Hérnias Abdominais

  • Hérnia é a protusão de uma estrutura ou víscera através de uma abertura anormal em uma cavidade do corpo humano.

Incidência:

  • 1 a 2% da população;

  • Mais comum no sexo masculino;

  • 50% são inguinais indiretas (RN, sexo masc);

  • 25% são inguinais diretas (homens a partir da 5ª década);

  • 10% são incisionais (complicações);

  • 6% são femorais (86% mulheres);

  • 3% são umbilicais;

  • 6% outros.

Hérnia Inguinal Indireta:

  • Persistência do conduto peritôneo vaginal;

  • Percorre o trajeto do canal inguinal podendo descer até a bolsa escrotal;

  • Tumoração inguinal com conteúdo redutível;

  • Por deslizamento: parte do saco herniário é formado por alguma víscera;

  • Risco de encarceramento e estrangulação;

  • Alto risco em RN.

Hérnia Inguinal Direta:

  • São adquiridas por uma combinação de fraqueza da fáscia transversal no triângulo de Hesselbach e aumento da pressão intra abdominal;

  • Triângulo de Hesselbach é delimitado lateralmente pela artéria epigástrica inferior, inferiormente pelo ligamento inguinal, e medialmente pela borda lateral do músculo reto abdominal;

  • Anormalidade na síntese do colágeno;

  • NUNCA penetra na bolsa escrotal;

  • Encontrado em adulto e idoso;

  • Incomum encarceramento e estrangulamento.

Hérnia Umbilical:

  • Defeito na cicatriz umbilical por fechamento incompleto da parede umbilical;

  • 10% dos RN brancos e 40 a 90% de RN negros;

  • Geralmente regride espontaneamente até os 2 ou 4 anos de idade;

  • Diagnóstico difícil em obeso;

  • Complicações são raras na infância e comuns na vida adulta.

Hérnia Epigástrica:

  • São encontradas na linha alba, acima da cicatriz umbilical;

  • Ocorrem por esgarçamento de vasos e nervos perfurantes na linha alba;

  • Ocorrem em indivíduos em que a linha alba possui apenas uma faixa aponeurótica.

Hérnia Femoral:

  • Encontrada no canal femoral abaixo do ligamento inguinal;

  • Mais comum no sexo feminino e acima de 50 anos;

  • Recidivas freqüentes;

  • Estrangulamento freqüentemente grave.

Hérnias Incisionais:

  • Eventrações encontradas em qualquer ponto da parede abdominal;

  • Complicações pós operatórias encontradas na incisão cirúrgica em um ponto de fraqueza (7,4% a 13,2% das incisões abdominais);

  • Relacionadas a co-morbidade do paciente;

  • Em cirurgias contaminadas variam até 31%;

  • Mais comuns em incisões verticais do que horizontais.

Outras Hérnias:

  • Hérnia de Spiegel: é localizada entre a intercessão das linhas semilunar e semicircular da arcada de Douglas, onde há um ponto de fragilidade;

  • Hérnias lombares: são encontradas no triângulo lombar superior (Grynfeltt) e inferior (Le petit).

Comentários