Glicocorticã?ides

Glicocorticã?ides

Corticosteróides endógenos Corticosteróides exógenos -sintéticosCorticosteróides exógenos -sintéticos

Hipófise Anterior Hipotála mo

Hipófise Posterior

Fossa hipofisária na sela Túrcica do osso esfenóide

Neurônios peptidérgicos e dopa minérgico s

Plexo capilar primário artéria Lobo inter mediário

Trato

Hipotála mohipofisário

Hipófise Anterior

Hipófise

Posterior Plexo capilar se cu ndário artéria ve ia ve ia inter mediário Vaso portal longo

•Atividade glicocorticóidehidrocortisona (= cortisol) e corticosterona

•Atividade mineralocorticóides aldosterona •Esteróides sexuais androgênios

Fator Liberador de Corticotrofina(CRF)

+ β-endorfina

81 14 17 20 23 2 5

Horário do dia ciclo pentano peridro fenantrenociclo pentano peridro fenantreno Cortisol

Aldosterona Testosterona

ColesterolColesterol cetoconazol

Cascatas: Mineralocorticóides Glicocorticóides Hor mônios sexuais

Hidrocortisona

Cortisona Prednisona

Beclo metasona

Fluor metolona Rimexolona

Fluprednideno

Halcinonida

PrednicarbatoPrednisona

Prednisolona

Metilprednisolona

Triancinolona

Beta metasona

Dexa metasona

Fludrodroxicortida Desoxicortisona

Rimexolona

Clobetasol

Clobetasona

Desonida

Desoximetasona

Diflurcortolona

Flu metasona Ac. de fluocinolona

Prednicarbato

Deflaza cort

Fluocortolona

Mo metasona Budesonida

•Em geral apresentam-se na forma de:

–Ésteres(p.ex. acetato, dipropionato, valerato); – Acetonidos;– Acetonidos;

–Sais (p.ex. fosfato sódico, succinato sódico).

•Normalmente são insolúveis em água

•São transportados pela CBG ou albumina

•Penetram via difusão simples

• Biotransfor mação hepática

SEGUROS: predniso na, triancinolona e beta metaso na NÃOSEGUROS: dexa metaso na e deflaza co rt

Metilprednisolona: pode se r utiliza do desde que a dose seja baixa (< 8 mg/dia)e a criança seja a ma mentada após 4horas dato mada doco rticóide

Hidrocortiso na: ainda não se conhece o efeito so bre o leite materno

Núcleo

H transcrição

RNAm síntese de proteínas efeitos biológicos

* Hsp 90 = proteína de choque térmico

Sr = Sr = steroidsteroidreceptorreceptor

S = S = steroidsteroidhormonehormone Hsp90 = 90kDa Hsp90 = 90kDa heatheatshockshockproteinprotein Hsp70 = 70kDa Hsp70 = 70kDa heatheatshockshockproteinprotein

Zn Zn

Hsp 5

STD Hsp70 = 70kDa Hsp70 = 70kDa heatheatshockshockproteinprotein

P23 = P23 = uniqueunique2323--kDakDaproteinprotein CsACsA= = cyclosporincyclosporinAA Cyp40 = 40kDa Cyp40 = 40kDa CsACsA--bindingbindingimmunophilinimmunophilin

TAD = TAD = transcriptiontranscriptionactivationactivationdomaindomain ID = ID = immuneimmune--reactivereactivedomaindomain DBD = DBD = DNADNA--bindingbindingdomaindomaincomposedcomposedof of twotwozinczinc(Z) (Z) fingersfingersmotifsmotifs NLS = nuclear NLS = nuclear localizationlocalizationsignalsignal STD = STD = signalsignaltransductiontransductiondomaindomain

TIPO 2 (GENÔMICO) POR LIGAÇÃO A FATORES DE TRANSCRIÇÃO (AP-1, KB) -repressão

TIPO 1 (GENÔMICO)

POR LIGAÇÃO DIRETA AOS ELEMENTOS DE RESPOSTA AOS GLICOCORTICÓIDES (GRE) -indução

•lipocortina, vasocortina, endonuclease, ribonucleases, endopeptidases, somatostatina, fator inibidor de migração, receptores para hormônios e citoquinas(IL-1, IL-2)

TIPO 3 (NÃO GENÔMICO)

POR TRANSDUÇÃO DE SINAL E FOSFORILAÇÃO NO AMBIENTE CITOSÓLICO •anexina–1 (antiga lipocortina)

POR LIGAÇÃO A FATORES DE TRANSCRIÇÃO (AP-1, KB) -repressão

•citoquinas, óxido nítrico sintase, ciclooxigenase(2), fosfolipaseA-2, elastase, colagenase, ativador de plas minogênio

GRE: elemento de resposta a glicocorticóides + nGRE: elemento de resposta a glicocorticóides -

Transcrição Fator de Transcrição

P nGRE: elemento de resposta a glicocorticóides - P

•Terapia de reposição

• Terapia anti-infla matória• Terapia anti-infla matória

• asm a • der matites

• Terapia imunossupressora

• transplante •adjuvante da quimioterapia

1. A corticoterapia deve ser usada so mente quando o diagnóstico foi estabelecido e quando outras for mas de terapia ao paciente fora m utilizadas se m sucesso;

2. considerar o prognóstico e deter minar a severidade da doença; 3. pesar arelaçãorisco/benefício da corticoterapia;

3. pesar arelaçãorisco/benefício da corticoterapia;

4. administrar u ma dose apropriada ao paciente, avaliando a resposta continua mente, isto é, usar a menor dose desejada para que se obtenha u m máximo efeitoterapêutico;

5. u ma única dose de corticóide, mes mo e m elevada quantidade, não acarreta prejuízo ao paciente(importantee m situações de e mergências);

6. a corticoterapia aplicada por poucos dias (até duas se manas), geralmente éisenta de co mplicações, exceto e m doses elevadas;

7. excetuando ainsuficiência suprarenal, a administração de corticóides não é curativa, ne m etiológica, mas apenas paliativa à custa de seus efeitos anti-infla matórios, não sereco mendandofazertesteterapêutico;

8. se mpre que possívelutilizar corticóides e m dias alternados;

9. quando a corticoterapia se prolonga por se manas ou meses e a dose administrada excede àreco mendada naterapêutica de substituição, pode ocorrer supressão do eixo hipotála mo- hipófise- suprarenal;

Collins TR, Byyni RL. The clinical use of glucocorticoids. Compr Ther 1980;6:63-72.

pois o eixote m plenas condições derecuperação

Aceita- se que o uso de glicocorticóides por atésete dias, e m qualquer dose, per mite u maretirada abrupta

A partir daí, éaconselhávelimaginar- se que o eixo

possa estar suprimido e aretirada deva serlenta.

Collins TR, Byyni RL. The clinical use of glucocorticoids. Compr Ther 1980;6:63-72.

Glicocorticóide Potência

De ação curta (8 –12 horas)

Hidrocortisona (cortisol) 1 Cortisona 0, 8Cortisona 0, 8

De ação intermediária (12 –36 horas)

Prednisolona 4 Prednisona 4 Metilprednisolona 5 Triancinolona 5

De ação longa (36 –72 horas)

Beta metasona 25- 40 Dexa metasona 30

Glicocorticóide Retenção salina

De ação curta (8 –12 horas)

Hidrocortisona (cortisol) 1 Cortisona 0, 8Cortisona 0, 8

De ação intermediária (12 –36 horas)

Prednisolona 0, 3 Prednisona 0, 3 Metilprednisolona 0 Triancinolona 0

De ação longa (36 –72 horas)

Beta metasona 0 Dexa metasona 0

Glicocorticóide Absorção tópica

De ação curta (8 –12 horas)

Hidrocortisona (cortisol) 1 Cortisona 0Cortisona 0

De ação intermediária (12 –36 horas)

Prednisolona 5 Prednisona 4 Metilprednisolona 5 Triancinolona 10

De ação longa (36 –72 horas)

Beta metasona 10 Dexa metasona 10

•Supressão da resposta à infecção:

–Menor saída dos vasos e ativação de neutrófilos –Redução da atividade de linfócitos (Th)–Redução da atividade de linfócitos (Th)

–Redução da função dos fibroblastos

•Supressão da síntese de glicocorticóides endógenos;

•Ações metabólicas;

• Osteoporose ;

•Doença/Síndrome de Cushing

• Hiperglice mia

•Redução da síntese de proteínas

•Aumento na sua degradaçã o;

•Ativação da lipase com redistribuição da gordura.

ATROFIA Diminuição da síntese de proteínasDiminuição da síntese de proteínasAumento da quebra de proteínasAumento da quebra de proteínas

HIPERGLICEMIA Redução da captação da glicoseRedução da captação da glicoseRedução da utilização da glicoseRedução da utilização da glicoseAumento da gliconeogêneseAumento da gliconeogênese

Balanço negativo de cálcio

•Aumento da eliminação renal •Diminuição da absorção intestinal

Balanço negativo de cálcio

•Aumento da eliminação renal •Diminuição da absorção intestinal

Ação mineralocorticóide (1 –βhidroxiesteróide desidrogenase)

•Aumento de sódio (Na) •Diminuição de potássio (K)

Ação mineralocorticóide (1 –βhidroxiesteróide desidrogenase)

•Aumento de sódio (Na) •Diminuição de potássio (K)

REDISTRIBUIÇÃO DE GORDURA CORPORAL Aumento da atividade da LipaseAumento da atividade da Lipase

•Diminuem absorção intestinal de cálcio; •Aumentam a excreção renal;

•Inibição do gene da osteocalcina mediada por Dnos •Inibição do gene da osteocalcina mediada por D3 nos osteoblastos (diminuição da atividade)

•Aumento da atividade de osteoclastos

SINDROME DE CUSHINGSINDROME DE CUSHING antes depois

• letargia • anorexia

• náusea

•perda de peso

• cefaléia • vômitos

• mialgia

•hipotensão•perda de peso

•descamação de pele

• febre

• artralgia

• hipotensão • taquicardia

• hipoter mia

• hipoglice mia

•Podem ativar amebíase latente; •Cuidado com herpes simples ocular;•Cuidado com herpes simples ocular;

•Evitar insuficiência adrenocortical 2°

Hiperse nsibilidade Gravidez Lactação (alguns)

Glaucoma ângulo aberto

Infecções fúngicas sistêmicas

Insu ficiência hepática Lactação (alguns)

Lesõ es gastrintestinais Diabete melito Cardiopatia Hipertensão arterial sistêmica

Insu ficiência hepática Insuficiência renal grave

Osteoporose Miastenia gravis AIDS

CICLO CIRCADIANO 50%

Comentários