16 - RELAÇÕES ECOLÓGICAS 02 - PROFº HUBERTT GRÜN

16 - RELAÇÕES ECOLÓGICAS 02 - PROFº HUBERTT GRÜN

BIOLOGIA

PROFº: HUBERTT GRÜN. Página 1 RELAÇÕES ECOLÓGICAS – PARTE 02

EXERCÍCIOS: 01. Os pulgões alimentam-se da seiva elaborada das plantas, introduzindo um tromba sugadora nos vasos liberianos. As formigas por sua vez, aproveitam-se dos excrementos dos pulgões no interior dos formigueiros. As relações ecológicas, observadas entre planta-pulgão e pulgão-formiga são respectivamente: a) Desarmônica interespecífica e harmônica interespecífica b) Harmônica intra-especifica e desarmônica interespecífica c) Harmônica intra-especifica e desarmônica intra-especifica d) Harmônica interespecífica e harmônica intra-especifica e) Desarmônica intra-especifica e harmônica intra-especifica

02. A rêmora ou peixe-piloto fixa-se no corpo do tubarão, deslocando-se com ele e aproveitando os restos de suas presas. Esse é um exemplo típico de: a) Predatismo b) Parasitismo c) Comensalismo d) Mutualismo

03. O cupim vive associado a protozoários capazes de digerir a celulose, tornando o alimento acessível a ambos indivíduos. Esse tipo de associação é conhecido como: a) Parasitismo b) Predatismo c) Mutualismo d) Canibalismo

04. Em lagos públicos ou simples espelhos dágua é conveniente manter uma população de peixes larvófagos para combater a proliferação de larvas de mosquitos. Esse procedimento não poluente é um exemplo de: a) Simbiose b) Comensalismo c) Predatismo d) Parasitismo e) Amensalismo

05. Um tipo de relação ecológica, em que apenas um dos participantes se beneficia sem causar prejuízo ao outro, é a que ocorre entre: a) Ectoparasitas e seus hospedeiros b) Predadores e suas presas c) Os tubarões e os peixes-piloto que se alimentam dos restos alimentares deles d) As bactérias e os fungos que impedem a multiplicação delas produzindo antibióticos e) Os ruminantes e as bactérias que vivem em seu tubo digestivo digerindo a celulose.

06. Existem certas espécies de árvores que produzem substâncias que, dissolvidas pela água das chuvas e levadas até o solo, vão dificultar muito o crescimento de outras espécies vegetais, ou até mesmo matar as sementes que tentam germinar. Esse tipo de comportamento caracteriza o a) Mutualismo. b) Comensalismo. c) Saprofitismo. d) Amensalismo. e) Neutralismo.

07. Em condições naturais, bactérias do gênero Rhizobium vivem há milênios em estreita relação ecológica com plantas leguminosas. Podemos afirmar que as duas espécies se beneficiam numa relação obrigatória, em que a sobrevivência de uma depende da outra. Este tipo de relação interespecífica é conhecida como a) Comensalismo. b) Protocooperação. c) Inquilinismo. d) Mutualismo. e) Amensalismo.

08. Segundo especialistas em vida animal, a sobrevivência dos ursos polares no Ártico será criticamente comprometida pela ação prejudicial do homem sobre o meio ambiente, pois as mudanças climáticas decorrentes da liberação de gases do efeito estufa estão causando um derretimento anormal da camada de gelo marinho durante o verão. Esta camada de gelo é crítica para a sobrevivência dos ursos polares, pois serve como uma plataforma de onde eles caçam as focas, seu principal alimento. A “camada de gelo marinho” citada no texto acima representa o _ do urso polar, o qual mantém uma relação de

_ com as focas. a) Ecossistema – Predação b) Hábitat – Competição c) Hábitat – Predação d) Nicho – Competição e) Nicho - Predação

09. Qual o tipo de interação interespecífica existente entre o gado bovino e os microorganismos que vivem em seu aparelho digestório? a) Parasitismo. b) Inquilinismo. c) Comensalismo. d) Mutualismo. e) Herbivoria.

10. Se a evolução dos mamíferos tivesse desempenhado um papel importante na extinção dos dinossauros, quais das possíveis relações ecológicas entre mamíferos e dinossauros poderiam ser sugeridas como responsáveis por esse acontecimento? a) Comensalismo e competição. b) Comensalismo e predação. c) Competição e mutualismo. d) Competição e predação. e) Protocooperação e predação.

1. O gráfico mostra as flutuações de duas populações de micro-organismos mantidas num mesmo meio de cultura

O tipo de relação ecológica existente entre essas duas populações é: a) Predatismo. b) Mutualismo c) Parasitismo. d) Inquilinismo. e) Amensalismo.

12. Uma determinada espécie de abelha alimenta-se exclusivamente do néctar de uma dada espécie de angiosperma, da qual é o único polinizador. Este tipo de relação animal-planta enquadra-se como um caso de

PROFº: HUBERTT GRÜN. Página 2 a) Predatismo. b) Herbivorismo. c) Amensalismo. d) Comensalismo. e) Mutualismo

13. Quais das interações abaixo, entre espécies exóticas e nativas, podem causar prejuízos para estas últimas? a) Comensalismo, inquilinismo e mutualismo. b) Comensalismo, parasitismo e predação. c) Competição, mutualismo e predação. d) Competição, parasitismo e predação. e) Competição, predação e neutralismo.

14. Considerando-se os organismos e os relacionamentos das colunas acima, a associação correta é: 1 – Líquen ( A ) Epifitismo 2 – Cipó-chumbo ( B ) Hemiparasitismo 3 – Erva-de-passarinho ( C ) Holoparasitismo 4 – Orquídea ( D ) Mutualismo

TIPOS DE RELAÇÕES Espécies

Reunidas

Espécies Separadas

0: espécies cujo desenvolvimento não é afetado +: espécie beneficiada cujo desenvolvimento torna-se possível ou é melhorado –: espécie prejudicada que tem seu desenvolvimento reduzido.

15. Analisando a tabela acima podemos concluir que as relações 01,02,03,04,05,06 e 07 são respectivamente: a) Inquilinismo- protocooperação- mutualismo- antibiose- herbivorismo- competição- esclavagismo b) Mutualismo- protocooperação- antibiose- inquilinismo- herbivorismo- competição- esclavagismo c) Mutualismo- inquilinismo-- protocooperação- antibiose- herbivorismo- competição- esclavagismo d) Inquilinismo- mutualismo- protocooperação- antibiose- herbivorismo- competição- esclavagismo e) Competição- mutualismo- protocooperação- antibiose- herbivorismo-inquilinismo-esclavagismo

16. A figura abaixo caracteriza a espécie que se instala no corpo de outra, dela retirando matéria para a sua nutrição e causando-lhe, em conseqüência, danos cuja gravidade pode ser muito variável.

A imagem é um exemplo de: a) Parasitismo b) Predatismo c) Mutualismo d) Competição e) Antibiose

LAST UPDATE: 02.02.2011 PROF: LIMA VERDE, HUBERTT. huberttlima@gmail.com; BIOLOGIA RELAÇÕES ECOLÓGICAS 02.

Comentários