1.O VÍRUS PENETRA NO EPITÉLIO PELA JEC

  • 1.O VÍRUS PENETRA NO EPITÉLIO PELA JEC

  • 2.LOCALIZA-SE NA BASE DO EPITÉLIO ESCAMOSO

  • 3.INFECTA AS CÉLULAS BASAIS

  • 4.PROLIFERA E PRODUZ POPULAÇÃO DE CÉLULAS

  • INFECTADAS

  • 5.FAZ MUTAÇÃO NAS PROTÉINAS (gens supressores )

  • Rb (retinoblastoma) e P 53

1 - CÉLULAS NORMAIS–PADRÃO HORMONAL

  • 1 - CÉLULAS NORMAIS–PADRÃO HORMONAL

  • Células Superficiais: padrão estrogênico

  • Células Intermediárias: padrão progestínico

  • Células Profundas : atrofia

  • 2 – CELULAS COM REATIVIDADE

  • Patógeno associado

  • Presença de células inflamatórias

  • Intensidade de reatividade

3 – LESÕES PRÉ-CANCEROSAS

  • 3 – LESÕES PRÉ-CANCEROSAS

  • ATIPIAS

  • CÉLULAS: SUPERFICIAIS

  • INTERMEDIÁRIAS

  • DIAGNÓSTICO: Lesão intra-epitelial escamosa de Baixo Grau –LSIL/NIC I /DISPLASIA LEVE

ATIPIAS

  • ATIPIAS

  • CÉLULAS IMATURAS: BASAIS

  • PARABASAIS

  • DIAGNÓSTICO: Lesão intra-epitelial

  • Escamosa de Alto Grau/HSIL/NIC II/

  • DISPLASIA SEVERA –CA “in situ”

1 – COILOCITOSE – Cavidade no citoplasma celular

  • 1 – COILOCITOSE – Cavidade no citoplasma celular

  • (acúmulo de água com destruição das organelas),

  • citoplasma borrado, denso, vítreo(gel de proteínas)

  • coloração eosinófila (vermelho-laranja) ou anfófila

2 – BI-MULTINUCLEAÇÃO: resultado da capacidade reduzida das células para dobrar o complemento de

  • 2 – BI-MULTINUCLEAÇÃO: resultado da capacidade reduzida das células para dobrar o complemento de

  • DNA nuclear durante divisão celular (o ácido fólico

  • é necessário para a síntese de purina, sua deficiência

  • conduz a uma redução da síntese de DNA que se ex-

  • pressa em distúrbios da divisão mitótica

  • Nestas circunstâncias, o crescimento celular fica com-

  • prometido, culminando com macrocitose ( células

  • gigantes)

3 – DISCARIOSE

  • 3 – DISCARIOSE

  • Distúrbios do núcleo

  • - Aumento de tamanho (aumento

  • da relação núcleo/Citoplasma)

  • - Hipercromatismo

  • - Cromatina irregular

  • - Condensação

4 – ASPECTOS SECUNDÁRIOS

  • 4 – ASPECTOS SECUNDÁRIOS

  • -Ceratinizações: Hiperceratose

  • Paraceratose

  • Disceratose

CITOLOGIA: Lesão Intra-epitelial Cervical de Baixo

  • CITOLOGIA: Lesão Intra-epitelial Cervical de Baixo

  • Grau/LSIL/NIC I/ Displasia Leve

  • HISTOLOGIA: 1/3 Epitélio inferior comprometido

CITOLOGIA: Lesão Intra-epitelial Cervical de

  • CITOLOGIA: Lesão Intra-epitelial Cervical de

  • Grau/HSIL/ NIC II/III/Displasia

  • Severa -Ca “in situ”

  • HISTOLOGIA: A partir de 2/3 do epitélio

  • está comprometido

LESÃO INTRA EPITELIAL CERVICAL DE

    • LESÃO INTRA EPITELIAL CERVICAL DE
    • BAIXO GRAU
    • E
    • EFEITO CITOPÁTICO PARA HPV
    • MESMA CATEGORIA OU CLASSIFICAÇÃO
    • DIAGNÓSTICA

COILÓCITOS – Considerado patognomônico

  • COILÓCITOS – Considerado patognomônico

  • BI-MULTINUCLEAÇÃO

  • DISCARIOSE

  • ASPECTOS SECUNDÁRIOS } ceratinizações

Comentários