Albendazol

Albendazol

ALBENDAZOL

FARMACOCINÉTICA – O albendazol pode se absorvido irregularmente pelo tudo gastrintestinal após administração por via oral, sendo então metabolizado pelo fígado.

FARMACODINÂMICA - atua inibindo a captação de glicose associada a uma depleção de glicogênio e diminuição do ATP, que é essencial para a sobrevida e a reprodução dos parasitos. Essa ação bloqueadora é a responsável pelo amplo especto da droga. Quando absorvida, distribui-se por vários tecidos, inclusive cisto hidáticos e sistema nervoso central, o que explica sua ação terapêutica na hidatidose e na cistercercose.

VIA DE ADMINISTRAÇÃO – via oral.

MEBENDAZOL

FARMACOCINÉTICA – é pouco absorvido pelo tubo gastrintestinal, recuperando-se cerca de 10% na urina, sob a forma de derivado descarboxilado, após 24 a 48 horas de administração de um dose oral.

FARMACODINÂMICA – seu mecanismo de ação se assemelha ao mebendazol.

VIA DE ADMINISTRAÇÃO – sua via de administração é oral.

METRONIDAZOL

FARMACOCINÉTICA - O Metronidazol em geral, tem sua absorção completa, após administração, atingindo concentrações plasmáticas de cerca de 10mg/mL, em aproximadamente 1 hora, após administração de uma dose de 500mg. A meia vida do Metronidazol é de cerca de 8 horas, sendo sua ligação à proteínas plasmáticas de 10%. È encontrado inalterado em vários tecidos e na urina, após administração oral. O fígado é o principal local de metabolismo, sendo responsável por mais de 50% da depuração sistêmica do Metronidazol.

FARMACODINÂMICA - O Metronidazol cura infecções genitais por T. vaginallis em mulheres e homens, em elevada percentagem de casos. A ausência de uma resposta satisfatória pode dever-se à infecção crônica das glândulas cervicais, ou das glândulas de Skene e de Bartholin. A reinfecção por contato com parceiro infectado, também pode levar à resposta insatisfatória. Embora fossem raras, as falhas de tratamento devidas à presença de cepas resistentes ao Metronidazol de T. vaginallis, estão se tornando cada vez mais freqüentes.

VIA DE ADMINISTRAÇÃO – Podendo ser em comprimido e gel varginal.

Comentários