Banco de questões

Banco de questões

(Parte 28 de 79)

de Glauber que deverá ser utilizada, em kg, corresponde a:

a) 161

b) 101

c) 71

d) 51

19. U.F. Santa Maria-RS Muitos carros utilizam o álcool etílico como combustível. Saben-

do que sua combustão total é representada pela equação química balanceada:

C 2 H 5 OH (l) + 3 O 2(g) → 2 CO2(g) + 3 H2O,

∆ –327 kcal/mol,

a quantidade de calor liberada na queima de 141 g de álcool etílico é, aproximadamente:

a) –327 kcal

b) –460 kcal

d) –10.000 kcal

e) –46.000 kcal

5

c) –1.000 kcal

20. U.F. Pelotas-RS O flúor é um gás amarelado que, à temperatura ambiente, é extrema-

mente reativo. Forma com o hidrogênio uma mistura explosiva, sintetizando o fluoreto

de hidrogênio (em solução aquosa, o HF difere dos outros hidrácidos halogenados por

formar um ácido fraco e por ser capaz de dissolver o vidro, formando flúor-silicatos).

Observe a reação, nas condições – padrão, e marque a alternativa que responde correta-

mente à pergunta abaixo.

H2(g) + F2(g)→ 2 HF(g) ;∆ –5,4 kcal

Qual o calor de formação do HF e o tipo de reação representada acima?

a) +5,4 kcal/mol; reação endotérmica

b) –2,7 kcal/mol; reação exotérmica

c) +2,7 kcal/mol; reação exotérmica

d) –5,4 kcal/mol; reação endotérmica

e) +7,0 kcal/mol; reação exotérmica

21. ITA-SP A figura abaixo mostra como a entalpia dos reagentes e dos produtos de uma

reação química do tipo A(g) + B(g)→ C(g) varia com a temperatura.

Levando em consideração as informações fornecidas nesta figura, e sabendo que a vari-

ação de entalpia (∆H) é igual ao calor trocado pelo sistema à pressão constante, é ER-

RADO afirmar que

a) na temperatura T 1 a reação ocorre com

liberação de calor.

b) na temperatura T 1 , a capacidade calo-

rífica dos reagentes é maior que a dos

produtos.

A(

g

)+

B

(g)

c) no intervalo de temperatura compreen-

dido entre T1 e T2, a reação ocorre com

absorção de calor (∆H > zero).

d) o∆ em módulo, da reação aumenta

T1

Temperatura

T2

com o aumento de temperatura.

e) tanto a capacidade calorífica dos reagentes como a dos produtos aumentam com oau-

mento da temperatura.

Voltar

QUÍMICA - Termoquímica

Avançar

GABARITO

Entalpia

IMPRIMIR

C(g)

22. VUNESP O gráfico ao lado apresenta os valores de

entalpia da reação A + B→ C + D, cujos valores,

em kJ, de∆ e energia de ativação na presença de

catalisador são, respectivamente

a) 30 e 50.

d) 30 e 20.

b) 30 e 90.

c) 0 e 30.

e) 60 e 30.

50

30

0

A+B

C+D

caminho da reação

23. UEMS As reações de hidrólise de alquenos são muito usadas na indústria para a obten-

ção de álcoois. Por exemplo, sob condições adequadas, é possível obter etanol a partir da

reação representada pela seguinte equação: C2H4(g) + H2O(1)→ C2H5OH

∆ a entalpia de formação da H 2 O(1) = –286 kj/mol e que do

C2H4(g) + 52 kj/mol, a entalpia de formação por mol do C 2 H 5 OH (1) será:

a) + 276 kj/mol

b) – 42 kj/mol

d) + 42 kj/mol

e) – 276 kj/mol

c) + 286 kj/mol

24. UEMS Dadas as equações termoquímicas:

I. C(graf) + O 2 (g) → CO 2 (g)∆ –393,5 kj.mol–1

II. C(diam) + O2(g) → CO2(g)∆ –395,4 kj.mol–1

É correto afirmar que:

a) As reações I e II são endotérmicas.

b) Na transformação de carbono grafite em carbono diamante há liberação de calor.

c) O calor consumido na combustão de 12 gramas de carbono diamante é 395,4 KJ.

d) A equação I representa a entalpia padrão de formação do carbono grafite.

e) Na combustão de 24 gramas de carbono grafite há a formação de 2 mols de gás carbônico.

25. UESC-BA

I. C (s) + 1/2 O 2(g) → CO (g) + 112,3kJ

II. 3Fe2O3(s) + CO(g) + 401,3kJ→ 2Fe3O4(s) + CO2(g)

III. Fe 3 O 4(s) + CO (g) + 33,4kJ→ 3FeO(s) + CO2(g)

IV. FeO(s) + CO(g)→ Fe(s) + CO2(g) + 13,8kJ

Com base nas equações, é correto afirmar:

a) I é endotérmíca.

b) I e II são favorecidas pela diminuição de temperatura.

c) I e IV são favorecidas pelo aumento de temperatura.

d) Em III, são absorvidos 66,8 kJ para a formação de 6 mols de óxido de ferro II.

e) Em II, são liberados aproximadamente 133,8 kJ por mol de óxido de ferro III.

26. UFRN Ao se medir o calor liberado por uma reação de dissolução de NaOH em água,

verificou-se que, para 5 g de material dissolvido, foram liberados Q kJ de calor.

Conclui-se que o calor liberado por um mol de NaOH é:

a) 0,8 kJ

b) 8Q kJ

c) 12 kJ

d) 1,2Q kJ

27. Unifor-CE Sabendo-se que, no estado padrão, o

· calor de formação (entalpia) dos elementos na forma mais estável é igual a zero;

· calor liberado na transformação de CO(g) em CO2(g) pela combustão, é –284 kJ/mol;

· calor de formação (entalpia) do CO(g) é –110 kJ/mol.

O valor do calor de formação do CO2(g) no estado padrão, em kJ/mol, é:

a) +394

b) +174

c) 110

d) –174

e) –394

Voltar

QUÍMICA - Termoquímica

Avançar

IMPRIMIR

GABARITO

90

60

6

28. UFR-RJ Adicionando bicarbonato de sódio para auxiliar o cozimento dos alimentos,

tem-se a seguinte reação:

2 NaHCO3→ Na2CO3 CO2(g) H2O.

Considerando os dados abaixo,

∆NaHCO3 – 226,5 kcal/mol

∆Na2CO3 – 270,3 kcal/mol

∆CO2 – 94 kcal/mol

∆H2O – 57,8 kcal/mol

Calcule a quantidade de calor envolvida, quando utiliza-se 0,2 moles de bicarbonato de

sódio.

29. U. Alfenas-MG O gás metano, que pode ser obtido na fermentação do lixo orgânico, tem

sido sugerido como combustível alternativo. Se o objetivo for substituir a gasolina por

metano, que massa do mesmo seria necessária para produzir a mesma quantidade de ener-

gia que seria produzida por 22,8 kg de gasolina?

a) 37,0 kg

b) 27,5 kg

d) 40,4 kg

e) 18,4 kg

c) 10,9 kg

Composição média da gasolina: C8H18

Entalpia de combustão da gasolina: – 5.110 kJ/mol

Entalpias de formação (kJ/mol): gás carbônico – 393 água líquida – 286; metano – 75

Massas molares (g/mol): C = 12, H 1

30. U. Alfenas-MG A 25ºC, a reação entre 1 mol de água e 1 mol de óxido de cálcio libera

65,3 kJ de energia. Os calores de formação da água e do óxido de cálcio, em kJ/mol, são

respectivamente – 285,8 e – 635,5. O calor de formação do hidróxido de cálcio é:

a) – 986,6 kJ/mol

b) 986,6 kJ/mol

d) – 856,0 kJ/mol

e) 856,0 kJ/mol

c) 456,9 kJ/mol

31. U.F. Juiz de Fora-MG Considerando a reação química:

NaC

02(g)→ NaC O3(s)

Dados:

Entalpias padrão (kJ/mol):→ NaC O3(s) –365

→ NaC (s) – 411

Assinale a opção incorreta.

a) a entalpia da reação é 46 kJ/mol.

b) se considerarmos a reação de decomposição do clorato de sódio, esta ocorre com libera-

ção de energia.

c) a energia liberada na síntese do NaC O3 deve ocorrer sob a forma de energia elétrica.

d) a reação de síntese do clorato de sódio é endotérmica.

32. Univali-SC Uma das etapas envolvidas na produção do álcool combustível é a fermen-

tação.

A equação que apresenta esta transformação é:

enzima

C6H12O6

2 C2H5OH + 2 CO2

Conhecendo-se os calores de formação da glicose, do gás carbônico e do álcool, respecti-

vamente, –302, –94 e –66 kcal/mol, pode-se afirmar que a fermentação ocorre com:

a) liberação de 18 kcal/mol;

b) absorção de 18 kcal/mol;

c) liberação de 142 kcal/mol;

d) absorção de 142 kcal/mol;

e) variação energética nula

Voltar

QUÍMICA - Termoquímica

Avançar

GABARITO

IMPRIMIR

7

2

3

33. U.E. Maringá-PR Dadas as reações a seguir, a 25ºC e 1 atm:

I. S(s) + O2(g)→ SO2(g)∆ –70,92 kcal/mol;

II. S(1) + O2(g)→ SO2(g)∆ –71,22 kcal/mol;

III. S(g) + O2(g)→ SO2(g)∆ –82,20 kcal/mol.

e considerando a entalpia padrão do S(s) e do O2(g) iguais a zero e S 32 g/mol, assinale o

que for correto.

01. O calor de fusão do enxofre é igual a

02. O calor de fusão do enxofre é igual a−

0 30

32

11 28

32

kcal/g.

kcal/g.

04. O calor de vaporização do enxofre é igual a

08. O calor de vaporização do enxofre é igual a−

11

32

11

32

kcal/g.

kcal/g.

16. O calor de liquefação do enxofre é igual a

0 30

32

kcal/g.

8

32. O calor de sublimação do enxofre é igual a

Dê, como resposta, a soma das afirmativas corretas.

32

kcal/g.

34. Mackenzie-SP

Fe 2 O 3(s) + 3C (s) + 491,5 kJ → 2Fe(s) + 3CO(g)

Da transformação do óxido de ferro III em ferro metálico, segundo a equação acima,

pode-se afirmar que:

a) é uma reação endotérmica.

b) é uma reação exotérmica.

c) é necessário 1 mol de carbono para cada mol de Fe2 O 3(s) transformado.

d) o número de mols de carbono consumido é diferente do número de mols de monóxido

de carbono produzido.

e) a energia absorvida na transformação de 2 mols de Fe2O3(s) é igual a 491,5 kJ.

35. FUVEST-SP Com base nos dados da tabela,

pode-se estimar que o∆ da reação repre-

sentada por

H 2 (g) + Cl 2 (g)→ 2HC (g),

dado em kJ por mol de HC (g), é igual a:

Ligação

H—H

C —C

H—C

Energia de ligação (kJ/mol)

436

243

432

a) –92,5

b) –185

c) –247

d) +185

e) +92,5

36. UnB-DF O hidrogênio é uma matéria-prima gasosa importante nas indústrias químicas

e de petróleo. Um dos processos utilizados industrialmente para a sua obtenção é a ele-

trólise de água alcalinizada, que fornece hidrogênio de elevada pureza, podendo ser re-

presentado pela decomposição da água líquida, conforme a equação abaixo, cuja varia-

ção de entalpia corresponde a + 571,6 kJ, a 25ºC e 1 atm.

2H2O(l)→ 2H2(g) + O2(g)

Sabendo que o calor de vaporização para a água, H2O(l)→ H2O(g), é +44 kj/mol, a 25ºC

e 1 atm, calcule, em kJ/mol, o valor da variação de entalpia para a produção de gás hidro-

gênio a partir da decomposição de água no estado gasoso, à mesma temperatura e à mesma

pressão. Dividida o valor calculado por 10 e despreze a parte fracionária de seu resultado,

caso exista.

Voltar

QUÍMICA - Termoquímica

Avançar

GABARITO

IMPRIMIR

11 28

37. UnB-DF Os foguetes são projéteis impulsionados pela ejeção de gases quentes através

de um bocal. Os gases quentes provêm de uma reação entre uma substância combustível

e uma substância oxidante. O módulo de descida na Lua, da missão Apollo, utilizou um

sistema que envolvia a reação representada pela seguinte equação para a produção dos

gases quentes:

N2O4(1) + 2N2H4(1)→ 3N2(g) + 4H2O(g).

Com base nessas informações e considerando que o∆ da referida reação é igual a –

2.000 kJ, julgue os itens que se seguem.

(Parte 28 de 79)

Comentários