Transformação de unidades

Transformação de unidades

Representação e conversão dos resultados de análise de rotina para a avaliação da fertilidade do solo.

Expressão dos resultados

Os resultados das análises de solos são, em geral, apresentados nas seguintes unidades: meq/100 cm3, ppm, mg/cm3 e percentagem (%). A representação meq/100 cm3 é mais usada para o caso dos íons (cátions e ânions) trocáveis e para expressar parâmetros de CTC, explicados anteriormente. Isto é totalmente justificável, pois o fenômeno de troca de cátions ou troca de ânions leva em consideração o conceito de equivalência e não o conceito de unidade de peso em valor absoluto.

A expressão partes por milhão (ppm) é geralmente utilizada nas análises de micronutrientes, muito embora, em alguns laboratórios, seja também utilizada para apresentar os teores de fósforo, potássio e enxofre. Partes por milhão (ppm), como o próprio nome indica, representa o número de partes em peso do constituinte em um milhão de partes de peso de amostra. Consequentemente, não é muito correto falar em ppm como o número de partes em volume do material ( amostra). Neste caso, o uso da expressão mg/cm3 é mais adequado.

Percentagem (%) em peso é a porção do constituinte em cem partes de peso da amostra. Esta unidade é normalmente utilizada para expressar resultados do teor de matéria orgânica, saturação de bases, saturação de alumínio e também para os componentes da fração mineral do solo (argila, silte e areia).

Transformações de unidades

Muitas vezes, os resultados das análises de solo, expressos em meq/100 cm3, ppm ou % não transmitem ao técnico, que interpreta os mesmos, uma idéia “qualitativa relativa” da disponibilidade de um nutriente. Um resultado de análise de fósforo em ppm passa a Ter mais sentido quando se transforma este resultado em quantos kg de P2O5 estão disponíveis por hectare, por exemplo. Da mesma forma pode ser interessante saber quantos meq Ca2+/100 cm3 correspondem ao uso de 3 toneladas/há de um determinado calcário.

Para facilitar estes tipos de cálculo e uma série de outros de cunho extremamente prático, existem tabelas de transformações de unidades, que, quando operadas adequadamente, permitem reduzir consideravelmente o tempo gasto na solução destes problemas (Tabelas 2 e 3).

A tabela 2 apresenta fatores de conversão envolvendo meq, gramas na forma elementar, óxido e radical para nitrogênio, fósforo, potássio, cálcio, magnésio e enxofre. A tabela 3 apresenta fatores multiplicativos para transformação de resultados analíticos envolvendo g/100 g, mg/100 g, ppm, kg/há, t/ha.

Alguns exemplos adicionais de cálculos utilizando estas tabelas são apresentados a seguir.

1)Uma análise de solo apresentou o resultado de 0,54 meq K/100 cm3

Pergunta-se : a) Este resultado equivale a quantos ppm de potássio? b) A quantos kg/há de KCl (60% de K2O) este resultado equivale? a)primeiro transforma-se os meq de potássio em g/100 cm3. Pela tabela 2, para transformar meq K em g K, basta multiplicar por 0,03909, portanto:

Pela tabela 3, para transformar g/100 g (ou 100 cm3) em ppm, deve-se multiplicar por 10.0: 0,02111 g K/100 cm3 x 10.0 = 211,1 ppm de K. b)Pela tabela 3, para transformar ppm de K em kg/ha, multiplicar por 2:

211,1 ppm de K x 2 = 422,2 kg K/ha (considerando-se 1 há, na camada de 0 a 20cm e densidade do solo = 1)

Como o KCl apresenta 60 % de K2O, é necessário primeiro transformar K em K2O, pelo uso do fator de multiplicação 1,20458 (tabela 2).

100 kg de KCl60 kg de K2O
X kg de KCl508,6 kg de K2O

Portanto, uma análise de solo que apresenta 0,54 meq K/100 cm3 corresponde a uma disponibilidade de 847,7 kg de KCl/ha.

2)A aplicação de 4 toneladas de calcário/ha (CaO = 40% : MgO = 8%) corresponderia a quantos meq de Ca2+/100 cm3 e de Mg2+/100 cm3?

100 kg de calcário40 kg de CaO
4.0 kg de calcárioX kg de CaO

X kg de CaO = 4.0 kg de calcário x 40 kg de CaO / 100 kg de calcário = 1.600 kg de CaO

100 kg de calcário8 kg de MgO
4.0 kg de calcárioX kg de MgO

X kg de MgO = 4.0 kg de calcário x 8 kg de MgO / 100 kg de calcário = 320 kg de MgO

Pela tabela 1, transforma-se Ca e Mg, respectivamente, pelo uso dos fatores de 0,71470 e 0,60311.

Pela tabela 3, transforma-se kg Ca/ha e kg Mg/ha em g Ca/100 cm3 e g Mg/100 cm3, multiplicando por 0,00005.

Pela tabela 2, para transformar g Ca e g Mg em meq, multiplicar por 49,900 e 82,304, respectivamente.

(A)ppmg/100g = ppm x 0,0001

Conversões: (A)g K meq K = g K x 25,582

(B) g K/100 gKg K/ha = g K/100g x 20.0
A) Kg K/háKg K2O/ha = Kg K/ha x 1,20458
(A) g/100gt/ha = g/100g x 20
(A) Kg CaOKg Ca = Kg CaO x 0,7147
(A) g Cameq Ca = g Ca x 49,9
(B) Kg MgOkg Mg = kg MgO x 0,60311
(C) g Mgmeq Mg = g Mg x 82,304
(A) ppmkg/ha = ppm x 2

(A) meq K/100cm3 g K/100 cm 3 = meq K/100cm3 x 0,03909 (A) kg P kg P2O5 = kg P x 2,29136

Comentários