8

Respostas referentes ao questionário – parte 1 – da Apostila introdutória de Economia

01) Quais são os instrumentos utilizados na condução da política econômica de um país e quais suas particularidades?

R- Medidas relativas ao orçamento, macroeconômico ou microeconômico. A política econômica deve eliminar as flutuações, reduzir o desemprego, fomentar um rápido crescimento econômico, melhorar a qualidade e o potencial produtivo, reduzir o poder monopolista das grandes empresas e proteger o meio ambiente.

02) Como se compõem os meios de pagamentos de uma economia?

R-Os meios de pagamento seriam o papel-moeda em poder do público (moeda manual) e os depósitos a vista do público nos bancos comerciais (moeda escritural).

03) Quais são os motivos básicos de demanda por moeda e em que consiste?

R- A demanda de moeda ocorre por três motivos básicos:

A) Transação: representa a guarda de moeda para se fazer face a pagamentos, dado que os pagamentos e recebimentos não são perfeitamente sincronizados.

B) Precaução: é a guarda de moeda para cobrir gastos imprevistos.

C) Especulação: a moeda é considerada também como reserva de valor e não apenas meio de troca. Por isso, não seria estranho que os agentes econômicos guardassem moeda ociosa, na expectativa de mudanças na taxa de juros de mercado e, assim, aplicá-la melhor no futuro.

04) Quais os instrumentos de política monetária adotadas pelo Banco Central? Explique?

R- A) Política Monetária Restritiva:

- Recolhimento compulsório: consiste na custódia, pelo Banco Central, de parcela dos depósitos recebidos do público pelos bancos comerciais. Esse instrumento é ativo, pois atua diretamente sobre o nível de reservas bancárias, reduzindo o efeito multiplicador e, conseqüentemente, a liquidez da economia.

- Assistência Financeira de liquidez: o Banco Central empresta dinheiro aos bancos comerciais, sob determinado prazo e taxa de pagamento. Quando esse prazo é reduzido e a taxa de juros do empréstimo é aumentada, a taxa de juros da própria economia aumenta, causando uma diminuição na liquidez.

- Venda de Títulos públicos: quando o Banco Central vende títulos públicos ele retira moeda da economia, que é trocada pelos títulos. Desta forma há uma contração dos meios de pagamento e da liquidez da economia.

B) Política Monetária Expansiva:

- Diminuição do recolhimento compulsório: o Banco Central diminui os valores que toma em custódia dos bancos comerciais, possibilitando um aumento do efeito multiplicador, e da liquidez da economia como um todo.

- Assistência Financeira de Liquidez: o Banco Central, ao emprestar dinheiro aos bancos comerciais, aumenta o prazo do pagamento e diminui a taxa de juros. Essas medidas ajudam a diminuir a taxa de juros da economia, e a aumentar a liquidez.

- Compra de títulos públicos: quando o Banco Central compra títulos públicos há uma expansão dos meios de pagamento, que é a moeda dada em troca dos títulos. Com isso, ocorre uma redução na taxa de juros e um aumento da liquidez.

05) Quais são os instrumentos de política fiscal adotados pelo governo na gestão de um país?

R- A)Política Fiscal expansiva:

- Diminuição da carga tributária, estimulando despesas de consumo e investimentos;

- Estímulos às exportações, elevando a demanda externa dos produtos;

- Tarifas e barreiras às importações, beneficiando a produção nacional.

B) Política Fiscal restritiva:

- Elevação da carga tributária sobre os bens de consumo, desencorajando esses gastos;

- Elevação das importações, por meio da redução de tarifas e barreiras.

06) Dê um exemplo de:

- Política monetária expansionista e outra restricionista;

- Política fiscal expansionista e outra restricionista.

R- Política Monetária Expansionista: Diminuição do recolhimento compulsório;

Política Monetária Restrisionista: Recolhimento compulsório.

Política Fiscal Expansionista: Diminuição da carga tributária;

Política Fiscal Restrisionista: Elevação da carga tributária.

07) Em que consiste a taxa de câmbio?

R- Taxa de câmbio é a relação entre o valor de duas unidades monetárias, indicando o preço em termos monetários nacionais da divisa estrangeira correspondente.

08) Em que consiste um Balanço de Pagamentos deficitário e superavitário?

R- Quando superavitário a quantidade de divisas que entraram durante o ano foram superiores à quantidade que saiu, aumentando as reservas do país. Quando deficitário ocorre o inverso.

09) O que quer dizer inflação e quais os tipos de inflação existentes?

R- Inflação é o contínuo, persistente e generalizado aumento de preços. Consideramos quatro tipos principais:

A) Inflação de demanda;

B) Inflação de custos;

C) Inflação inercial;

D) Inflação estrutural;

9.1) Como se caracteriza uma economia indexada?

R- Caracteriza-se pelo reajuste do valor das parcelas de contratos pela inflação do período passado.

10) Quais falhas no mercado exigem a intervenção do governo para organizá-lo?

R-- Existência dos bens públicos;

- Existência de monopólios naturais;

- As externalidades;

- Desenvolvimento, emprego e estabilidade;

11) Quais são as funções do governo para solucionar questões relacionadas às falhas no mercado?

R-- Função alocativa;

- Função distributiva;

- Função estabilizadora;

11.1) Explique o que seja falhas de mercado em uma economia.

R- São fenômenos que impedem que a economia alcance o ótimo de Pareto, ou seja, o estágio de welfare economics, ou estado de bem estar social através do livre mercado, sem interferência do governo.

12) Explique o conceito de equidade na Teoria da Tributação.

R- Pelo conceito da equidade, cada indivíduo deve contribuir com uma quantia "justa"; pelo conceito da progressividade, as alíquotas devem aumentar à medida que são maiores os níveis de renda dos contribuintes.

12.1) Explique como os gastos públicos podem impulsionar a economia.

R- Com a redução dos gastos públicos, ou seja, os impostos, taxas e etc., aumentariam o poder aquisitivo da população e consequentemente “aqueceria” o mercado.

13) Quais são as diferenças entre “impostos” e “taxas” no sistema tributário brasileiro?

R- Impostos são tributos cobrados cujo valor arrecadado não tem um fim específico. Taxas são tributos para manutenção do funcionamento de um serviço dirigido a uma comunidade de indivíduos.

13.1) Como uma carga tributária pode influenciar na economia como incentivo ou desestímulo.

R- Com aumento de impostos, os produtos ficam mais caros, reduzindo o consumo. O contrário acontece com a redução dos impostos. Um exemplo disto pode ser a redução do IPI, que nos últimos meses aumentou a venda de automóveis no país.

14) Dê um exemplo de tributos sobre: o patrimônio; sobre a renda; sobre o consumo de cada unidade da federação.

R- Patrimônio – IPTU, IPVA, ETC.;

- Renda – IRPF (imposto de renda pessoa física);

- Consumo – ICMS;

15) Atualmente verifica-se um grande aumento dos gastos públicos na economia gerando preocupações para gestão futura das contas do governo. Comente.

R- Temos observado um fenômeno de crescente participação do gasto público no PIB em todas as principais economias mundiais. Esse fato é historicamente explicado pelo envelhecimento da população e pelo processo de urbanização. É importante ressaltar que a elevação do gasto público tem sido total ou parcialmente compensada com elevação tributária, não causando grandes impactos no percentual da dívida dobre o produto interno.

16) Quais as funções do Conselho Monetário Nacional?

R-O CMN acaba sendo o conselho de política econômica do país, visto que o mesmo é responsável pela fixação das diretrizes da política monetária, creditícia e cambial. Atualmente, seu presidente é o próprio Ministro da Fazenda.

17) Quais as funções do Banco Central do Brasil?

R- O BACEN é o órgão responsável pela execução das normas que regulam o SFN. São suas atribuições agir como: banco dos bancos, gestor do SFN, executor da política monetária, banco emissor e banqueiro do governo.

18) Idem, para CVM?

R- A CVM é um órgão normativo voltado ao mercado de ações e debêntures. Ela é vinculada ao Governo Federal e seus objetivos podem ser sintetizados em apenas um: o fortalecimento do mercado acionário.

19) Idem, para o Banco do Brasil?

R- Até janeiro de 1986 o BB assemelhava-se a uma autoridade monetária mediante ajustamentos da conta movimento do BACEN e do Tesouro Nacional. Hoje, é um banco comercial comum, embora responsável pela Câmara de Confederação.

20) Idem, para o BNDES?

R- Contando com recursos de programas e fundos de fomento, o BNDES é responsável pela política de investimentos de LP do Governo e, a partir do Plano Collor, também pela gestão do processo de privatização. É a principal instituição financeira de fomento do Brasil por impulsionar o desenvolvimento econômico, atenuar desequilíbrios regionais, promover o crescimento das exportações, dentre outras funções.

21) Idem, para a Caixa Econômica?

R- A CEF caracteriza-se por estar voltada ao financiamento habitacional e ao saneamento básico. É um instrumento governamental de financiamento social.

22) Quais são as instituições financeiras que compõem o SFN brasileiro

R- - Os Bancos Comerciais;

- Os Bancos de Desenvolvimento;

- As Cooperativas de Crédito;

- Os Bancos de Investimentos;

- Sociedades de Crédito, Financiamento e Investimentos;

- Sociedades Corretoras;

- Sociedades Distribuidoras;

- Sociedades de Arrendamento Mercantil;

- Associações de Poupança e Empréstimo;

- Sociedades de Crédito Imobiliário;

- Investidores Institucionais;

- Companhias Hipotecárias;

- Agências de Fomento;

- Bancos Múltiplos;

- Bancos Cooperativos;

Comentários