Criação de Quelonios

Criação de Quelonios

(Parte 1 de 5)

QUELÔNIOS Criação e Manejo de

no Amazonas

Organização: Paulo Cesar Machado Andrade z s

Criação e Manejo de no

A ma ona o Paul

Cesar

Machado

Andrade

Paulo Cesar Machado Andrade, Engenheiro Agrônomo pela Universidade Federal do Amazonas-UFAM (1992), Mestre em Ciência Animal pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiróz (ESALQ/USP). Em 1997, inicia grupo de pesquisa em zootecnia e biologia de animais silvestres na UFAM, sendo professor responsável pelo laboratório desta área. Em 1999, torna-se fundador do Programa “Pé-de-pincha” de manejo comunitário de quelônios, passando a atuar em 7 municípios e 86 comunidades. Trabalhou de 2001 a 2004 como chefe da Divisão de Fauna do IBAMA-AM, coordenando as atividades do Centro de Conservação e Manejo de Répteis e Anfíbios (RAN) no Amazonas. Há 15 anos trabalha com conservação e manejo de quelônios, capivaras e caitetus.

Desde 1997, a Universidade Federal do Amazonas desenvolve pesquisas nos criadouros registrados de animais silvestres no Amazonas. De 1998 a 2002, com o apoio do PTU/CNPq, um grupo de pesquisadores, coordenado pelo Dr. Luís

Monjeló, passou a desenvolver trabalhos sistematizados de manejo e nutrição, genética, fisiologia e bioquímica, parasitologia, ecologia reprodutiva, biologia do crescimento e estudos sócio-econômicos sobre os criatórios (projeto “Diagnóstico da Criação de Animais Silvestres no

Estado do Amazonas”),o que permitiu um grande avanço da queloniocultura no Estado e a formação de profissionais nesta área, como os pioneiros do Laboratório de Silvestres João Alfredo, Pedro, Paulo Henrique, Francimara e Sônia (acima) e a turma atual (abaixo) sem os quais este trabalho não seria possível

A Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e o Ibama iniciaram em 1997 o projeto “Estudos de Zootecnia, Biologia e Manejo de Animais Silvestres para a Região Amazônica” e, em 1998, o “Diagnóstico da Criação de Animais Silvestres no Estado do Amazonas”, com apoio do Programa Trópico Úmido/CNPq. Através dessa parceria, um grupo de pesquisadores passou a desenvolver trabalhos de manejo, nutrição, genética, fisiologia e bioquímica, parasitologia, ecologia reprodutiva, biologia do crescimento e estudos socioeconômicos sobre os criatórios. Em visitas aos criadores, os resultados das pesquisas eram repassados, demonstrando a importância estratégica que a UFAM e o Ibama-AM conferiram à pesquisa com criação e manejo de animais silvestres. Hoje, o Amazonas possui um pacote tecnológico mínimo para servir de referência aos criadores de quelônios no Estado. Estas informações serviram de base científica, também, para um programa de manejo comunitário sustentável de quelônios, o Projeto “Péde-pincha”, que com apoio do ProVárzea, atualmente atinge 7 municípios e 86 comunidades do Médio-Baixo Amazonas. Este livro serviu de base de discussões durante o I Seminário de criação e manejo de quelônios, realizado em Manaus, em 2004. Através do ProVárzea, a edição deste trabalho tem por objetivo servir de material didático e de consulta para produtores, técnicos do setor primário e estudantes de graduação, ou cursos técnicos, que desejam obter informações compiladas sobre as técnicas de criação e manejo desse importante recurso faunístico das áreas de várzea, que são os quelônios, resultado dos estudos realizados com os queloniocultores do Amazonas, nos últimos dez anos.

Publicação: AQUEAM

Apoio: Coordenação:

Criação e Manejo de Quelônios no Amazonas

(Projeto Diagnóstico da criação de animais silvestres no Estado do Amazonas)

Organização: Paulo César Machado Andrade - M.Sc.

Laboratório de Animais Silvestres - Ufam

Coordenador do Projeto Pé-de-Pincha

Apoio: Programa Trópico Úmido/CNPq

Publicação:

Dr.Luís Alberto dos S.Monjeló- Ufam Sônia Luzia de O.Canto, MSc. -SDS

Criação e Manejo de Quelônios no

Amazonas. Projeto Diagnóstico da Criação de Animais Silvestres no Estado do Amazonas.2008. I

Seminário de Criação e Manejo de Quelônios da Amazônia Ocidental. Ed. Paulo César Machado

Andrade. 2ªEdição. ProVárzea/FAPEAM/SDS. Manaus/AM. 528 p. Palavras-chave: Quelônios;

Tartaruga; Criação ; Podocnemis

C967Criação e manejo de quelônios no Amazonas. / Paulo César Machado

Andrade (coordenador) – Manaus: Ibama, ProVárzea, 2008. 528 p. : il. color.;21 cm.

Bibliografia ISBN 978-85-7300-262-1

1. Quelônios. 2. Tartaruga. 3. Manejo. 4. Criadouro. I. Andrade, Paulo

César Machado. I. Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis. I. Projeto Manejo dos Recursos Naturais da Várzea. V. Projeto Pé-de-Pincha. VI. Título.

Catalogação na Fonte Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis

Capa: Paulo Andrade Foto da Capa: Jane Dantas - ProVárzea/Ibama Foto Orelhas: Jane Dantas, Paulo Andrade

Revisão: Auristela Webster - Edições Ibama e Enrique Calaf Calaf - Edições Ibama

Normatização Bibliográfica: Helionidia C. Oliveira

Copyright@ProVárzea 2008

Equipe do ProVárzea/Ibama Alzenilson Santos Aquino, Antônia Barroso, Anselmo de Oliveira, Arlene Souza, César Teixeira, Cleilim Albert de Sousa, Cleucilene da Silva Nery, Flávio Bocarde, Gionete Pimentel de Miranda, Kate Anne de Souza, Maria Luiza G. de Souza, Mário Thomé de Souza, Patrícia Maria Ferreira, Raimunda Queiroz de Mello, Tatiane Patrícia Santos de Oliveira, Tatianna Silva Portes, Valdênia Melo e Willer Hermeto.

ProVárzea/Ibama - Rua Ministro João Gonçalves de Souza, s/nº - Distrito Industrial - 69.075-830. Manaus, AM. Tel. (92) 3613-3083 / 6246 / 6754. Fax. (092) 3237-5616. Site: w.ibama.gov.br/provarzea

Ministério do Meio Ambiente – MMA Marina Silva

Secretaria Executiva João Paulo Ribeiro Capobianco

Departamento de Articulação de Ações da Amazônia André Rodolfo de Lima

Programa-Piloto para a Proteção das Florestas Tropicais do Brasil Nazaré Lima Soares

Instituto Brasileiro do Meio ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis – Ibama

Bazileu Alves Margarido Neto

Diretoria de Uso Sustentável da Biodiversidade e Florestas Antônio Carlos Hummel

Coordenação Geral de Autorização de Uso e Gestão de Fauna e

Recursos Pesqueiros José Dias Neto

Projeto Manejo dos Recursos Naturais da Várzea

(Parte 1 de 5)

Comentários