Aneurisma da aorta

Aneurisma da aorta

(Parte 1 de 6)

FISIOTERAPIA 3º A

Aorta

A aorta é o conduto primário do qual o débito cardíacodo qual o débito cardíaco leito arterialsistêmico.

Aorta primário através chega aochega ao http://www.iradonline. org/images/aorta. gif

Aorta

Dividi- se ao nível do diafragma, e m segmentos abdo minaletorácico.

A aorta torácica pode ser subdividida porções ascendente, arco e descendenteporções ascendente, arco e descendente origina- se na base do ventrículo esquerdo avança superior mente e para a direita. aórtico dáorige m aos vasos braquicefálicos

A aorta abdo minal estende- se desde diafragmático até a sua bifurcação nas ilíacas co muns, sendo divididas e m segmentos supra- renaleinfra- renal.

Aorta segmentos subdividida e m descendente edescendente e esquerdo e

O arco braquicefálicos.

desde hiato artérias segmentos http://www. greenfacts. org/glossary/images/aorta.jpg

Estrutura da Aorta

A parede da aorta, co mo das outras artérias, co mposta por três ca madas: íntima, média adventícia.

Sua força de tenção é derivada basica menteSua força de tenção é derivada basica mente das unidadesla melares elásticas da média, secundaria mente das células da musculatura lisa, colágeno e substâncias a morfas.

Co m a idade, as fibras elásticas da média degenera m, u m processo acelerado hipertensão ouinfla mação.

Estrutura da Aorta artérias, é média e basica mentebasica mente média, e musculatura ca mada acelerado pela

Aneurisma da Aorta

Def:. Segundo Jules Constant, M. D aneuris ma é a dilatação localizada de vaso sanguíneo ou de u ma câmara cardíaca

Co mo é definido pela dilatação anor malCo mo é definido pela dilatação anor mal parede da artéria, o aneuris ma quando cresce constante mente pode ro mper- se causando sangra mentointerno e muitas vezes pode fatal.

A grande maioria ocorre na aorta, que principal artéria que carrega sangue coração para oresto do corpo.

Aneurisma da Aorta anor mal naanor mal na cresce causando pode ser que é a sangue do http://www. vascular- rs. org. br/panel/uploads/images/aneuris ma_ aorta.jpg

Classificação

Os aneuris massãoclassificados

Saculares- quete mfor ma mais arredondados. No dilatação érestrita adilatação érestrita a aórtica, estando o restante nor mal.

Tubulares (fusifor mes),

Aneuris mafusifor me é circunferência da aorta e dilatado.

Classificação classificados e m:

for ma protuberante sendo

No aneuris ma sacular a u ma porção da paredeu ma porção da parede restante da circunferência

(fusifor mes), são mais co muns.

é aquele e m quetoda a aorta se encontra aco metido

Fisiopatologia

Melatoproteinases (família de endopetidases produzidas por leucócitos e células musculares lisas na parede da aorta)

Perda da integridade estrutural e formação do aneurisma

Fisiopatologia

Melatoproteinases (família de endopetidases Degradação Elastina, colágeno e proteínas de integridade da aorta

Degradação da matriz extracelular da camada média

Fisiopatologia

Os aneuris mas deriva m de u m enfraquecimento da parede arterial.

Durante o envelhecimento nor mal, ocorre fragmentação das fibras elásticas, diminuição das células musculareslisas, o colágenotornadas células musculareslisas, o colágenotorna se mais proe minente e desorganizado, substância funda mental a morfa au menta, resultando na diminuição das propriedades elásticas da aorta, enfraquecimento da parede e subseqüente dilatação.

Afor mação dos aneuris mas são decorrentes da degeneração das la melas elásticas adventícia.

http://www. medicinageriatrica. co m. br/wp

Fisiopatologia enfraquecimento ocorre à diminuição torna-tornadesorganizado, a au menta, propriedades sua decorrentes elásticas da http://www. medicinageriatrica. co m. br/wp- content/uploads/2008/02/aneuris ma- aorta. JPG

Etiologia

Sífilis; Aterosclerose;

Treponema (estrutura periaórticas)

Atravessa adventícia através do vaso vasorum

Diminuição da nutrição e degeneração da camada muscular

Proliferação de Fibroblastos e formação de fibrose

Oclusão dos vasa vasorum da parede aórtica pela aterosclerose leva a uma isquemia e necrose da camada média, resultado em diminuição da força tênsil da sua parede

(Parte 1 de 6)

Comentários