(Parte 1 de 2)

Bibliografia de autores sobre Planos Diretores

1. AGUIAR, Joaquim Castro. Direito da cidade. Rio de Janeiro: Renovar, 1996. 2. AINBINDER, Roberto. “O desafio do novo século: a gestão sustentável da paisagem carioca”. In:

Cadernos de Urbanismo, no 3. Rio de Janeiro: Secretaria Municipal de Urbanismo, novembro de 2000, p.3-35. 3. ALFONSIN, Betânia de Moraes. Direito à moradia: instrumentos e experiências de regularização fundiária nas cidades brasileiras. Rio de Janeiro: FASE/GTZ/IPPUR/UFRJ - Observatório de Políticas Urbanas e Gestão Municipal, 1997. 4. ALFONSIN, Jacques Távora. Usucapião: Moradia de Base Constitucional. Rio de Janeiro: Instituto

Apoio Jurídico Popular/FASE, julho 1991. 5. ALTSHULER, Alan e GOMEZ-IBAÑEZ, José. Regulation for Revenue. Cambridge: Lincoln Institute of

Land Policy/ The Brookings Institution, 1993. 6. AMARAL, Flavia Mourão Parreira do Amaral. “Lei de Parcelamento, Uso e Ocupação do Solo: a experiência de Belo Horizonte.” In: NERY Jr, José Marinho, SOMEKH, Nádia e ROLNIK, Raquel (orgs.). Políticas Públicas para o Manejo do Solo Urbano. Revista Pólis, no 27. São Paulo: Instituto Pólis, 1996. 7. ARAÚJO, Adelmo e COSTA, Fernanda. “Recife: desafios da participação popular no PREZEIS”. In:

Revista Proposta, no 67. Rio de Janeiro: FASE, 1995. 8. ARAÚJO, Adelmo. “O PREZEIS enquanto instrumento de regulação urbanística”. In: Revista Proposta, no 62. Rio de Janeiro: FASE, 1994. 9. ATALIBA , Geraldo. Normas Gerais de direito financeiro e tributário e Autonomia dos Estados e

Municípios. São Paulo: RDP 10/51, outubro de 1969. 10. ATALIBA, Geraldo. “Leis Nacionais e Leis Federais no Regime Constitucional Brasileiro”. In: Estudos

Jurídicos, homenagem a Vicente Ráo. Revista de Direito Público. São Paulo, 1974. ATALIBA, Geraldo. “IPTU: Progressividade”. In: Cadernos de Direito Municipal. RDP no 92. São Paulo, jan/mar, 1990. 1. AZEVEDO NETO, Domingos Theodoro. O jogo das interligadas. Uma política pública em avaliação: a

Lei 10.109/86 do Município de São Paulo. São Paulo: Dissertação de mestrado em Administração Pública apresentada à FGV/Escola de Administração de Empresas de São Paulo, 1994. 12. AZEVEDO, Eurico de Andrade. “Direito de Preempção”. In: Estatuto da Cidade. São Paulo: Fundação

Prefeito Faria Lima (CEPAM), 2001. (CD rom) 13. AZEVEDO, Eurico de Andrade. “Direito Urbanístico no Brasil”. In: Revista do Serviço Público, 1983. 14. AZEVEDO, Sérgio de. “Políticas Públicas e Governança em Belo Horizonte”. In: Cadernos

IPPUR/UFRJ, Ano XI, no 1 e 2, Rio de Janeiro, 1997, p. 63-78. 15. BALDEZ, Miguel Lanzellotti (1991). Conselhos Populares e Usucapião Especial Urbano. Petrópolis:

Centro de Defesa dos Direitos Humanos, 1991. 16. BALTRUSIS, Nelson e MOURAD, Laila. “Diadema - Estudo de caso”. In ROLNIK, Raquel. (coord.).

Regulação Urbanística e Exclusão Territorial. Revista Pólis no 32. São Paulo: Instituto Pólis, 1999. 17. BARBOSA, Diana Coelho. Direito de Superfície-análise das disposições do Projeto de Código Civil.

Dissertação de Mestrado, PUC São Paulo, 1999. 18. BENTES SOBRINHA, Maria Dulce Picanço. A Questão Ambiental na Legislação sobre Uso e

Ocupação do Solo de Natal - O Entorno do Parque das Dunas. Dissertação de mestrado, Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 1993. 19. BENTES, Dulce. “Aplicação de Novos Instrumentos Urbanísticos no Município de Natal”. In: ROLNIK,

Raquel e CYMBALISTA, Renato (orgs.). Instrumentos Urbanísticos contra a Exclusão Social. Revista Pólis, no 29. São Paulo: Instituto Pólis, 1997. 20. BOTLER, M. ; MARINHO, G;. “O Recife e a regularização dos assentamentos populares”. In ROLNIK,

Raquel e CYMBALISTA, Renato (orgs.), Instrumentos Urbanísticos contra a exclusão territorial. Revista Pólis, no 29. São Paulo: Instituto Pólis, 1997. 21. BREMAEKER, François E. J. de. O Papel do Município na Política Habitacional Rio de Janeiro. Série

Estudos Especiais no 32. Rio de Janeiro: IBAM, junho de 2001. 2. CACCIA BAVA, S.. As Zonas Especiais de Interesse Social no Recife: uma avaliação. Relatório interno. São Paulo: Instituto Pólis, 1999. 23. CARDOSO, A.L.. “Planejamento urbano no Brasil: paradigmas e experiências”. In: Espaço e Debates no 37. São Paulo: NERU, 1994. 24. CARDOSO, A.L.. “Questão Urbana e Meio Ambiente: tendências e perspectivas”. In: Revista

Proposta, no 62. Rio de Janeiro: FASE, 1994. 25. CARDOSO, Adauto Lúcio. “Reforma Urbana e Planos Diretores: avaliação da experiência recente”. In: Cadernos IPPUR, ano XI, no 1 e 2. Rio de Janeiro: IPPUR, 1997, p. 79-112.

26. CARTA DE ANGRA. Seminário Intermunicipal Plano Diretor e Gestão Democrática. Angra dos Reis,

Agosto de 1990. 27. CARVALHO, Sônia Nahas. Planejamento Urbano e Democracia: A experiência de Santos. Tese de doutorado, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da UNICAMP, Campinas, 1999. 28. CASTANHEIRA, Elizabeth Paiva e PALHA, Regina Garcez da. “Obrigações e contrapartidas urbanísticas: Análise das pequenas operações no Rio de Janeiro”. In: Cadernos de Urbanismo, no 3. Rio de Janeiro: Secretaria Municipal de Urbanismo, novembro de 2000, p.36-37. 29. CASTRO, Carolina Mª P. de. “A legislação de HIS e a explosão da produção autofinanciada de moradias em São Paulo”. In: Gestão da terra urbana e habitação de interesse social. Campinas: FAUPUC Campinas - Laboratório do Habitat /Instituto Pólis/Lincoln Institute of Land Policy, 2000. (CD rom) 30. CASTRO, Sonia Rabello de. O Estado na preservação dos bens culturais. Rio de Janeiro: Renovar, 1991. 31. CICCACIO, Ana Maria. “A lei das cidades”. In: Revista Urbs - ano IV, no 2, p. 18-21 julho/agosto, 2001. 32. CYMBALISTA, Renato (org.). “Conselhos de habitação e desenvolvimento urbano”. In: Cadernos Pólis 1. São Paulo: Instituto Pólis, 2001. 3. CYMBALISTA, Renato. “Os conselhos de habitação e Desenvolvimento Urbano no Brasil: desafios de uma política um construção”. In: Gestão Urbana e de Cidades. Belo Horizonte: Fundação João Pinheiro/Lincoln Institute of Land Policy, 2001. (CD rom) 34. DALLARI, Adilson Abreu. FIGUEIREDO e Lúcia Valle (orgs). “Temas de Direito Urbanístico”. In:

Revista dos Tribunais. São Paulo, 1987. 35. DALLARI, Dalmo de Abreu. “Usucapião Coletivo”. In: Rev. Inf. Legislativa no 115. Brasília, jul/set. 1992. 36. DAMASIO, Cláudia Pilla. “Projetos especiais e operações concertadas. Instrumentos para um novo enfoque de planejamento”. In: Cadernos de Urbanismo, no 3. Rio de Janeiro: Secretaria Municipal de Urbanismo, novembro de 2000, p. 28-30. 37. DE AMBROSIS, Clementina. “Recuperação da valorização imobiliária decorrente da urbanização” In:

O município no século XXI: cenários e perspectivas. São Paulo: Fundação Prefeito Faria Lima - CEPAM, 1999. 38. DINIZ, Maria Helena. Curso de Direito Civil Brasileiro, 2º Volume, Teoria Geral das Obrigações. São

Paulo: Editora Saraiva, 1982. 39. DINIZ, Ubiratan. “Plano Diretor em Belém: a luta pelo espaço urbano e por participação popular”. In:

Revista Proposta - Experiências em Educação Popular. Revista Trimestral da FASE, ano 2, no 62. Rio de Janeiro: FASE, 1994, p. 49-50. 40. EGLER, Tâmara Tânia Cohen. “A gestão do lugar e da cidade”. In: Cadernos IPPUR/UFRJ, ano VIII, no 1. Rio de Janeiro: IPPUR/UFRJ, 1994, p. 73-82. 41. ENTERIA, Eduardo Garcia e FERNANDEZ, Tomás Ramon. Curso de Direito Administrativo. São

Paulo: Revista dos Tribunais, 1991. 42. FALCÃO, Joaquim de Arruda. “Justiça Social e Justiça Legal: conflitos de propriedade no Recife”. In:

FALCÃO, J. de A. (org), Conflito de Direito de Propriedade: Invasões Urbanas. Rio de Janeiro: Editora Forense, 1984. 43. FELDMAN, Sarah. “Formas de Controle de Usos/Regulação”. In: SOMEKH, MARINHO e ROLNIK (orgs.), Políticas Públicas para o manejo do solo urbano: experiências e possibilidades. Revista Pólis, no 27. São Paulo: Instituto Pólis, 1996. 4. FELDMAN, Sarah. Planejamento e zoneamento. São Paulo, 1947-1972. Tese de doutoramento apresentada à Faculdade de Arquitetura e Urbanimo da Universidade de São Paulo, São Paulo 1996. 45. FERNANDES, Edésio. (org.). Direito Urbanístico e Política Urbana no Brasil. Belo Horizonte: Del Rey, 2001. 46. FERNANDES, Edésio. (org.). Direito Urbanístico. Belo Horizonte: Del Rey, 1999. 47. FERNANDES, Edésio. ‘Direito Urbano: adequando interesses”, In: Revista do Instituto Jones dos

Santos Neves, 1986. 48. FERNANDES, Edésio. American Planning Association newsletter, no 67. Nova Iorque: Interplan, 2001. 49. FERNANDES, Marlene. “Estatuto da Cidade: uma vida melhor para a população urbana”. In: Revista de Administração Municipal, no 224. Rio de Janeiro: IBAM, 2000. 50. FERRAZ JR., Tercio Sampaio. “O Oficial e o Inoficial”, In: FALCÃO J. de A. (org), Conflito de Direito de Propriedade: Invasões Urbanas. Rio de Janeiro: Editora Forense, 1984. 51. FERREIRA, João Sette Whitaker e FIX, Mariana. “A urbanização e o falso milagre do CEPAC”, In:

Folha de São Paulo, Tendências e Debates, 17 de abril de 2001. 52. FIGUEIREDO, Lúcia Valle. “Disciplina Urbanística da Propriedade”. In: Revista dos Tribunais, São

Paulo, 1980. 53. FIX, Mariana. “Fórmula Mágica da Parceria: Operações Urbanas em São Paulo”. In: Cadernos de

Urbanismo, no 3. Rio de Janeiro, novembro de 2000, p.23-27. 54. FIX, Mariana. Parceiros da Exclusão. São Paulo: Boitempo, 2001.

5. FOLHA DE SÃO PAULO, 25/03/76 - “Um novo solo para a cidade”. In: Coleção Dossiês: Plano Diretor do Município de São Paulo - volume IX. FAUUSP- CESAD, outubro 1991. 56. Fundação Prefeito Faria Lima (CEPAM). O Solo Criado/Carta de Embu. São Paulo, 1977.

FURTADO, Fernanda. “Instrumentos para a Recuperação de Mais-Valias na América Latina: debilidade na implementação, ambigüidade na interpretação”. In: Cadernos IPPUR, Ano XI, no 1 e 2. Rio de Janeiro: IPPUR, 1997, p. 163-206. 57. GONÇALVES, Rita Guimarães Sylvestre. A unidade partida: uma questão para a legislação urbanística paulistana. Dissertação de mestrado apresentada à Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, 1998. 58. GONDIM, Linda (org.). Plano Diretor e o Município: novos tempos, novas práticas. Rio de Janeiro: IBAM, 1990. 59. GRAU, Eros Roberto. A ordem econômica na Constituição de 1988 - Interpretação e Crítica. São

Paulo: Revista dos Tribunai, 1990. 60. GRAU, Eros Roberto. A outorga onerosa do Plano Diretor de São Paulo: ônus e não obrigação.

Parecer elaborado para Secretaria Municipal de Planejamento de São Paulo, São Paulo, 1991. 61. GRAU, Eros Roberto. Direito Urbano. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 1983. 62. GRAZIA, Grazia de (org.). Plano Diretor: Instrumento de Reforma Urbana. Rio de Janeiro: FASE, 1990. 63. GRAZIA, Grazia de. “Reforma Urbana e o Estatuto da Cidade”. In: Gestão Urbana e de Cidades. Belo

Horizonte: Fundação João Pinheiro/Lincoln Institute of Land Policy, 2001. (CD rom) 64. HEREDA, Jorge Fontes et all. “O impacto das AEIS no mercado imobiliário de Diadema”. In ROLNIK,

Raquel & CYMBALISTA, Renato (orgs). Instrumentos urbanísticos contra a exclusão social. Revista Pólis no 29. São Paulo: Instituto Pólis, 1997. 65. IBAM. Projeto plano de avaliação do Programa Favela-Bairro: a vertente do poder público. Rio de

Janeiro: FINEP/SMH-RJ, 1996. 6. IPEA - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada. Gestão do uso do solo e disfunções do crescimento urbano. Avaliação e Recomendações para a Ação Pública, Brasília, 1998. 67. JORGENSEN Júnior, Pedro. “Operações Urbanas: uma ponte necessária entre a regulação urbanística e o investimento direto”. In: Cadernos de Urbanismo no 3. Rio de Janeiro: Secretaria Municipal de Urbanismo, 2000, p. 10-14. 68. LIMA, Alessandra de e CAMPOS, Luiz A. “Vazios urbanos e dinâmica espacial: indicadores de sustentabilidade e instrumentos urbanísticos”. In: Gestão da terra urbana e habitação de interesse social. Campinas: FAU-PUC Campinas - Laboratório do Habitat/Instituto Pólis/Lincoln Institute of Land Policy, 2000. (CD Rom) 69. LIRA, Ricardo Pereira. Elementos de Direito Urbanístico. Rio de Janeiro: Editora Renovar, 1997. 70. LIRA, Ricardo Pereira. O Moderno Direito de Superfície. Tese de mestrado, Faculdade de Direito da

Universidade de São Paulo, São Paulo, 1979. 71. LUBAMBO, Catia W. e GUIMARÃES, Sueli M.P. “O PREZEIS -uma estratégia de ação coletiva para uma conquista social”. In: O impacto social do trabalho das ONGs no Brasil. São Paulo: Associação Brasileira de ONGs (ABONG), 1998. 72. MACHADO, Hugo de Brito Machado. Progressividade do IPTU, In: Repertório IOB de Jurisprudência, no 1.690. São Paulo, agosto de 1990, p. 260. 73. MAGALHÃES, J e SALES, Pedro. “Operação Urbana Faria Lima”, 2000; In: Reavaliação Crítica da

Operação Urbana Faria Lima. São Paulo: SEMPLA, 2001. (mimeo) 74. MARICATO, Ermínia e FERREIRA, João Sette Whitaker. “Operação Urbana Consorciada: diversificação urbanística participativa ou aprofundamento da desigualdade?”. In: Estatuto da Cidade e Reforma Urbana, novas perspectivas para as cidades brasileiras. Porto Alegre: Sergio Fabris Editora, 2002. 75. MARICATO, Ermínia MOREIRA, Tomás e outros. “Preço de desapropriação de terras: limites as políticas públicas nas áreas de interesse social”. In: Anais do Seminário Internacional - Gestão da terra urbana e habitações de interesse social. Campinas: FAU-PUC Campinas - Laboratório do Habitat/Instituto Pólis/Lincoln Institute of Land Policy, 2000. (CD Rom) 76. MARICATO, Ermínia. “Brasil 2000: qual planejamento urbano?”. In: Cadernos IPPUR/UFRJ, ano XI, no 1 e 2. Rio de Janeiro: IPPUR/UFRJ, 1997, p. 113-130. 7. MARICATO, Ermínia. “Exclusão Social e Reforma Urbana”. In: Proposta - Experiências em Educação

Popular, ano 2, no 62. Rio de Janeiro: FASE, 1994, p. 51-56. 78. MARINHO, Geraldo. Uma política inovadora de urbanização de Recife - 10 anos do PREZEIS, Recife:

FASE/ETAPAS/Centro Josué de Castro, 1999. 79. MARTINS, Maria Lúcia Refinetti. Os desafios da gestão municipal democrática - Santos. São Paulo:

Instituto Pólis, 1998. 80. MARTINS, Maria Lúcia Refinetti. Os desafios da gestão municipal democrática - Belém 1997-2000: desenhando a cidade do terceiro milênio. São Paulo: Instituto Pólis, 2000.

81. MEIRELLES, Hely Lopes. “Direito Administrativo Brasileiro”, In: Revista dos Tribunais. São Paulo, 1966 (2ª edição). 82. MEIRELLES, Hely Lopes. “Direito de Construir”, In: Revista dos Tribunais. São Paulo, 1985 (2a edição). 83. MEIRELLES, Hely Lopes. “Direito Municipal Brasileiro”, In: Revista dos Tribunais. São Paulo, 1993. 84. MENDONÇA, Jupira Gomes. Formas de Controle de Densidade e Ocupação. In: SOMEKH,

MARINHO e ROLNIK (orgs.), Políticas Públicas para o manejo do solo urbano: experiências e possibilidades. Revista Pólis, no27. São Paulo: Instituto Pólis, 1996. 85. MORAES, Demóstenes A. de. “Breves apontamentos sobre o PREZEIS: obstáculos e desafios para o aperfeiçoamento de canais de participação”. In: Anais do Seminário Internacional - Gestão da terra urbana e habitações de interesse social. Campinas: FAU-PUC Campinas - Laboratório do Habitat/Instituto Pólis/Lincoln Institute of Land Policy, 2000. (CD Rom) 86. MOREIRA, Antonio C. M. L. Megaprojetos e Ambiente urbano: análise crítica de relatórios de impacto de vizinhança: 1990 - 1996. In: Anais do Seminário Internacional - Gestão da terra urbana e habitações de interesse social. Campinas: FAU-PUC Campinas - Laboratório do Habitat/Instituto Pólis/Lincoln Institute of Land Policy, 2000. (CD Rom) 87. MOREIRA, Mariana. “Direito de Superfície”. In: Estatuto da Cidade. São Paulo: Fundação Prefeito

(Parte 1 de 2)

Comentários