Projeto integrador completo (logistica 1° sem.)

Projeto integrador completo (logistica 1° sem.)

(Parte 1 de 2)

SUMÁRIO

SUMÁRIO 8

Introdução 9

1. RESUMO EXECUTIVO 10

2. O PRODUTO/ SERVIÇOS 11

2.1 Características do produto 11

3. O MERCADO 11

3.1 Clientes 12

3.2 Concorrentes 13

3.3 Fornecedores 13

3.4 Participação no Mercado 15

15

1- Participação no mercado anual 16

Fonte: autor 16

4. CAPACIDADE EMPRESARIAL 16

4.1 Empresa 16

4.1.1 Definição da Empresa 16

4.1.2 Missão / Visão de Futuro 17

4.1.3 Estrutura Organizacional 18

2-Organograma 19

3-Fluxo operacional 20

4.2 Perfil Individual dos Sócios (Formação/Qualificações) 21

5. ESTRATÉGIA DE NEGÓCIO 22

5.1 Ameaças e Oportunidades 22

5.2 Pontos fortes e fracos 23

5.3 Objetivos 24

5.4 Estratégia. 25

6. CRONOGRAMA 26

7. Plano Financeiro 27

7.1 Investimento Inicial 27

7.2 Receita 29

7.3 Custos e Despesas 29

7.4 Possíveis Fontes de Recursos 29

Conclusão 30

8-BIBLIOGRAFIA 31

Introdução

Este trabalho retrata a elaboração de um plano de negócio que visa à criação e uma empresa fictícia: a Companhia Produtora de Alimentos à Base de Soja-ME (PABS). Para o seu desenvolvimento foram feitas diversas reuniões definindo-se uma diretriz para buscar a adequação e melhor forma de exprimir as informações obtidas pelos autores através de pesquisas realizadas na Internet e na biblioteca da Ung. Todas as informações contidas no projeto foram baseadas em dados reais. Cada integrante deste projeto teve a responsabilidade atribuída a um item, que foi posteriormente analisado e avaliado pelos demais, já que o mesmo obedecia a uma sequência onde cada item baseava-se em informações do antecessor. Contou-se ainda com a colaboração do Prof. Rodolfo Strauss, orientador do projeto que coordenou e supervisionou sua realização até o resultado final.

1. RESUMO EXECUTIVO

Esse plano de negócios tem como objetivo apresentar os estudos e analises de criação da Companhia Produtora de Alimentos à Base de Soja-ME (PABS). Uma empresa que está chegando ao mercado com o propósito de inovar, criar e melhorar o que já existe nesse seguimento.

Atuando no ramo alimentício, voltado para os produtos a base de soja. Tem com o foco a produção de sorvetes, creme de leite, e sucos.

O mercado em que a PABS pretende atuar é composto basicamente por pessoas com tolerância a lactose e glúten; mas também se direciona a aqueles que procuram uma alimentação saudável ou devam seguir um regime de baixa caloria. A estrutura da empresa será simples dentro dos padrões modernos de qualidade.

A sua missão é: industrializar produtos alimentícios de alta qualidade, prezando a excelência no atendimento voltada à satisfação dos clientes. Tendo com base o comprometimento com o publico consumidor.

Os produtos a serem industrializados passaram por diversas pesquisas de mercado, onde foram detectadas as necessidades e exigências do publico alvo. Assim com o propósito de inserir-se e cravejar a sua participação neste seguimento a PABS elaborou um planejamento estratégico minucioso visando minimizar erros e atingir o ápice de qualidade suprindo todas as carências dos consumidores. Com um diferencial que vai desde a elaboração, produção, embalagem, preço, a qualidade final.

Serão usados os mais modernos recursos tecnológicos na confecção dos produtos. Todos fabricados com o mais alto padrão de qualidade, acondicionados em embalagens que se adéqüem a suas necessidades preservando as características, qualidade e durabilidade visando à praticidade, a informação, comodidade e satisfação dos clientes e consumidores.

A PABS detectou em suas pesquisas uma grande oportunidade de conquistar rapidamente uma boa fatia de mercado, já que essas apontaram que o público alvo não é fiel a nenhum concorrente, pois os produtos existentes não satisfazem plenamente suas exigências. Sendo assim a empresa acredita em seu rápido sucesso, pois todos os passos dados foram planejados mediante estudos que diagnosticaram os percalços e as facilidades no caminho a ser seguido.

Com empreendedores coerentes e capazes, propósitos firmemente definidos a empresa buscará salientar sua existência tornando reais seus anseios.

2. O PRODUTO/ SERVIÇOS

2.1 Características do produto

A PABS entra no mercado com produtos diferenciados, são eles: o sorvete de soja, creme de soja (substituto do creme de leite) e a bebida a base de soja.

Nossos produtos são diferenciados, feitos especialmente para pessoas com tolerância a lactose e glúten, mas também está sendo bem aceito para as pessoas que devem seguir um regime de baixa caloria, uma vez que este sorvete tem menos calorias do que um sorvete diet e por ser de soja também é um ótimo produto para acompanhar uma dieta de reposição hormonal.

Utilizamos os melhores grãos não – transgênicos transformando em farinha de soja e assim agregando os demais ingredientes para a obtenção do sorvete com a cremosidade de um sorvete comum e sabores inigualáveis.

3. O MERCADO

 

 Segundo Chiavenato (2006, p. 69)

O mercado é a arena de operações da empresa. É nela que travam as batalhas não só para conquistar os clientes disputados entre vários concorrentes, mas também para descobrir as necessidades do cliente, a fim de projetar mercadorias e serviços adequados a essas necessidades, fazendo com que ele escolha seu produto/serviço e não os dos concorrentes.

Buscando sempre informações relevantes do seu negócio em jornais, revistas publicações profissionais, universidades, IBGE e outras entidades setoriais. Tem exemplo de empresas que anunciam um novo produto muito antes que ele esteja pronto para ser colocado no mercado, sendo assim os compradores aguardam este produto novo ao invés de comprar neste meio tempo o produto do concorrente. Visando sempre o cliente como vai ser aceito, buscando produto de qualidade embalagem diferenciada.

3.1 Clientes

Segundo Chiavenato (2006, p. 41) “o cliente é aquele que adquire os produtos/serviços produzidos pelo negócio e que espera satisfação no seu uso ou consumo. O cliente é o tomador das saídas (resultados) do negócio”.

O propósito de toda organização é conquistar todo mercado Brasileiro, por isso a PABS procura conhecer as necessidades de todos seus clientes, aqui estão alguns deles:

Rede de supermercados;

  • Extra Hipermercado 21%

  • Pão de açúcar 14%

  • Carrefour 18%

  • Sondas 12%

 

Redes atacadistas; 

  • Arcom 8%

  • Atacadão10%

  • Ciro atacadista 7%

  • Dima`s atacadistas 4%

  • Makro 6%

Suas necessidades;

  • Adquirir um produto da melhor qualidade

  • Produtos saudáveis e que traga benefícios para a saúde de seus clientes

  • Produtos que possam ser consumido por todo tipo de publico alvo

  • Quantidade o suficiente para atender toda demanda

  • Honestidade para que possa confiar em seu fornecedor

3.2 Concorrentes

Segundo Chiavenato (2006, p. 32) “são as empresas que disputam os mesmo fornecedores, os mesmos clientes ou consulidores. Em outras palavras, concorrem com as entradas e com as sáidas”.

  1. Prosoy - www.prosoy.com.br

Empresa produtora de derivados de soja, iogurte, embutidos ( salsichas, lingüiças, pão de queijo de soja, Kibes, Hamburguer Vegetal, nuggets, Tofu, sorvete de soja, picolé de soja, sorvete de frutas, picolé de frutas, salsicha de tofu, lingüiça de tofu. hamburguer sem glúten, salsicha sem glúten.

  1. OLVEBRA INDUSTRIAL S.A. - www.olvebra.com.br

Produz: extratos de soja solúveis (leite de soja) e insolúveis, de acordo com aplicação a que se destina; alimentos formulados à base de extratos de soja em pó, fibra de soja e outros ingredientes como soro de leite em pó, lecitina de soja etc. A Olvebra há mais de 50 anos deu início ao ciclo da industrialização da soja no Brasil.

Diferencial da Pabs:

Produz produtos com preços acessíveis, garantindo a qualidade, atendendo às necessidades dos consumidores.

3.3 Fornecedores

Segundo Chiavenato (2006, p. 32) “fornecedor de matérias-primas, de tecnologia ou serviços, que fornece ao negócio em troca de determinado lucro ou ganho; ele é o provedor das entregas (insumos) do negócio”.

  1. Bunge Alimentos S.A. - www.bungealimentos.com.br

A Bunge Alimentos é considerada a mais importante empresa do agronegócio e de alimentos no Brasil. A venda de insumos inicia-se normalmente durante a colheita de cada safra, em cada região, principalmente na colheita da soja, quando o Produtor já faz as primeiras vendas da safra futura. Normalmente, o Produtor paga os insumos comprados através da venda de soja.

A Bunge é comprometida com um mundo melhor e com as futuras gerações. Por meio de sua Política de Sustentabilidade, a empresa põe em prática o compromisso com o desenvolvimento sustentável em suas operações, em todos os países em que atua.

  1. NeoPlastic  - www.neoplastic.com.br

A NeoPlastic produzir produtos plásticos de alta qualidade, que atendam as normas legais bem como as necessidades e satisfação de seus consumidores. Para acompanhar o mercado plástico mundial e melhor atender os seus clientes, a empresa está constantemente investindo em maquinários, em processos e na sua equipe.

  1. Etscheid Techno S/A - www.etscheid.com.br

A 50 anos de experiência em fabricação em aço-inox, tecnologia em resfriamento, tecnologia em Ordenha, tecnologia em aquecimento, bombas de calor, desenvolvimento e produção de sistemas de controle eletrônicos. ETSCHEID Techno S/A fornecedor das seguintes máquinas: Tanque pasteurizador; planta de pasteurização/Homogneização; tanque de maturação; picoleteira, produtora continua de sorvete; produtora de água gelada.

  1. Embrase - www.embrase.com.br

Segurança & Serviços tel 11 38796256

End: Avenida Santa Marina;1560

Agua Branca CEP 05036001

Serviços prestados:

Segurança 24 hrs 04 controladores de acesso custo: segurança 2200,00 por pessoa

3.4 Participação no Mercado

A PABS pretende inserir-se no mercado com participação de 5% de fatia do mercado em nosso segmento, com uma projeção de atingirmos em 05 anos 30% do mercado, almejamos assim; 6% anual com participação.

Seguindo a tendência de mercado iniciamos com um produto inovador (Sorvete a base de soja) que oferece ao consumidor um produto de qualidade e saudável. Estamos com tendência de crescimento a cada dia, buscamos uma maior diversidade de produtos naturais para o nosso mercado consumidor, com o diferencial dos concorrentes. Temos um produto rico em proteínas, tem ação na prevenção se doenças crônico-degenerativas, rico em cálcio e vitaminas do complexo B. Esses são alguns nichos do nosso produto, seguindo um conceito de vida saudável, no qual nos tornam diferenciados aos nossos concorrentes.

A concorrente Olvebra Industrial S.A e pioneira na industrialização da soja, há mais de 50 anos vêm sendo a primeira do mundo a fabricar soja em pó. Desde 1955 a Olvebra dedica 100% da sua fabricação a base de soja, ela possui mais de 70 produtos em linha, o grande salto desse mercado no país correu em 2007 a 2009, período em que as vendas da empresa vêm crescendo ao ritmo de 30% ao ano.

A Prosoy Indústria de Alimentos é uma empresa produtora de derivados da soja, fabricam picolés com soja e frutas, iogurte de soja com diferentes sabores. Está no mercado há 05 anos com fatia de mercado de 7% com projeção anual 10%, tem como o foco investir na qualidade da saúde dos seus consumidores.

Baseados em pesquisas de mercados seguem o gráfico abaixo:

1- Participação no mercado anual

Fonte: autor

4. CAPACIDADE EMPRESARIAL

4.1 Empresa

Razão Social: Companhia Produtora de alimentos a base de soja ME.

Nome Fantasia: P A B S

Telefone: 3454-9013 Fax: 3453-5090

Endereço: Rua Erli n: 253

Bairro: Vila Maria - São Paulo-SP CEP: 07030-189

CNPJ: 02.798.535.0001-89

Inscrição estadual: 113.859.420.116

Ramo de Atividade: Produto alimentício

EMAIL: Pabs@Pabsg5.com.br Web site: www.pabs.com.br

4.1.1 Definição da Empresa

   A  PABS vem com o compromisso de investir na pesquisa e no desenvolvimento de tecnologias para o setor alimentos. Isso significa dominar os mais avançados processos de industrialização de alimentos, bem como tornar acessível a um número cada vez maior de pessoas, produto dentro dos mais altos patrões nacionais de qualidade. Baseadas no propósito de oferecer ao mercado alimentos saudáveis, ancorada na confiança de seus colaboradores, clientes e fornecedores.

A empresa surgiu com a união de cinco sócios, que resolveram somar suas experiências e idéias inovadoras e assim atuando em diferentes setores da empresa, organizando da melhor maneira possível, industrializando seus produtos e distribuindo para todo o Brasil, contando com 32 colaboradores diretos e indiretos procurando a melhor maneira de atingir seu objetivo traçado e buscando a maximização dos lucros.

4.1.2 Missão / Visão de Futuro

  Segundo Oliveira, (2007, p. 50) ”missão é a determinação do motivo central do planejamento estratégico, ou seja, a determinação de "onde" a empresa atua ou poderá atuar. Portanto a missão representa a razão de ser da empresa”.

Baseado nesses conceitos a missão da empresa PABS é:

Missão - Industrializar produtos alimentícios de alta qualidade, prezando pela excelência no atendimento voltada para a satisfação dos clientes tendo como base o comprometimento para com o público consumidor.

Segundo Oliveria (2007, p. 65) ”a visão conceituada como os limites que os proprietários e principais execultivos da empresa conseguem enxergar dentro de um período de tempo mais longo e uma abordagem mais ampla”.

Baseado nesses conceitos a visão da empresa é:

Visão - Ser uma empresa líder no mercado de fabricação e distribuição, ser a empresa que mais oferece produtos variados e inovadores no bem estar do consumidor. Atingir o ápice no desenvolvimento profissional e pessoal dos colaboradores, manter a imagem de transparecia e preocupação com o meio ambiente.

Valores

- Qualidade

- Agilidade de entrega

- Colaboradores preparados

- Credibilidade

4.1.3 Estrutura Organizacional

1-Estrutura

Organograma

Segundo Cury (1981, p.255)

Organograma é a representação gráfica simplificada da  estrutura organizacional de uma instituição, especificando os seus órgãos, seus níveis hierárquicos e as principais relações formais entre eles.

Existem esses modelos de organogramas:

Existem os seguintes modelos de organogramas:

- Clássico ou vertical - O organograma clássico também é chamado de vertical. É o mais comum tipo de organograma, elaborado com retângulos que representam os órgãos e linhas que fazem a ligação hierárquica e de comunicação entre eles.

-Em barras - representados por intermédio de longos retângulos a partir de uma base vertical, onde o tamanho do retângulo é diretamente proporcional à importância da autoridade que o representa.

-Em setores (setorial, setograma) - são elaborados por meio de círculos concêntricos, os quais representam os diversos níveis de autoridade a partir do círculo central, onde se localiza a autoridade maior da empresa.

-Radial (solar, circular) - o seu objetivo é mostrar o macrossistema das empresas componentes de um grande grupo empresarial.

-Lambda - apresentam, apenas, grupos de órgãos que possuam características comuns.

- Bandeira - apresentam grupos de órgãos que possuem uma missão específica e bem definida na estrutura organizacional, normalmente em quatro níveis.

- Organograma Linear de Responsabilidade (OLR) - possui um diferenciador em relação aos demais organogramas, pois a sua preocupação não é apresentar o posicionamento hierárquico, mas sim o inter-relacionamento entre diversas atividades e os responsáveis por cada uma delas.

- Informativo - apresenta um máximo de informações de diversas naturezas relacionadas com cada unidade organizacional da empresa.

 Baseado nessas informações este é o organograma da empresa

2-Organograma

Fluxo operacional

Fluxo operacional é a descrição de todas as tarefas realizadas na empresa.

De um modo geral este é o nosso fluxo operacional.

3-Fluxo operacional

4.2 Perfil Individual dos Sócios (Formação/Qualificações)

PABS possui cinco acionistas sendo:

  • Presidente: Paulo Henrique Martins que detém 40% das ações da empresa.

Possui formação na área de engenharia agrônoma pela Unicamp, experiência profissional na Embrapa na secção de desenvolvimento de novos produtos e utilização de grãos, possui uma total dedicação com a empresa e sempre está focado no desenvolvimento de novos produtos.

  • Diretor financeiro: José Roberto Lopes com 15% das ações da empresa.

Tendo em sua formação na área de finanças pelo Mackenzie, trabalhou na Bovespa, sua atuação dentro da empresa é de controlar toda parte financeira como custos e benefícios, e sempre procura buscar mais parceiros para financiamento de novos produtos e através de um plano de qualificação profissional procura investir em seus funcionários com treinamentos e cursos.

  • Diretor de produção: Vagner Ferreira da Silva possui 15% das ações da empresa.

Com formação em engenharia da produção pela Anhembi Morumbi trabalhou na Borlen, tem uma vasta experiência na área de manufatura com conhecimentos em processos de produção para atender todas a expectativas de nossos clientes.

  • Diretor de Marketing: Marcelo Moreira da cruz detém de 15% das ações da empresa.

Formado em Marketing pela PUC trabalhou na empresa de publicidade Lisboa. Marcelo procura estudar o mercado tanto na parte interna como na parte externa para conquistar nossos clientes com nosso produto através de estratégias de Marketing.

  • Diretor de RH: Marcos de Souza Mello possui 15% das ações da empresa.

Formado em Recursos Humanos e Advocacia pela Unicamp, trabalhou na Semco e Nestlé com habilidades de desenvolver projetos tanto na área da empresa contratando profissionais qualificados nas áreas de gerencia e dando suporte para nossos funcionários com treinamentos para que eles possam desenvolver seus trabalhos com mais qualidade, também procurar desenvolver projetos sociais.

5. ESTRATÉGIA DE NEGÓCIO

Segundo Fischmann (2009, p. 25)

Estratégia de negócios é uma técnica administrativa que, através da análise do ambiente de uma organização, cria a consciência das suas oportunidades e ameaças dos seus pontos fortes e fracos para o cumprimento da sua missão e, através desta consciência, estabelece o propósito de direção que a organização deverá seguir para aproveitar as oportunidades.

A estratégia de negócios da PABS é a de investir em análise de mercado, para industrializar um produto de boa qualidade e preço accessível, ao alcance do nosso mercado alvo com tudo a empresa sempre está inovando em variedades, assim, obtendo fidelidade de seus consumidores, e analisando o seu próprio produto no mercado para que possa investir em seus pontos fortes e corrigir os seus pontos fracos, pois com isso poderá conquistar seus futuros clientes, contudo maximizando os lucros da empresa anualmente.

5.1 Ameaças e Oportunidades

Segundo Oliveira (2007, p. 37) “oportunidade é a força ambiental incontrolável pela empresa, que pode favorecer sua ação estratégica, desde que conhecida e aproveitada, satisfatoriamente, enquanto perdura”.

Por ser uma empresa que está nascendo para o mercado em que vai atuar a PABS tem a vantagem de estudar detectar as necessidades do mesmo e buscar supri-las. A empresa lançará um produto diferenciado no mercado dos produtos à base de soja.

(Parte 1 de 2)

Comentários