Uso Racional de antibiótico na prática hospitalar

Uso Racional de antibiótico na prática hospitalar

Definição

  • Definição

  • Histórico – do princípio até atualidade...

  • Porque racionalizar?

  • Como racionalizar?

Indicação apropriada

  • Indicação apropriada

  • Droga apropriada

  • Administração adequada

  • Dose adequada

  • Duração adequada

  • Menor custo ao paciente e à comunidade

  • Escolha empírica adequada

  • Ajuste após cultura

Substâncias naturais ou sintéticas que agem sobre microorganismos inibindo o seu crescimento ou causando a sua destruição.

  • Substâncias naturais ou sintéticas que agem sobre microorganismos inibindo o seu crescimento ou causando a sua destruição.

Definição

  • Definição

  • Histórico: do princípio até atualidade...

  • Porque racionalizar?

  • Como racionalizar?

  • 1928 – Fleming descobre a penicilina

  • 1939 – Inicia-se uso clínico  2ª Guerra Mundial

  • 1940 – Howard Florey e Ernst Chain  produção em escala industrial. “A era dos antibióticos.”

  • 1956 – Jawetz reconhece os problemas causados pela atração dos antibióticos e propaganda da indústria farmacêutica.

Introdução de novas classes de antimicrobianos com concomitante aumento do uso inapropriado.

  • Introdução de novas classes de antimicrobianos com concomitante aumento do uso inapropriado.

  • Cerca de 50% dos medicamentos usados no mundo são prescritos, dispensados, vendidos ou usados de uma maneira inapropriada.

  • 66% antibióticos são vendidos sem receita.

pacientes hospitalizados recebe curso de ATB

  • pacientes hospitalizados recebe curso de ATB

    • 50% inapropriado ou desnecessário
  • Os antimicrobianos são a 2ª classe de drogas mais utilizada

Custos com antimicrobianos podem somar tanto quanto 30-50% do total dos gastos com medicamentos em um hospital

  • Custos com antimicrobianos podem somar tanto quanto 30-50% do total dos gastos com medicamentos em um hospital

  • 30% dos dias de ATB são desnecessários

Em unidades cirúrgicas: 38 a 48% dos pacientes com ATM não tinham evidência de infecção

  • Em unidades cirúrgicas: 38 a 48% dos pacientes com ATM não tinham evidência de infecção

  • Em hospitais brasileiros o uso incorreto é cerca de 50%

Pressão da comunidade para prescrição de drogas

  • Pressão da comunidade para prescrição de drogas

  • “ O melhor Tratamento”

    • Amplo espectro e Alto custo
  • Dose inapropriada

    • “Maior dose e tempo é ainda melhor”
  • Uso de múltiplos ATB ou ATb de espectro extendido

    • Substitui avaliação diagnóstica

Profilaxia inapropriada

  • Profilaxia inapropriada

    • 30% dos pctes hospitalizados que recebem ATB
    • Dados limitados e conflitantes
    • 80% fazem mais de 48h
  • Custo e falta de disponibilidade de exames complementares

  • Insuficiência de formação técnica nos cursos de medicina

Falta de reciclagem dos médicos em relação ao diagnóstico e tratamento de infecções comunitárias e hospitalares

  • Falta de reciclagem dos médicos em relação ao diagnóstico e tratamento de infecções comunitárias e hospitalares

  • Crença de que “pode fazer algum bem e é improvável que cause danos”

Pressão da Indústria Farmacêutica

  • Pressão da Indústria Farmacêutica

    • “Soluções fáceis”

Terapia combinada (sinergismo)

  • Terapia combinada (sinergismo)

    • In vitro x In vivo
    • Maior parte dos estudos e meta-análises não mostram superioridade da terapia combinada sobre a monoterapia.

Definição

  • Definição

  • Histórico: do princípio até atualidade...

  • Porque racionalizar?

  • Como racionalizar?

Resistência Bacteriana

  • Resistência Bacteriana

    • Pressão Seletiva
    • Indução de Resistência
  • Efeitos Adversos

  • Custos elevados em saúde

Equivalênia direta: mudanças no uso de antimicrobianos e a prevalência de resistência

  • Equivalênia direta: mudanças no uso de antimicrobianos e a prevalência de resistência

  • Pacientes com cepas resistentes mais freqüentemente receberam previamente antibióticos

  • Resistência antimicrobiana é maior no ambiente hospitalar que na comunidade

  • Áreas dentro do hospital com maiores taxas de resistência também apresentam maior consumo de antimicrobianos (UTI)

Redução da concentração intracelular do ATB

  • Redução da concentração intracelular do ATB

    • Diminuição da permeabilidade MB (Pseudomonas resistente à carbapenêmicos)
    • Bomba de efluxo (macrolídeos, as quinolonas, os -lactâmicos e o cloranfenicol)

  • Inativação do ATB

    • Produção de enzimas inativadoras (Beta-lactamases: ESBL – enterobactérias, AmpC - Enterobacter spp e Citrobacter freundii)
  • Modificação ou eliminação do sítio de ação do ATB (PBP, ribossomo)

Resistência plasmidial

  • Resistência plasmidial

  • Mutação Genética

  • Transposons: segmentos de DNA com grande mobilidade

EUA 1994: 48.000-98.000 óbitos atribuíveis a eventos adversos a medicamentos.

  • EUA 1994: 48.000-98.000 óbitos atribuíveis a eventos adversos a medicamentos.

  • 8ª causa de morte nos EUA

  • Eventos adversos a drogas são o tipo mais freqüente de evento adverso não cirúrgico (20%)

Staphylococcus aureus

  • Staphylococcus aureus

  • OXA-S: Staficilin® R$ 252

  • OXA-R: Vancocina® R$ 881

  • Targocid® R$ 6.456

Pseudomonas aeruginosa

  • Pseudomonas aeruginosa

  • GENTA-S Garamicina® R$ 30

  • GENTA-R Fortaz® R$ 1.615

  • Tienam® R$ 5.691

Definição

  • Definição

  • Histórico: do princípio até atualidade...

  • Porque racionalizar?

  • Como racionalizar?

Ministério da Saúde (portaria 930, 1992)

  • Ministério da Saúde (portaria 930, 1992)

    • Estabeleceu a obrigatoriedade do Programa de Racionalização de Antimicrobianos dentro das Comissões de Controle de Infecção Hospitalar
    • ANVISA: Comitê Técnico Assessor para Uso Racional de Antimicrobianos e Resistência Microbiana (CURAREM)
    • http://www.anvisa.gov.br/servicosaude/controle/index.htm

Otimizar o uso de ATM na profilaxia cirúrgica

  • Otimizar o uso de ATM na profilaxia cirúrgica

  • Otimizar a escolha e duração da terapia antimicrobiana empírica

  • Desenvolver protocolos para o uso de ATM (guidelines)

  • Melhorar a forma de prescrever ATM por meio da educação

  • Restrição do uso de ATM

  • Monitorar e promover feedback das taxas de resistência antimicrobiana

Medidas educativas

  • Medidas educativas

    • Aulas, conferências, treinamentos em grupo ou individuais, impressos, elaboração de protocolos
    • Consulta a especialista
  • Medidas restritivas

    • Formulário de Restrição
    • Antibióticos de uso restrito
    • Justificativa por escrito
    • Alertas e suspensão pelo computador
    • Sistemas de suporte decisional
    • Rodízio de antimicrobianos
    • De-escalonamento de ATM de acordo com antibiograma

Não pode prejudicar o paciente

  • Não pode prejudicar o paciente

  • Respaldo Ético

  • Parecer CFM 32/1999

  • Não configura ilícito ético a exigência de preenchimento de ficha de liberação de antibiótico pela CCIH

  • Modelos

    • Ficha de restrição
    • Controle em tempo real
  • 1987- Woodward:

    • Economia de $34.597,00/mês
    • Uso inadequado de ATM: 37%  2%

Selecionados por cada Hospital: medicações de amplo espectro, indutores de resistência e de alto custo.

  • Selecionados por cada Hospital: medicações de amplo espectro, indutores de resistência e de alto custo.

    • Cefalosporinas de 2a Geração
    • Cefalosporinas de 3a Geração
    • Cefalosporinas de 4a Geração
    • Vancomicina
    • Teicoplanina
    • Carbapenens
    • Levofloxacina
    • Aciclovir EV
    • Fluconazol EV
    • Polimixina B
    • Ampicilina/Sulbactam
    • Piperacilina/Tazobactam
    • Linezolida

Sempre que necessário pedir cultura

  • Sempre que necessário pedir cultura

  • Trocar ou interromper ATM após resultado do antibiograma

    • Dirigir o tto ao patógeno evidenciado

Comentários