linguagens de programação e suas aplicações

linguagens de programação e suas aplicações

(Parte 1 de 9)

Linguagens de Programação e suas Aplicações Fábio Sobreira Coriolano Filho

Copyright © Universidade Tiradentes

Autor: Fábio Sobreira Coriolano Filho Revisão de Texto: 1ª revisão: Ancejo Santana Resende 2ª revisão: Alfredo Luiz Menezes Portugal Castro 3ª revisão: Maria Amália Façanha Berger

Capa: Rebecca Wanderley N. Agra Silva Folha de Rosto: Walmir Oliveira Santos Júnior Ilustrações: Adelson Tavares de Santana Walmir Oliveira Santos Júnior Wandeth Graziaany Soto Tello Jaciuk Editoração Eletrônica: Alexandre Meneses Chagas Ancelmo Santana dos Santos Astolfo Marques Pinto Bandeira Claudivan da Silva Santana Edivan Santos Guimarães Redação: PROEAD - Pró-Reitoria Adjunta de Ensino a Distância Av. Murilo Dantas, 300 - Farolândia - Prédio da Reitoria - Sala 40 CEP: 49.032-490 - Aracaju - SE - Tel.: (79) 3218-2186 E-mail: infopread@unit.br Site: http://www.proead.unit.br

Impressão: Gráfica da Universidade Tiradentes Av. Murilo Dantas, 300 - Farolândia - CEP: 49032-490 Aracaju - Sergipe - e-mail: grafica@unit.br

Sumário

UNIDADE I - Conceitos de Linguagem de Programação,

Atribuição e Estruturas de Controle9
Exercício3
Atividade.complementar43
Exercícios.sugeridos4

Nomes e Escopo, Expressões e Comandos de

formulários e componentes47

Apresentação da Disciplina

Ementa

Conceitos Fundamentais de Linguagens de Programação. Evolução das Linguagens de

Programação. Sintaxe e Semântica. Elementos de uma Linguagem de Programação: nomes, ligações, tipos de dados, expressões, estruturas de controle, subprogramas, tratamento de erros. Programação concorrente. Linguagens de Programação Orientadas a Objetos. Utilizando o ambiente de programação Delphi. Aplicações Práticas.

• Compreender a evolução histórica das Linguagens de Programação • Conhecer os principais paradigmas de Linguagens de Programação e suas características.

• Capacitar a seleção de Linguagens de Programação, através da análise de suas características.

• Utilizar adequadamente uma Linguagem de Programação.

• Utilizar o paradigma Orientação Objeto para desenvolver aplicações.

• Conhecer a IDE Delphi para desenvolver aplicações.

Conteúdo Programático

Unidade I: Conceitos de Linguagem de Programação, Nomes e Escopo, Expressões e Comandos de Atribuição e Estruturas de Controle

Introdução 1.1. Conceitos e paradigmas 1.1. Notas históricas 2. Trabalhando com vetores, procedimentos e funções 2.1 Arrays 2.2 Procedimentos e funções - Subprogramas 2.3. Variáveis Locais e globais 3. Orientação a Objeto 3.1 Modificadores de acesso 3.2 Operadores de visibilidade 3.3. Property (propriedade) 3.4. Herança

Unidade I: Conhecendo o Delphi, utilizando formulários e componentes

4. Conhecendo melhor o Delphi 4.1 Componentes visuais e não visuais 4.2 Gerenciando um Projeto no Delphi. 4.3 Conhecendo melhor o Object Inspector 4.4 Manipulando exceções 4.5 Caixas de diálogo 4.6 Trabalhando com os componentes do Delphi 4.7 Exercícios para conhecer mais alguns componentes

OBS.: Ao final de cada unidade, todos os exercícios propostos serão contabilizados para a nota da unidade e devão ser respondidos e entregues antes da prova.

Metodologia.de.Ensino

A metodologia a ser utilizada deverá contribuir para que o aluno tenha domínio de conteúdos apresentados na ementa, buscando a relação teoria-prática no processo de formação acadêmica e profissional.

As atividades didático/pedagógicas serão desenvolvidas através do auto-estudo, dos encontros presenciais organizados em grupos de estudos, debates, pesquisa bibliográfica e atividades de pesquisa. Os recursos didáticos e tecnológicos para tais fins compreendem: ambiente virtual de aprendizagem – material instrucional on-line, projetor, vídeo, plantões de tutoria on-line, por meio do correio eletrônico, DDG 0800 284 7117 e outros conforme as necessidades e possibilidades de ampliar a interação e diminuir a tendência ao isolamento.

Atividades e Exercícios

Para auxiliar o conteúdo a ser estudado, realizamos várias atividades, como: • Exercícios subjetivos propostos e resolvidos;

• Demonstrações;

• Chat de discussão;

• Fóruns e outros.

Metodologia de Avaliação

No processo de avaliação serão realizadas provas escritas com perguntas objetivas contextualizadas; atividades e dinâmicas de grupo e atividades de pesquisas presenciais e on-line.

As avaliações deverão ocorrer de modo presencial, através de provas escritas com questões objetivas de acordo com o calendário da disciplina, disponível no quadro de avisos e durante o processo; através de atividades regulares indicadas pelo professor-tutor como: atividades de dinâmica de grupos, objetos do estudo, atividades de pesquisas, relatórios e fóruns de discussão. A pontuação das atividades obedece ao seguinte critério: • 20% - Interesse, participação e cumprimento de tarefas (encontros presenciais, atividades teóricas, atividades de pesquisas, fóruns, chats e exercícios); • 80% - Prova objetiva contextualizada.

Bibliografia Básica

• SEBESTA, Robert W. Conceitos de linguagens de programação. 5. ed. Porto Alegre: Bookman, 2005. • VAREJÃO, Flávio M. Linguagens de Programação Conceitos e Técnicas. 1. ed. Campus, 2004.

• WATT, David A. Programming Language Design Concepts. 1. Ed. John Wiley Consumer, 2004.

• CANTU, Marco. Dominando o Delphi 7: a Bíblia, primeira edição, coleção A Bíblia, Editora Makron Books, 2003. • MACHADO, Raimundo Costa. Algoritmos e Estrutura de Dados.

Bibliografia complementar

• GHEZZI, Carlo e JAZAYERI, Mehdi. Conceitos de linguagens de programação. Rio de Janeiro: Campus, 1991. • MELO, Ana C. V. e SILVA, Flávio S. C. Princípios de Linguagens de Programação. Edgard Blucher, 2003.

Competências e Habilidades O que iremos aprender

Conceitos de Linguagem de Programação, Nomes e Escopo, Expressões e

Comandos de Atribuição e Estruturas de Controle

• Compreender a evolução histórica das Linguagens de Programação • Conhecer os principais paradigmas de Linguagens de Programação e suas características. • Capacitar a seleção de Linguagens de Programação, através da análise de suas características. • Utilizar adequadamente uma Linguagem de Programação.

• Utilizar o paradigma Orientação Objeto para desenvolver aplicações.

• Conhecer a IDE Delphi para desenvolver aplicações.

• Conceitos e paradigmas • Notas históricas

• Trabalhando com vetores, procedimentos e funções

• Arrays

• Procedimentos e funções - Subprogramas

(Parte 1 de 9)

Comentários