F 241 124 8,0 76- 70
360.02687 571-588 144 37 F 324 172 3,0 131 207 75
380.02743 521-588107 27 F 331 165 3,0 145 213 80
413.02660 577-588153 39 F 296 145 2,5 131 193 80
518.02521 538-621 98 24 F 310 186 8,0 138 200 80

CAPÍTULO 2 Classificação das ligas de Alumínio

TABELA 2.13

Liga-

Densidade

(Kg/m )

Faixa Temp. Fusão

Condut. 3 Térmica

(W/m C)

Condut. Elétrica

(% IACS)Têmpera-

Limite Resistência

Limite Escoamento

AIong. % em 5Omm 1,6 esp. (12,7 m de Diâmetro) -

Resist. 1 Fadiga

Resist. Cisalhamento

Dureza 2 BrineII

(200 Kg)

A201.02798 571-648 120 30 T6 448 379 8,0 -289 130
2.02964 521-627127 3 T61 282 276 0,5 58220 115
240.02770 515-604 94 23 F 234 193 1,0 - - 90
242.02826 527-638148 38 T77 207 158 2,0 72165 75
13134 T571 220 207 0,5 76179 85
A242.02826 527-638 - - T75 213- 2,0 - - -
295.02826 521-648136 35 T4 220 110 8,5 48179 60
14035 T62 282 220 2,0 55227 90
319.02798 521-604 - - T5 207 179 1,5 76165 80
-- T6 248 165 2,0 76200 80
355.02715 549-621165 43 T51 193 158 1,5 55151 65
14036 T6 241 172 3,0 62193 80
16142 T7 262 179 0,5 69193 85
C355.02715 549-621144 39 T6 269 200 5,0 - - 85
356.02687 560-616165 43 T51 172 138 2,0 5 5 60
14839 T6 227 165 3,5 58 58 70
15340 T7 213 207 2,0 62 62 75
A356.02715 643-610148 40 T6 276 207 6,0 - - 75
A357.02715 554-610157 40 T6 317 248 3,0 83 83 85
359.02687 566-599136 35 T6 - - - - - -
520.02576 449-59 86 21 T4 331 179 16,0 5 5 75
2.02964 521-627128 3 T65 30 250 0,5 62179 140
242.02826 527-638131 34 T571 276 234 1,0 72207 105
1313 T61 324 289 0,5 65241 110
319.02798 521-604- - T6 276 186 3,0 - - 95
332.02770 521-638103 26 T5 248 193 1,0 - - 105
3.02770 521-588120 29 T5 234 172 1,0 83186 100
11629 T6 289 207 1,5 103227 105
14035 T7 255 193 2,0 183193 90
336.02715 538-571116 29 T551 248 193 0,5 93193 105
-- T65 324 296 0,5 -248 125
354.02715 538-599124 32 T62 393 317 3,0 -276 110
355.02715 549-621148 39 T16 289 186 4,0 69234 90
C355.02715 549-621144 39 T61 317 234 6,0 96220 100
356.02687 560-616148 41 T6 262 186 5,0 90207 80
15340 T7 220 165 6,0 76172 70
A356.02715 560-610148 40 T61 282 207 10,0 90193 90
A357.02715 554-610157 40 T6 358 289 5,0 103241 100
359.02687 566-599136 35 T62 345 289 5,5 110 - -

CAPÍTULO 2 Classificação das ligas de Alumínio

TABELA 2.14

Liga-

Densidade

(Kg/m )

Faixa Temp. Fusão

Condut. 3 Térmica

(W/m C)

Condut. Elétrica

(% IACS)Têmpera-

Limite Resistência

Limite Escoamento

AIong. % em 5Omm 1,6 esp. (12,7 m de Diâmetro) -

Resist. 1 Fadiga

Resist. Cisalhamento

Dureza 2 BrineII

(200 Kg)

1. Resistência a fadiga para corpos de prova cilíndricos e 500 milhões de ciclos. 2. Espera de teste de 10 m.

NOTAS:3. Condutividade térmica a 25C. 4. Teste realizado, aproximadamente, 30 dias após a fundição da peça.

CAPÍTULO 3

Metalurgia de Soldagem

Macrografia de uma solda na liga 6061-T6

CAPÍTULO 3 Metalurgia de Soldagem

Metalurgia é a ciência que estuda os metais. Embora ela envolva diversos aspectos - incluindo a extração do minério, o refino, a transformação e a aplicação dos metais -, o interesse geral neste capítulo limita-se a transformação e ao uso do alumínio e, mais especificamente, o seu emprego na fabricação por intermédio da soldagem. Por conseguinte, faremos uma recapitulação sobre a metalurgia do alumínio em conseqüência da sua relação em todos os tipos de operações de soldagem. No Capítulo 2 apresentamos um sistema de identificação para as ligas de alumínio trabalháveis e fundidas, bem como para as suas têmperas, utilizando uma série de números e às vezes uma letra sufixo. Daqui para a frente examinaremos os mecanismos pelos quais o elemento de liga, o tratamento térmico e o endurecimento por deformação a frio (encruamento) alcançam os resultados desejados, e também o efeito que os mesmos apresentam sobre a soldabilidade.

Embora vários elementos formem ligas com o alumínio, há um número relativamente reduzido de elementos que sozinhos ou combinados fornecem propriedades gerais desejáveis. Os elementos principais são: cobre, silício, manganês, magnésio e zinco. O cobre fornece alta resistência, já o silício diminui o ponto de fusão e propicia fluidez. O manganês confere um aumento moderado de resistência mecânica aliado a excelente ductilidade, e o magnésio fornece as maiores resistências, mantendo boa resistência à corrosão. O magnésio combinado com o silício produz uma família de ligas com boa resistência mecânica, plasticidade e extrudabilidade. O zinco quando combinado com o magnésio e o cobre confere resistências muito elevadas, enquanto que as ligas contendo zinco e magnésio são capazes de recuperar parte da resistência mecânica perdida através da soldagem por meio de envelhecimento em temperatura ambiente. Essas séries de ligas e suas propriedades particulares são descritas em detalhes ao longo deste capítulo. Designamos por liga de alumínio uma solução sólida obtida da mistura de um ou mais elementos de liga no alumínio em estado sólido. O alumínio consegue dissolver quantidades diferentes de cada elemento primário ou composto. Isto é mostrado na Tabela 3.1 que relaciona a solubilidade máxima de cada um deles no alumínio. Observe, também, que as temperaturas nas quais os elementos de liga atingem as suas solubilidades máximas variam amplamente.

TABELA 3.1

Entre os elementos secundários destacam-se o cromo, o ferro, o zircônio, o vanádio, o níquel, o bismuto e o titânio. Eles são adicionados para melhorar a tratabilidade térmica, resistência mecânica, resistência à corrosão e outras propriedades. Normalmente, quando da escolha dos parâmetros de soldagem, os elementos de liga secundários não são levados em consideração; todavia, podem possuir uma profunda influência sobre a soldabilidade. As Tabelas 3.2 e 3.3 especificam, respectivamente, as composições químicas de algumas das ligas de alumínio trabalháveis e fundidas mais usuais, que são soldáveis. As composições das ligas que não estão incluídas nestas tabelas podem ser obtidas mediante consulta às publicações da “Aluminum Association” citadas na referência bibliográfica do Capítulo 2 - Classificação das Ligas. Os elementos de liga principais determinam se a liga será ou não tratável termicamente. As ligas de cobre e as que combinam magnésio-silício e magnésio-zinco são tratáveis termicamente, enquanto que as ligas de manganês, magnésio ou silício não o são. Essas duas famílias de ligas, ou seja, tratáveis e não-tratáveis termicamente, serão discutidas separadamente. Também será feito um breve comentário sobre ligas fundidas, embora o enfoque principal será dado às ligas trabalháveis.

ElementoSolubilidade MáximaTemperatura (% em peso)(C)

Cu5,6 548
Mg14,9 450
Mn1,8 658
Si1,6 577
Zn82,8 382
Si1,8 595

MgZn 16,9 475

LIGASi FeCu MnMg CrZn TiAl

(Parte 6 de 10)

Comentários