Manual de Aplicação de injetáveis

Manual de Aplicação de injetáveis

MANUAL DE APLICAÇÃO E DESCARTE SEGURO DE SERINGAS E AGULHAS DESCARTÁVEIS

INTRODUÇÃO

O PERFIL DO PROFISSIONAL

A administração de medicamentos é uma das mais sérias responsabilidades que pesam sobre os profissionais da saúde. A aplicação de medicamentos injetáveis, feito com técnica correia muitas vezes ajuda a salvar vidas, combater doenças, trazendo benefícios para a população. Você que é um profissional deve possuir habilidades e conhecimentos das técnicas de aplicação, descarte e higiene para que não cause danos graves e irreversíveis à saúde do paciente. O bom profissional deve ter:

* Habilidade cognitiva

  • - conhecimento teórico

  • - princípios científicos

* Habilidade técnica

  • - destreza manual

  • - planejamento do material

  • - princípios científicos

  • - medidas de biossegurança

  • - lavagem correia das mãos

  • - saber lidar com material estéril

  • - saber lidar com material contaminado

* Habilidade interativa

  • - Boa aparência

  • - uniforme sempre limpo

  • - cabelos curtos ou presos

  • - unhas limpas e curtas

  • -homem de preferência sem barba

  • - mulher com maquiagem discreta

  • - sem adereços

  • - sapatos fechados e de couro

  • - sem mau hálito e odores excessivos ou suor excessivo

  • - Iniciativa • Responsabilidade • Princípios éticos • Relacionamento interpessoal

  • - Trabalho em equipe • Comunicação

* Ser maior de idade

* Ter curso técnico devidamente reconhecido

SALA DE APLICAÇÃO

Deve possuir no mínimo 2 m2, ou de acordo com a Vigilância Sanitária local ou Legislação Municipal em vigor. A sala ainda deve ter:

  • Boa iluminação e ventilação

  • O acabamento das paredes deve ser de material impermeável, liso, resistente, até o teto, com cantos arredondados. O piso deve ser autonivelante, com cantos arredondados, impermeáveis e de fácil lavagem e, se possível, com ralo sinfonado. O acabamento pode ser feito com tinta epóxi.'

  • Pia com armário

  • Sabão de coco em barra ou líquido

  • Toalha de papel

  • Álcool 70 %

  • Bolas de algodão seco

  • Bancada ou mesa (fabricada com materiais que permitam sua correta desinfecção) para preparo das injeções.

  • Cadeira

  • Suporte para braço

  • Esparadrapo antialérgico

  • Garrote para aplicações intravenosas

  • Lixeira com pedal com saco plástico conforme ABNT (usado para descartar os não perfuro-cortantes)

  • Recipiente para descartar lixo hospitalar conforme ABNT (seringas, agulhas, frascos, ampolas, algodão etc.)

  • Relacionar os nomes dos funcionários que estão aptos a aplicar injeções em papel timbrado da empresa.

  • Rotina para manter higiene e limpeza da sala, mantendo sempre uma boa impressão

ADMINISTRAÇÃO CORRETA DE INJETÁVEIS

O profissional deve obedecer à regra dos cinco certos:

  1. Paciente certo

  2. Medicamento certo

  3. Via certa

  4. Horário certo

  5. Dosagem certa

OBS.: SOMENTE ADMINISTRAR MEDICAMENTOS MEDIANTE PRESCRIÇÃO MÉDICA.

Para maior segurança do profissional e do paciente, na hora de aplicar injeções observe os seguintes itens da receita médica: nome e número do CRM do médico, nome do paciente, data, nome do medicamento, dosagem, via de administração e concentração. Siga rigorosamente as orientações contidas na receita e na bula. Não misture medicamentos em uma mesma seringa sem conhecimento ou sem que a receita solicite.

LIVRO DE REGISTRO DO RECEITUÁRIO DE APLICAÇÃO DE INJETÁVEIS

A Resolução n" 328 de 22/06/1999 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária do Ministério da Saúde, regulamenta as Boas Práticas de Dispensação em Farmácias e Drogarias, que dispõem sobre o Livro de Registro do Receituário de Aplicação de Injetáveis. Este controle é de grande interesse da saúde, em Farmácias Comerciais e Hospitalares, Drogarias e Postos de Saúde, pois complementam a atenção do profissional que realizou a aplicação, dando segurança ao médico e consumidor, evitando troca de medicamentos, pois os dados ficam registrados e podem ser consultados posteriormente. Os itens registrados normalmente são:

  • Data

  • Nome do paciente

  • Endereço

  • Nome do medicamento administrado, concentração, via de administração, lote, data de validade e fabricante

  • Nome do médico prescritor e respectivo CRM

  • Nome ou assinatura do profissional responsável pela aplicação

  • Dúvidas e atualizações acessar o site www.anvisa.gov.br

VOCABULÁRIO TÉCNICO DO PROFISSIONAL

Anti-sepsia = redução do número de microorganismo e eliminação de sujeiras da pele, através do uso de água e sabão, povidine, álcool iodado, álcool 70 %, água oxigenada e etc..

Contaminação = qualquer material: poeira, sujeiras, bactérias, vírus, fungos, que de alguma forma cheguem a entrar em contato com o medicamento, a sala de aplicação ou o próprio paciente, podendo causar uma infecção.

Desinfecção = processo pelo qual reduzimos o número de microorganismo do ambiente e materiais através de soluções específicas para este fim, como por exemplo, o uso do álcool 70% para desinfecção de bancadas, tesouras, pinças e etc..

Esterilização = processo pelo qual são mortos todos os fungos, vírus e bactérias do material que foi submetido a este processo (ex: medicamentos injetáveis, seringas e agulhas descartáveis).

Medicamento = Toda preparação farmacêutica contendo uma ou mais substâncias, destinada ao diagnóstico, prevenção ou tratamento das doenças e seus sintomas, quer no homem, quer nos outros seres vivos.

TIPOS DE MEDICAMENTOS INJETÁVEIS

Os medicamentos administrados por seringas descartáveis estéreis e de uso único também devem ser estéreis para evitar contaminações, infecções ou abscessos no local de aplicação. Temos os seguintes tipos de medicamentos embalados em ampolas ou frasco ampola:

  • Veículos aquosos

  •  Veículos oleosos

  •  Veículos com pó em suspensão

  •  Pó para resuspender / reconstituição

 

TIPOS SERINGAS E AGULHAS

SERINGAS

Seringa 1ml Insulina

Seringa 1 ml Tuberculina ou Vacina

Seringa 3 ml

Seringa 5 ml

Seringa 10 ml

Seringa 20 ml

Seringa 60 ml

CALIBRE

COR DO CANHÃO

VIA DE ADMINISTRAÇÃO

MEDICAMENTO

25 x 8 e 30 x 8 

 Verde

IntramuscularEndovenosa

Soluções aquosase oleosas

25 x 7 e 30 x 7

Preto

IntramuscularEndovenosa

Soluções aquosas

40 x 12

Rosa

Endovenosa (Usada para retirar medicamento de frasco / ampola)

Soluções aquosase oleosas

13 x 3,8

Cinza Claro

SubcutâneaIntradérmica

InsulinasVacinas

13 x 4,0

Cinza Médio

SubcutâneaIntradérmica

InsulinasVacinas

13 x 4,5

Marron

SubcutâneaIntradérmica

InsulinasVacinas

20 x 5,5

Púrpura Médio

SubcutâneaEndovenosa

VacinasSoluções Aquosas

20 x 6,0

Azul

SubcutâneaEndovenosa

VacinasSoluções Aquosas

NOTA: Normalmente as agulhas 25X7 ou 30X7 são usadas para soluções oleosas e suspensões (penicilinas) para facilitar a aplicação e evitar entupimentos.

 

IDENTIFICAÇÃO DE AGULHAS DESCARTÁVEIS(TABELA DE EQUIVALÊNCIA)

Inglês(Polegadas)

Métrico(Milímetro)

Inglês(Polegada)

Métrico(Milímetro)

16 G1 1/2

40 x 16

21 G1 1/2

40 x 8

18 G1 1/2

40 x 12

22 G1

25 x 7

19 G1

25 x 10

22 G1 1/4

30 x 7

19 G1 1/4

30 x 10

23 G1

25 x 6

20 G1

25x 9

24 G 3/4

20 x 5,5

20 G1 1/4

30 x 9

26 G 1/2

13 x 4,5

21 G1

25 x 8

27,5 G 1/2

13 x 3,8

21 G1 1/4

30 x 8

30 G1/2

13 x 3

Comentários