Enem 1998-comentada

Enem 1998-comentada

(Parte 11 de 13)

QUESTÃO 52 Resposta: E

Formação da chuva ácida

I e I ⇒mármore, carbonato de cálcio, CaCO3

A reação acima explica a corrosão do monumento Itamarati e das esculturas do Aleijadinho.

Com relação aos efeitos sobre o ecossistema, pode-se afirmar que:

I.as chuvas ácidas poderiam causar a diminuição do pH da água de um lago, o que acarretaria a morte de algumas espécies, rompendo a cadeia alimentar.

I.as chuvas ácidas poderiam provocar acidificação do solo, o que prejudicaria o crescimento de certos vegetais.

I.as chuvas ácidas causam danos se apresentarem valor de pH maior que o da água destilada.

Dessas afirmativas está(ão) correta(s):

A)I, apenas. B)I, apenas. C)I e I, apenas. D)I e II, apenas. E)I e I, apenas.

I — Correta.

As chuvas ácidas provocam um aumento na concentração hidrogeniônica [H+], o que acarreta uma diminuição do pH.

I — Correta.

As chuvas ácidas realmente provocam a acidificação do solo, o que prejudica o crescimento de certos vegetais.

I — Errada. A água destilada a 25°C apresenta pH = 7, e as chuvas ácidas apresentam um pH 7.

Em uma disputa por terras, em Mato Grosso do Sul, dois depoimentos são colhidos: o do proprietário de uma fazenda e o de um integrante do Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terras:

Depoimento 1

“A minha propriedade foi conseguida com muito sacrifício pelos meus antepassados. Não admito invasão. Essa gente não sabe de nada. Estão sendo manipulados pelos comunistas. Minha resposta será à bala. Esse povo tem que saber que a Constituição do Brasil garante a propriedade privada. Além disso, se esse governo quiser as minhas terras para a Reforma Agrária terá que pagar, em dinheiro, o valor que eu quero.” — proprietário de uma fazenda no Mato Grosso do Sul.

35ENEM/98 –ANGLO VESTIBULARES

QUESTÃO 53 Resposta: C

Depoimento 2

“Sempre lutei muito. Minha família veio para a cidade porque fui despedido quando as máquinas chegaram lá na Usina. Seu moço, acontece que eu sou um homem da terra. Olho pro céu, sei quando é tempo de plantar e de colher. Na cidade não fico mais. Eu quero um pedaço de terra, custe o que custar. Hoje eu sei que não estou sozinho. Aprendi que a terra tem um valor social. Ela é feita para produzir alimento. O que o homem come vem da terra.

O que é duro é ver que aqueles que possuem muita terra e não dependem dela para sobreviver, pouco se preocupam em produzir nela.”– integrante do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), de Corumbá – MS.

A partir da leitura do depoimento 2, quais os argumentos utilizados para defender a posição de um trabalhador rural sem terra?

I.A distribuição mais justa da terra no país está sendo resolvida, apesar de que muitos ainda não têm acesso a ela.

I.A terra é para quem trabalha nela e não para quem a acumula como bem material. I.É necessário que se suprima o valor social da terra. IV.A mecanização do campo acarreta a dispensa de mão-de-obra rural.

Estão corretas as proposições: A)I, apenas. B)I, apenas. C)I e IV, apenas. D)I, I e II, apenas. E)I, I, IV, apenas.

Apenas o que vem exposto na proposição I pode ser interpretado como um argumento para defender a posição de um trabalhador sem-terra. Embora seu conteúdo não esteja literalmente expresso no texto, pode ser depreendido da seguinte passagem: “O que é duro éver que aqueles que possuem terra e não dependem dela para sobreviver, pouco se preocupam em produzir nela.”

A partir da leitura do depoimento 1, os argumentos utilizados para defender a posição do proprietário de terras são:

I.A Constituição do país garante o direito à propriedade privada, portanto, invadir terras é crime.

I.O MST é um movimento político controlado por partidos políticos. I.As terras são o fruto do árduo trabalho das famílias que as possuem. IV.Este é um problema político e depende unicamente da decisão da justiça.

Estão corretas as proposições:

A)I, apenas. B)I e IV, apenas. C)I e IV, apenas. D)I , I e II, apenas. E)I, I e IV, apenas.

Trata-se de uma pergunta que envolve tradução e interpretação de texto. Os argumentos utilizados para defender a posição de um proprietário de terras correspondem, respectivamente, às passagens:

•“Esse povo tem que saber que a Constituição do Brasil garante a propriedade privada”;

•“Estão sendo manipulados pelos comunistas”;

•“A minha propriedade foi conseguida com muito sacrifício pelos meus antepassados”.

36ENEM/98 –ANGLO VESTIBULARES

QUESTÃO 54 Resposta: B

QUESTÃO 5 Resposta: D

Amor é fogo que arde sem se ver, é ferida que dói e não se sente; é um contentamento descontente, é dor que desatina sem doer.

É um não querer mais que bem querer; é solitário andar por entre a gente; é nunca contentar-se de contente; é cuidar que se ganha em se perder.

É querer estar preso por vontade; é servir a quem vence, o vencedor; é ter com quem nos mata lealdade.

Mas como causar pode seu favor nos corações humanos amizade, se tão contrário a si é o mesmo Amor?

Luís de Camões

O poema pode ser considerado como um texto:

A) argumentativo. B) narrativo. C) épico. D)de propaganda. E) teatral.

O poema de Camões é um belo exemplo de texto simultaneamente poético e argumentativo. Discute, de diversas formas, o conceito abstrato do amor, revelando-se incapaz de metaforizá-lo a contento ou sequer de racionalizar sobre seu caráter multifacetado e contraditório. Situando-se no terreno da discussão de idéias, não tem qualquer caráter narrativo, pois se abstém de apresentar mudanças de estado, ações ou personagens concretas. Seria um total despropósito considerá-lo um texto épico, de propaganda ou teatral. A falha na elaboração desta questão está exatamente em propor três alternativas absolutamente estapafúrdias. Assim, de novo, os examinadores perderam uma ótima oportunidade de avaliar a fundo o nível de preparação dos estudantes do Ensino Médio.

O poema tem, como característica, a figura de linguagem denominada antítese, relação de oposição de palavras ou idéias. Assinale a opção em que essa oposição se faz claramente presente.

A)“Amor é fogo que arde sem se ver.” B)“É um contentamento descontente.” C)“É servir a quem se vence, o vencedor.” D)“Mas como causar pode seu favor.” E)“Se tão contrário a si é o mesmo Amor?”

(Parte 11 de 13)

Comentários