Cirurgias oftalmológicas - cuidados enfermagem

Cirurgias oftalmológicas - cuidados enfermagem

A s s i s t ê n c i a d e E n f e r m a g e m

  • Cirurgias Oftalmológicas

O Olho

  • Pálpebra superior

  • Pálpebra inferior

  • Ângulo lateral

  • Ângulo medial

  • Carúncula

  • Limbo

  • Córnea / Íris

  • Pupila

  • Ponto lacrimal inferior

  • Conjuntiva / Esclera

  • Ponto lacrimal superior

Patologia x Cirurgia

Patologia x Cirurgia

Patologia x Cirurgia

Tipos de anestesia

Medicamentos mais utilizados

  • Metilcelulose 2 e 4%

  • PVPI colírio 5%

  • BSS/SRL

  • Perfluoroctano

  • Óleo de silicone

  • Perfluoropropano (C3F8)

  • Sulfur Hexafluorido (SF6)

  • Cloreto de carbacol 0,1%

  • Azul de trypan0,1%

  • Triancinolona 40 mg/ml

Materiais comumente implantados

  • LIO

  • Membrana amniótica

  • Córnea – Tx

  • Lente simblefaroplastia

  • Lente de contato terapêutica

Procedimentos Pré-operatório

  • Conhecimento do paciente/patologia a ser operado

  • Definição com a equipe médica da técnica a ser utilizada

  • Provisão dos insumos necessários à cirurgia, prevendo eventuais “acidentes” de percurso para correção (reserva técnica)

  • Garantia de condições ótimas, ideais para a cirurgia (Hardware/Software/Humanware)

    • Equipamentos** checados e em funcionamento
    • Materiais específicos disponíveis
    • Equipe treinada, disposta, exclusiva para o procedimento
  • ** Cuidados excessivos ao transportar os equipamentos para montagem da sala de cirurgia

Procedimentos Pré-operatório

  • Em pacientes ambulatoriais a presença de acompanhante/responsável é INDISPENSÁVEL

  • Orientações pré-operatórias (jejum/uso de anticoagulantes/avaliação anestésica/medicações/acompanhante)

  • Interação e integração cirurgião/equipe de Enfermagem

  • Dilatação pupilar eficiente, quando necessária

  • Questionar o paciente sobre qual olho vai ser “operado” e confirmar com aviso de cirurgia e prontuário

  • Encaminhar o paciente para sala deambulando e acompanhado (CCA)

Procedimentos Intra-operatório

  • Conhecer e estar atento aos tempos cirúrgicos

  • Preparação equipamentos/materiais conjuntamente com cirurgião

  • Detecção de possíveis falhas na montagem do equipamento

  • Orientação ao paciente das próximas etapas a serem realizadas

  • Oxigenoterapia

Procedimentos Intra-operatório

  • Cuidados pra não haver quebra de assepsia

  • Oclusão do olho a ser manipulado após bloqueio anestésico do nervo óptico prevenindo ceratite por exposição da córnea que pode levar à dificuldade de visualização do fundo de olho

  • Atenção quanto a dosagens de medicamentos e tipo (< 1 ml)

Procedimentos Intra-operatório

  • Movimentação cuidadosa da circulante, quando próxima a mesa cirúrgica

  • Informar ao cirurgião a necessidade de manipulação do paciente

  • Cirurgias com tempo maior de duração que o habitual procurar diminuir a ansiedade dos familiares que estão aguardando na sala de espera e dar feedback ao paciente

  • Agilidade para resolução de problemas com materiais/equipamentos (reserva técnica) durante o ato cirúrgico

Procedimentos Intra-operatório

  • Para o sucesso do procedimento a integração de todos os profissionais envolvidos deve existir, não havendo prevalência de um detrimento do outro, ficando o paciente com o ônus de o procedimento não for bem executado

  • Parâmetros dos aparelhos compatíveis com o tempo cirúrgico

Procedimentos Pós-operatório

  • Orientar o paciente que o procedimento terminou e que o resultado da cirurgia não será imediato

  • Verificar se todas as linhas foram desconectadas e o paciente não apresenta nenhuma lesão

  • Solicitar que o paciente primeiro sente-se, permanecendo por alguns instantes e só então retirá-lo da mesa cirúrgica deambulando e amparado (CCA)

  • Providenciar a retirada do antisséptico local para melhor aparência

  • Se curativo oclusivo (tampão ocular) procurar realizar o mais esteticamente possível

Procedimentos Pós-operatório

  • Solicitar que o acompanhante auxilie o paciente a vestir-se

  • Reforçar a orientação médica se colocando a disposição para dúvidas

  • Segregação dos materiais reutilizáveis dos descartáveis

  • Desmontagem, limpeza e guarda dos equipamentos de forma a prevenir quebras e danos

Avaliação de desempenho

  • Discussão de dificuldades

  • Descrição dos erros

  • Oportunidades de melhorias

  • Feedback com equipe da unidade

  • Satisfação do usuário

Comentários