TGE1 - Analise de livros do Ensino Medio

TGE1 - Analise de livros do Ensino Medio

(Parte 1 de 4)

Relatório apresentado como requisito avaliativo na disciplina Tópicos de Geometria Elementar I do Curso de Licenciatura em Matemática, Semestre 2010.1, 3º Período, sob orientação do professor Igor Schmidke, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia, Campus Eunápolis.

A pesquisa consiste em detectar fatores que possam contribuir para que educadores melhorem em sua carreira profissional. De fato a análise feita nesta pesquisa, tem o objetivo de identificar problemas que os professores tenham que lidar ao longo de suas carreiras, inclusive, na escolha de materiais que em suma são de base, como os livros didáticos.

Este trabalho trata da importância do professor analisar o livro didático de matemática, pois este tem contribuição ativa no processo de ensino e aprendizagem. É importante que o professor disponha de uma diversidade de livros de qualidade e que se adaptem as várias diferenças sociais e regionais. Para facilitar a escolha do material para o seu uso neste trabalho serão apresentados os princípios e os critérios que podem auxiliar os educadores de matemática a aprovação ou não destes livros.

1. INTRODUÇÃO1
2. ANÁLISE DE LIVROS DE ENSINO MÉDIO2
2.1 Matemática – DANTE, Luiz Roberto2
Jairo5
Cláudio Xavier da Silva7
Degengzajn e Roberto Perigo10
Trotta13
Carlos, Nelson Gentil e Sérgio Greco15
3. CONCLUSÕES E RESULTADOS18
4. CONSIDERAÇÕES FINAIS19

SUMÁRIO 2.2 Matemática Para Ensino Médio – BEZERRA, Manoel 2.3 Matemática Aula por Aula – FILHO, Benigno Barreto e 2.4 Matemática – IEZZI, Gelson Osvaldo Dolce, Davis 2.5 Matemática – NERY, Chico e Fernando 2.6 Matemática – Série Novo Ensino Médio – MARCONDES 5. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS.............................................................20

1. INTRODUÇÃO

Os professores utilizam o livro como o instrumento principal que orienta o conteúdo a ser administrado, a seqüência desses conteúdos, as atividades de aprendizagem e avaliação para o ensino da matemática. A quantidade de livros didáticos que circulam no mercado, faz da seleção dos mesmos uma tarefa ainda mais complexa e exigente profissionalmente.

A seleção dos livros didáticos a serem utilizados constitui uma tarefa de importância vital para uma boa aprendizagem dos alunos. Por isso, a importância de procurar critérios específicos para os contextos dados, que possibilitem ao professor participar na avaliação dos livros didáticos. Geralmente os critérios estabelecidos, são gerados em diferentes instâncias de análises, das quais os professores, como coletivos, representam a instância que deve tomar as decisões mais apropriadas, pensando no alunado com as quais trabalham.

O objetivo desta pesquisa é manter os professores informados e alertas sobre o bom uso do livro didático e que livro mais se adequa à sua forma de ensinar.

2 2. ANÁLISE DE LIVROS DE ENSINO MÉDIO

Na escolha do livro didático, algumas escolas deixam a critério do(s) professor (es) a escolha do livro do ano letivo. Geralmente, o professor escolhe o livro, ou por indicação de um colega, ou por envio gratuito de livros pelas editoras, ou por que eles fazem parte do catálogo Guia de Livros Didáticos publicado pelo MEC.

Quanto ao uso do livro didático pelo professor, segundo FREITAG (1997, p. 1),

O livro didático não funciona em sala de aula como um instrumento auxiliar para conduzir o processo de ensino e transmissão de conhecimento, mas como o modelo-padrão, a autoridade absoluta, o critério último de verdade. Neste sentido, os livros parecem estar modelando os professores. O conteúdo ideológico do livro é absorvido pelo professor e repassado ao aluno de forma acrítica e não distanciada.

Podemos perceber, portanto, que os professores não escolhem os livros depois de um exame minucioso do seu conteúdo ou de uma experiência prévia com alunos, mas basicamente movidos pelo comodismo e conformismo.

Surge então a necessidade, de educadores e futuros educadores analisarem os livros didáticos de ensino médio para verificar qual (is) contribuirá para sua prática educativa.

2.1 Matemática – DANTE, Luiz Roberto

• Apresentação inicial

DANTE dispõe os assuntos de maneira que o anterior complementa o sucessor, isso evidencia a qualidade de seu material, tendo em vista que a abordagem dos assuntos referente à Geometria é bastante valorizada nesta edição.

Sendo dividido da seguinte maneira:

Unidade 2 – Geometria Plana

Capitulo 9: Propriedades de figuras geométricas Capitulo 10: Semelhança de triângulos

Capitulo 1: Relações métricas no triangulo retângulo Capitulo 12: Polígonos regulares inscritos na circunferência e comprimento da circunferência Capitulo 13: Áreas: medidas de superfícies

Unidade 3 – Trigonometria

Capitulo 14: Trigonometria no triangulo retângulo Capitulo 15: Trigonometria: resolução de triângulos quaisquer Capitulo 16: Conceitos Trigonométricos básicos Capitulo 17: Seno, cosseno e tangente na circunferência trigonométrica Capitulo 18: Relações e equações trigonométricas Capitulo 19: Transformações trigonométricas Capitulo 20: Senóides e os fenômenos periódicos

Unidade 6 – Geometria espacial: de posição e métrica

Capitulo 28: Geometria espacial de posição – uma introdução intuitiva Capitulo 29: Poliedros: Prismas e pirâmides Capitulo 30: Corpos redondos: cilindro, cone e esfera

Unidade 7 – Geometria analítica

Capitulo 31: Geometria analítica: ponto e reta Capitulo 32: Geometria analítica: circunferência Capitulo 3: Geometria analítica: secções cônicas

• Qualidade do material do livro

O livro dispõe de conteúdos do 1º 2º e 3º ano do Ensino Médio (volume único) e é confeccionado em material de boa qualidade, no entanto, a fonte da escrita é muito pequena, isso pode ocasionar fadiga durante a leitura. Além disso, por ser volume único o aluno o utilizará no mínimo durante três anos, sendo assim embora tenha uma boa qualidade o material utilizado na confecção da capa se torna irresistente, correndo o risco da mesma se desfazer. Outro problema identificado é que o livro é pesado, isso dificulta o transporte do mesmo, em muitos casos o aluno deixa – o em casa.

• Sequência de conteúdos

A apresentação seqüencial encontrada neste livro é bastante organizada e significativa, pois, possui uma abordagem sucessiva e complementar, ou seja, a compreensão de um assunto complementa o entendimento do assunto seguinte.

Exemplos:

o DANTE aborda Álgebra I, antes da Medição dos ângulos (Geometria

Plana), pois para realizar o cálculo dos ângulos é preciso compreender a lógica encontrada na Álgebra I. o Podemos perceber também que Geometria Plana, antecede

Trigonometria, pois é necessário que o aluno tenha o conhecimento do estudo dos ângulos para que o professor possa introduzir noções de seno, cosseno e tangente.

• Didática de apresentação dos conteúdos

Como já dissemos o autor aborda o assunto de maneira seqüencial e lógica. À medida que o mesmo apresenta o assunto, para cada explicação possui exercícios referentes ao mesmo, isso facilita a compreensão da parte teórica, pois, sabemos que é quase impossível aprender matemática sem praticá-la. No entanto a quantidade de ilustrações é insuficiente.

Um aspecto interessante e que chamou atenção é que o autor sempre contempla os assuntos com um momento de reflexão, sendo exposto em um quadro em cor diferente das demais contidas no livro, para chamar atenção do leitor.

• Exercícios e verificações de aprendizagem

DANTE procura explorar todos os conceitos básicos próprios do

Ensino Médio de maneira intuitiva e compreensível. Procurando priorizar os exercícios e problemas que envolvem contextualização, interdisciplinaridade e integração entre os temas matemáticos. Observa-se que para que o aluno resolva os exercícios, antes é necessário que o mesmo faça o estudo a parte teórica e refaça os exemplos propostos.

A distribuição dos exercícios é feita de maneira seletiva, na medida em que o autor dispõe do assunto e exemplos têm-se exercícios, isso faz com que o estudo não fique monótono.

• Erros, erratas e equívocos.

Não foram identificados erros, erratas e equívocos.

• Sugestões

A elaboração deste livro é de ótima qualidade, no entanto, seria ainda mais proveitoso se o mesmo fosse dividido em volumes, pois trata – se de três níveis (1º, 2° e 3° ano), diminuiria o volume e conseqüentemente facilitaria o seu transporte, além de que sendo este um material com 505 páginas (o que torna pesado), poderia a capa ser confeccionada em um material mais resistente.

2.2 MATEMÁTICA PARA ENSINO MÉDIO – BEZERRA, MANOEL JAIRO

Matemática para o Ensino Médio – Série Parâmetros fundamenta sua proposta de ensino em promover diferentes motivações, interesses e capacidades, criando condições para a integração do aluno num mundo em que as necessidades sociais, culturais e profissionais ganham novos rumos. A obra sugere, ainda, textos para discussão de temas transversais, como Trabalho e Consumo, Meio ambiente, Saúde e Cidadania.

• Qualidade do material do livro

O livro: Matemática para o Ensino Médio de Manoel Jairo Bezerra é disponibilizado em volume único. Impresso em material de boa qualidade, podendo com os cuidados adequados ter grande durabilidade. Baseados em dados da editora

(Parte 1 de 4)

Comentários