Gestor - Funções

Gestor - Funções

Profissões com Futuro é uma informação gentilmente fornecida pela FÓRUM ESTUDANTE para a Cidade das Profissões, no âmbito do Porto Digital

Funções: O profissional com formação na área da gestão gere os recursos (financeiros, humanos ou tecnológicos) existentes na empresa, com o objectivo de obter deles a maior eficiência e o máximo rendimento.

Áreas de actuação: Estas dependem, em grande parte, do tipo de empresa ou instituição para a qual trabalha. Não obstante, existem várias áreas de especialização: Gestão do ambiente - Técnicos e decisores nas áreas da decisão em impactos ambientais. Gestão agrícola - Levantamento dos custos de produção e análise financeira dos projectos agrícolas; pesquisa de mercado e elaboração de estratégias de comercialização dos produtos; definição das prioridades de investimento, contabilidade e escolha das instituições de crédito que possam trazer mais benefícios aos proprietários; planeamento e controle das técnicas usadas na produção. Gestão turística/hoteleira - Gestão do sector alimentar e de bebidas de um hotel (controlo quer das entradas, quer da qualidade das bebidas e alimentos); controlo de todas as operações do hotel (contabilidade, recursos humanos, resultados comerciais e operacionais da empresa; elaboração da agenda, eventos, actividades de lazer e de tudo o que possa promover a imagem do hotel; planeamento de métodos e estratégias que visem a viabilização económica de cada unidade ou cadeia de hotelaria. Gestão financeira e fiscal - Profissionais de gestão empresarial com competências próprias nas áreas financeiras e fiscais. Gestão Imobiliária - Gestor imobiliário, auditor imobiliário, mediador imobiliário, consultor imobiliário. Gestão territorial e urbana - Técnicos e decisores nas áreas de estudo e consultoria de dinâmicas espaciais, da comunicação e informação de base territorial, da gestão integrada de unidades territoriais, do ordenamento do território e do desenvolvimento territorial. Gestão industrial - Função de apoio à gestão (na preparação de decisões em áreas funcionais, tais como produção, distribuição, stocks, manutenção e marketing). Gestão em saúde - Decisão e coordenação estratégica de empresas, associações, hospitais, laboratórios e outras unidades de saúde. Gestão do património: Gestão do património em autarquias no domínio cultural, ambiental e planeamento.

Requisitos: Boa ginástica intelectual, exigência de conhecimentos e apetência para as áreas financeira, de marketing e de recursos humanos, sentido de organização, grande dinamismo e muita atenção às constantes mudanças do sector. O gestor deve saber manter numerosos contactos dos quais depende o sucesso do seu trabalho. É importante que saiba estabelecer prioridades de uma forma rigorosa. É necessário um conhecimento generalizado e actualizado das várias áreas da empresa, o que apela à capacidade de trabalhar em equipa e ter bons conhecimentos de informática, além de saber lidar com as estratégias de marketing dos bancos e com os procedimentos associados ao cumprimento das regras fiscais.

Onde exercer: A formação em Gestão abre possibilidades de carreira nas empresas públicas e privadas dos diversos sectores de actividade – primário, secundário, indústria, serviços, seguros, ensino, entre outros – para além de potenciar o aparecimento de empresários e a criação de novos empreendedores.

Mercado de trabalho: A "moda" da gestão provocou um excesso de candidatos a gestores. Por outro lado, a falta de regulamentação dos cursos de gestão em termos de currículo, originou alguma indefinição dos campos de actuação do gestor (muitas vezes confundido com o economista), o que agrava ainda mais a situação. A proliferação de pequenas e médias empresas que emergem com novas estruturas organizacionais prevêem o aumento da necessidade de gestores.

Comentários