Estágio III Literatura Ensino Médio - Curso de Letras ULBRA

Estágio III Literatura Ensino Médio - Curso de Letras ULBRA

(Parte 6 de 6)

Utilizando-se do recurso audiovosual, foi feita a apresentação de um capítulo da minissérie O tempo e o Vento, e os alunos puderam refletir e analisar o perfil físico e psicológico da personagem na obra literária e na produção televisiva.

Após todo um processo de preparação e de discussão em sala de aula, foi proposta a leitura de um artigo “A Figura do Gaúcho e a Identidade Cultural Latino- Americana”, com o objetivo de contrastar o perfil psicológico do gaúcho através de três gêneros diferentes: obra literária, televisiva e artigo científico.

Após a leitura do artigo, foi proposta a atividade de produção textual, por meio da análise crítica da construção do perfil do gaúcho a partir das fontes, discussões e atividades trabalhadas em aula.

O plano de ensino e as aulas desenvolvidas compreenderam o modernismo, o autor e a obra buscando sempre a participação do alunado e a interdisciplinaridade através de pesquisas, debates e do trabalho conjunto, em uma das aulas, com o professor de história.

No momento de desenvolver os planos de ensino e de aula nunca poderemos prever o que será a prática, mas é importante à partir deles guiar-se como mediadores do processo de aprendizagem atentos para as possíveis e prováveis alterações.

10. ANÁLISE DAS ATIVIDADES DOCENTES ( AUTO-AVALIAÇÃO)

Estado: RJMunicípio: Paraíba do Sul

Acadêmica: JANAINA DESIDÉRIO DO PRADO Local do Estágio: COLÉGIO ESTADUAL LIONS CLUBE DE PARAÍBA DO SUL Turma de Estágio: 3º Ano do Ensino Médio

“Ninguém educa ninguém, e ninguém se educa sozinho. É preciso tornar a educação um ato coletivo, solidário”. Paulo Freire

Durante o estágio fui capaz de demonstrar que sou aberta à crítica, pois sem liberdade para criticar, nenhum elogio é válido.

Através da Ética Profissional, que já está inserida no meu caráter, ficou mais fácil firmar o compromisso de auxiliar na formação de cidadãos capazes de atuar com autonomia e responsabilidade no meio social em que está inserido.

Antes de iniciar minhas atividades de estágio, estava meio que preocupada se eu teria domínio dos conteúdos, mas à medida que fui pesquisando entre um material e outro, socializando minhas dúvidas e ansiedades, fui também adquirindo confiança, e a certeza de que eu poderia fazer uso dos meus conhecimentos prévios para planejar aulas com metodologias renovadoras.

Sempre demonstrando interesse, e de que eu estava disponível para auxiliá-los no que fosse preciso, consegui um ótimo entrosamento com a turma.

Consegui administrar meu tempo para que nenhum imprevisto me impedisse de manter a pontualidade.

Para que o processo de ensino e aprendizagem tivesse resultados satisfatórios, foi preciso que instaurasse na sala de aula um clima de cooperação e interação entre todos. Então pude perceber, que ao tomar esta atitude, eu estava atingindo a minha maturidade como futura docente de Língua Portuguesa, que além de ser líder, tem que ser democrática.

Sempre soube que para um professor atingir os objetivos de seu planejamento, precisa não só do conhecimento, como também da comunicabilidade e da criatividade. E analisando minha postura perante aos alunos, posso garantir que a comunicação foi estabelecida em todos os momentos, e a criatividade pode ser observada em minhas todas as minhas aulas que foram administradas durante o estágio de intervenção.

1. CONCLUSÃO

“É o risco que define a função docente: será que fiz tudo para fazer dos meus alunos os homens que eu desejaria que eles fossem?”

Georges Snyders

O estágio supervisionado é o momento em que o estagiário coloca em prática tudo aquilo que aprendeu no decorrer do curso. Ao chegar ao final deste primeiro estágio, chego à conclusão de que lucrei bastante, do ponto de vista do conhecimento adquirido. Depois de ter passado esses meses na escola, aprendi como a vida de professor não é fácil. É uma verdadeira maratona, desde o momento que se chega à escola, até a hora de ir embora.

Na sala de aula a história se repete. O professor deve ter bastante jogo de cintura para conseguir atender às expectativas dos alunos. Sem contar que deve ser muito flexível, pois os problemas são muitos, as cobranças também.

A finalidade do estágio é proporcionar a complementação do ensino e da aprendizagem a serem planejados, executados, acompanhados e avaliados segundo os currículos, programas, calendários escolares, a fim de se constituírem em instrumentos de integração, em termos de treinamento prático, aperfeiçoamento técnico-cultural, científico e relacionamento humano.

Não é demais lembrar: importante, ético e moral é entender o que é válido no estágio. Certamente não é a nota ou o conceito obtido após sua realização, nem a carga horária cumprida, mas sim saber que foi realizado um trabalho, em cuja aplicação, a universidade demonstrou haver cumprido seu dever de preparar o aluno para uma profissão. É necessário que alunos e professores coloquem a escola atual à frente das necessidades da comunidade e do mercado de trabalho. A parceria teoria/prática é capaz de formar cidadãos e profissionais competentes, aptos para um trabalho digno do papel que desempenharão na sociedade.

Acredito que ao finalizar este Estágio Supervisionado, conclui com êxito as atividades propostas e os planos de ação que estabeleci previamente. Estes momentos em que estive em contato direto com o ambiente escolar, certamente ficarão guardados na minha memória como sendo parte de um passado construtivo e que poderei espelhar-

(Parte 6 de 6)

Comentários