TRANSCRIÇÃOpdf

TRANSCRIÇÃOpdf

(Parte 1 de 3)

Fluxo da Informação Genética

DNA RNA Proteína Transcrição Tradução

Definição: processo pelo qual um filamento de DNA é usado como molde para produzir um filamento complementar de RNA chamado de transcrito.

- Conversão dos genomas de vírus tumorais de RNA em suas formas próvirais de DNA .

-U m retrovírus (HIV) carrega seu genoma na forma de RNA. Quando infecta uma célula hospedeira, a enzima transcriptase reversa,u sa oR NA como moldep araa síntesed eD NA.

RNA (Ácido ribonucléico): molécula de fita simples formada por ribonucleotídeos ques ão compostos deu m grupamento fosfato, um açúcar di d ib bdenominado ribose eu ma base nitrogenada (A, U,C ,G ).

Os ribonucleotídeos são unidos através de ligações fosfodiéster.

RNA mensageiro(RNAm) RNA transportador (RNAt)

RNA ribossômico (RNAr)

Pequenos RNAs nucleares (snRNA)

Pequenos RNAs nucleolares (snoRNA) P RNA it l áti (R NA) Pequenos RNAsc itoplasmáticos (scRNA)

RNAm: são os intermediários que portam a informação genética do DNA a ser traduzida na forma de proteínas.

- 5% do RNA celular e variam em tamanho, de ~ 500 a 6000 nucleotídeos.

- Procariotos: transcrito primário = RNAm

- Eucariotos: transcrito primário = pré-RNAm, que deverá ser processado para se tornar o RNAm.

RNAt: pequenas moléculas de RNA que atuam como adaptadores entre os aminoácidos e os códons no RNAm

- pelo menos um tipo para cada aminoácido

RNAr: compõem os ribossomos, que são estruturas complexas que servem como sítio para a síntese protéica.

- 80% do RNA total celular

TIPOS DE RNASRNAr EM PROCARIOTOS E EUCARIOTOS

snRNA: componentes estruturais dos spliceossomo. Atuam na remoção dos íntrons dos pré-RNAm em eucariotos.

- Os snRNA se combinam a pequenas subunidades protéicas para formar pequenas ribonucleoproteínas.

l d RA

snoRNA: pequenas moléculas de RNA quet omam parten o processamento do RNAr em células eucarióticas.

scRNA: pequenas moléculas de RNA encontradas no citoplasma de células eucarióticas.

Requer 3 componentes principais: -Um molde de DNA;

-Os substratos necessários para construir uma nova molécula de RNA (ribonucleotídeos trifosfatados);

-O aparelho da transcrição.

ƒA síntese ocorre no sentido 5’3’;;
ƒÚnico filamento de DNA é utilizado como molde(3’5’);

As cadeias de RNA são iniciadas de novo, sem necessidade de primer.

O DNA é transcrito pela enzima RNA polimerase (RNA pol);

- Procariotos: uma única RNA polimerase para todos RNAs

→ Centro da enzima: 4 subunidades = cerne da enzima (2 cópias de α,1 cópia de β e1c ópiad e β’). O cerned ae nzimac atalisao alongamento dam oléculad e RNA.

→ O fator sigma (σ) controlaal igação da RNA pol ao promotor.g ( ) gç p p

Após sigma ter se associado ao cerne da enzima, forma a Holoenzima de RNA pol;

Cerne da EnzimaFator sigma Holoenzima de RNA pol

CARACTERÍSTICAS GERAIS DA TRANSCRIÇÃO -Eucariotos:

RNA pol I:s íntese de RNAr no nucléolo

RNA pol I:s íntese do pré-RNAm e snoRNA no núcleo

RNA pol I: síntese do RNAt, RNAr,RNA pol I: síntese do RNAt, RNAr, snRNA no núcleo

RNA pol mt e cp :s íntese de RNAs mitocondriais e dos cloroplastos

Enzimas grandes, multiméricascom mais de uma dúzia de subunidades;

A transcrição ocorre no núcleo dentro de um segmento localmente desenrolado de DNA denominado bolha de transcrição que é produzida pela RNA pol;

A unidade de transcrição é um trecho de DNA que codifica uma molécula de RNA e as seqüências necessárias para sua transcrição apropriadade RNA e as seqüências necessárias para sua transcrição apropriada (Promotor + ORF + Terminador).

A RNA polimerase move-se ao longo do DNA, desespiralizando, em seu sítio ativo, a hélice de DNA;

Adiciona os ribonucleotídeos um a um à cadeia de RNA;

Mantém estável o híbrido DNA-RNA;

Desloca o RNA recém-formado, permitindo que as duas fitas de DNA, atrás da polimerase, voltem a se espiralizar.

Fases: Iniciação, Alongamento e Término INICIAÇÃO

PROMOTOR: seqüência de nucleotídeos situada no DNA, na região anterior ao início da transcrição (nucleotídeo +1 do gene), reconhecida pela( g) p RNA pol.

A RNA pol liga-se nesta região do DNA, as pontes de hidrogênio entre as fitas complementares do DNA se rompem, possibilitando a ligação da

(Parte 1 de 3)

Comentários