Relatório de Estagio Supervisionado II Joseane

Relatório de Estagio Supervisionado II Joseane

(Parte 1 de 3)

Universidade do Estado do Pará-UEPA

Centro de Ciências Sociais e Educação-CCSE

Departamento de Ciências Naturais-DCN

Campus-XI- São Miguel do Guamá-Pa

Curso de Licenciatura Plena em Ciências Naturais-Química Docente: Carlos do Socorro Guerreiro Vaz

Joseane Oliveira da Silva

São Miguel do Guamá – PA Outubro/2010

Universidade do Estado do Pará-UEPA

Curso de Licenciatura Plena em Ciências Naturais-Química

Discente: Joseane Oliveira da Silva Disciplina: Estágio Supervisionado I

Docente: Carlos do Socorro Guerreiro Vaz Data de entrega: 16/1/2010

Relatório apresentado como requisito parcial para avaliação da disciplina Estágio Supervisionado I do 6º semestre do curso de Licenciatura Plena em Ciências Naturais - Química, Orientado e Ministrado pelo Prof. M. Sc. Carlos do Socorro Guerreiro Vaz.

São Miguel do Guamá - PA Outubro/2010

1. APRESENTAÇÃO

A principal meta da disciplina Estágio Supervisionado I, é buscar subsídios para o estagiário atuar enquanto docente durante sua vida profissional, além de transparecer e avaliar a realidade das escolas públicas e a situação do ensinoaprendizagem dos atuais educandos.

“A teoria é uma ferramenta essencial na vida do indivíduo para a consolidação da prática. Assim, o Estágio Supervisionado adquiriu um papel substancial no processo de graduação, pois, o mesmo caracteriza-se como a prática em meio à aprendizagem na sistematização curricular (graduação).” (SILVA JR., 2009)

No estagio foi desenvolvido as seguintes atividades:

Observação do ambiente escolar visando conhecer a estrutura da instituição de ensino bem como o perfil do professor de ciências, para servir de apoio enquanto docente.

Observação do perfil da turma de sexta série, 601, analisando a relação professor-aluno, onde a mesma serviria de base para realização da regência.

Realização da regência, que teve como objetivo aproximar o estagiário da realidade escolar. Uma vez que, adquirida esta noção (de realidade escolar), o mesmo possa criar condições para formulações de planos de aula, além vir a compreender e/ou descobrir se estar no caminho certo.

Avaliação da regência e reformulação do plano de aula feita pelo professor do estágio, Msc. Carlos do Socorro Guerreiro Vaz, onde foi feita as principais observações sobre as regências realizadas e a entrega do plano de aula corrigido pelo mesmo.

2. CORPO DO RELATÓRIO

A disciplina Estágio Supervisionado I, foi realizada tanto na Universidade do

Estado do Pará, quanto na Escola Municipal de Ensino Fundamental Licurgo Peixoto de São Miguel do Guamá, PA, na 6º série, turma 601, no turno da manhã, no período de 27/09 a 16/1 de 2010.

2.1 CARACTERIZAÇÃO DO AMBIENTE ESCOLAR

A Escola Municipal de Ensino Fundamental Licurgo Peixoto, tem como código do INEP o número 15095860, iniciou com o nome de Escola Reunida, por volta de 1950, a qual funcionava na travessa Padre Sátiro, atualmente EMATER-PA, depois mudou suas atividades escolares para o prédio do antigo cinema. Com o passar dos tempos e chuvas muito fortes, o local ficou em precárias condições. Não tendo mais suporte para o funcionamento, professores e alunos decidiram reivindicar por melhores condições para o desempenho de suas funções.

Aproveitando-se da visita do Governador do Estado, Sr. Jarbas Passarinho, professores e alunos prepararam a escola fazendo alagamentos em todo local, demonstrando assim como a escola ficava nos períodos de chuva.

O então governador, vendo o estado ineficaz da mesma, ordenou ao deputado Coronel Ney Rodrigues Peixoto, que na época respondia pelo município, que providenciasse um terreno onde pudesse ser construído um novo prédio. Deuse então o nascimento da escola que passou a ser chamado “Grupo Escolar Licurgo Peixoto”, no ano de 1964. No ano de 1969, a escola foi cedida para o inicio do curso ginasial e para o ensino médio. Atualmente chama-se E.M.E.F. Licurgo Peixoto e está situada na Avenida Américo Lopes, no bairro Centro.

Quanto à infra-estrutura, a escola possui seis salas de aula e três banheiros com adaptações para portadores de necessidades especiais (física), porém não possui nenhum deficiente físico, uma biblioteca que funciona em todos os turnos, um laboratório de informática com dez computadores funcionando pela manhã e a noite, pois não há funcionário disponível no período da tarde, uma quadra de esporte sem cobertura, um almoxarifado, uma sala de professores, uma copa, um depósito de merenda, uma diretoria e uma secretaria.

A escola atende 494 alunos com a média de 30 alunos por sala de aula. A faixa etária deles pelo turno matutino e vespertino varia entre 6 e 17 anos, e no EJA a partir de 15 anos. A maioria desses alunos mora na zona urbana, nos bairros mais próximos da escola.

No quadro abaixo pode ser observado o horário em que as turmas estão em sala de aula, distribuídos da seguinte forma:

Para dinamizar as aulas a escola utiliza os seguintes recursos tecnológicos: data-show, TV, DVD e computadores. Na mesma são realizados alguns eventos como: Carnapeixoto, festa das mães, quermesse junina e também participa do desfile de 7 de setembro. Sobre a merenda escolar, chega regularmente toda semana.

Esta instituição disponibiliza profissionais capacitados para atender portadores de necessidades especiais. Esse atendimento é feito com o acompanhamento da psicopedagoga dentro da sala de aula, em seguida o aluno recebe atendimento prioritário. Os alunos que recebem este atendimento possuem dificuldades de aprendizagem e são auxiliados uma vez por semana por uma professora itinerante especialista em libras, há também uma aluna com deficiência auditiva.

A escola trabalha em cima dos seguintes projetos:

Nome do projeto Execução do projeto

Construindo e resgatando valores Trabalho em forma de textos, ligado a ética.

Meio ambiente Trabalho de conscientização, dando ênfase na limpeza escolar.

Invasão poética Os alunos declamam poesias de própria autoria.

Roda de leitura

Realizado na quinta-feira, os alunos apresentam texto de escolha própria para ler no microfone fora da sala de aula para os demais alunos.

A mesma possui 53 funcionários que estão distribuídos da seguinte forma:

( 2 ) Português( 1 ) Religião
( 2 ) Matemática( 1 ) Arte
( 2 ) Educação física( 1 ) Língua Estrangeira
( 1 ) Ciências( 1 ) Estudos Amazônicos
( 1 ) História( 1 ) Geografia
( 1 ) Informática

Os professores ministram as disciplinas de:

Diretora 1 Vice-diretora 1 Secretária 1 Coordenador pedagógico 2 Agente administrativo 13 Vigia 3 Servidores gerais 10 Professores 2 Total 53

2.2 ATIVIDADE DE APLICAÇÃO DE QUESTIONÁRIOS

A primeira atividade desenvolvida nesta disciplina foi a aplicação de questionários para as escolas de ensino fundamental de São Miguel do Guamá (neste caso a escola Licurgo Peixoto), o mesmo visando conhecer a estrutura das escolas e trazendo as seguintes perguntas: o número de funcionários, de professores, de classes, se a escola possui locais adaptados para auxiliar no ensinoaprendizagem como: salas de multimídia, de informática, biblioteca entre outras informações que virão em anexo neste relatório.

seja um exemplo para as demais escolas do município

Com este questionário observou-se que apesar da escola ser pública a mesma possui um excelente atendimento, pois sua infra-estrutura é apropriada para atender portadores de necessidades especiais, o que faz com que esta instituição

Houve também um questionário direcionado aos professores de ciências destas escolas, que trouxe as seguintes indagações: possui graduação, contextualiza seu ensino, desenvolve projetos na escola e qual sua carga horária.

Com as informações obtidas através deste questionário, constatou-se que só há um professor de ciências nesta instituição e que o mesmo não possui formação continuada, pois a razão disto é a sua imensa carga horária de 90 hrs semanais só no Licurgo Peixoto, além de atuar em outra escola deste município ele ainda desloca-se para outro município onde também leciona. Sabe-se que em nosso País, o professor não é bem remunerado e uma das conseqüências disto é os profissionais da área aumentarem sua carga horária ao máximo não lhes sobrando tempo para cuidar de suas demais necessidades como uma formação continuada ou outras. Contudo devo aqui parabenizar o professor Jardel pela sua ótima atuação docente uma vez que o mesmo com todas essas dificuldades ainda arranja tempo para desenvolver e participar de projetos na sua instituição de ensino.

2.3 OBSERVAÇÃO E REGÊNCIA

No dia 18 de outubro de 2010, de 7:0 hrs ás 9:15 hrs, iniciei a observação na sala de 6ª série, 601, do Licurgo Peixoto. Na referente ocasião, o professor supervisor Jardel Carvalho trabalhava o assunto aves, explicando sobre seus grupos, representantes e características gerais. Pode-se perceber que o mesmo se relaciona bem com seus alunos, interage com todos não mostrando preferências por nenhum educando, mas agindo de forma que todos consigam entender e aprender o conteúdo trabalhado, além disso, possui domínio de conteúdo e de classe, explicando nitidamente, relembrando conteúdo e exercitando em seguida. Desta forma conclui-se que o mesmo colabora de forma direto-participativa para um futuro promissor de educação e visão critica de sociedade de seus alunos.

(Parte 1 de 3)

Comentários