(Parte 4 de 4)

g) Recursos Financeiros

PRODUTOS

QUANTIDADE

VALOR

Folhas A4

02 resma

R$ 28,00

Canetas Esferográficas azul

04 unidades

R$ 4,00

Impressão

06

R$ 200,00

Encadernação

04

R$ 200,00

5 CRONOGRAMA DE ATIVIDADES

ATIVIDADES PROGRAMADAS

2011

2012

abr

mai

jun

jul

ago

set

out

nov

dez

Jan

fev

Escolha do Tema

X

X

Levantamento Bibliográfico

X

X

X

X

X

X

X

X

Fichamento

X

X

X

X

X

X

X

X

Elaboração do Pré-Projeto

X

X

X

X

X

Entrega do Pré Projeto

X

Apresentação do Pré Projeto

X

Apresentação do Seminário

X

Elaboração do Estudo Proposto

X

X

Apresentação do Estudo a Banca Examinadora

X

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

ASSUNÇÃO, T. S.; URSINE, P. G. S. Estudo de fatores associados à adesão ao tratamento não farmacológico em portadores de diabetes mellitus assistidos pelo Programa Saúde da Família, Ventosa, Belo Horizonte. Revista Ciênc. saúde coletiva, v.13,  supl.2, Rio de Janeiro, Dez., 2008. Disponível http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900024&lng=pt Acesso em 05 de fevereiro 2011.

BRASIL.Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Manual de Hipertensão arterial de diabetes. Plano de Reorganização da Atenção à Hipertensão arterial e ao Diabetes Mellitus. Brasília, 2001.

BRASIL. Coordenação de Investigação do Departamento de Atenção Básica da Secretaria de Políticas de Saúde. Informe de Atenção Básica. Brasília (DF): MS; 2001.

BRASIL.Ministério da Saúde, Secretaria de Políticas de Saúde. – Brasília: Ministério da Saúde, 2001b. Disponivel em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/doencas_etnicas.pdf

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Cadernos de Atenção Básica n º 16 – Diabetes Mellitus. Brasília, 2006.

BRASIL. Ministério da Saúde. Estratégia Nacional para educação em saúde para o autocuidado em Diabetes Mellitus. Florianópolis, 2009.

BRASIL. Ministério da Saúde. Dia Mundial do Diabetes. Dados estatísticos no Brasil [internet] 2009. Acesso em: 02/12/2011.< http://portal.saude.gov.br/portal/saude/area.cfm?id_area=1457>

CARDOSO, C. G.; HENNINGTON, É. A.; Trabalho em equipe e reuniões multiprofissionais de saúde: uma construção à espera pelos sujeitos da mudança. Trab. educ. saúde (Online),  Rio de Janeiro,  2011.   Disponível em <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-77462011000400005&lng=pt&nrm=iso>. acessos em  03  dez.  2011.  http://dx.doi.org/10.1590/S1981-77462011000400005.

CEOLIN, J.; DE BIASI, L. S. Conhecimento dos diabéticos a respeito da doença e da realização do autocuidado. Perspectiva, Erechin, v.35, n.129, p. 143-156, março/2011.

FREITAS, M. C. D e SANTANA, M. E. Implementação de estratégias de ensino-aprendizagem à família de paciente crônico. Revista Brasileira de Enfermagem, v.55, n.2, mar./abr, 2002, p.146-150.

GIL, G. P.; HADDAD, M. C. L.; GUARIENTE, M. H. D. M. Conhecimento sobre diabetes mellitus de pacientes atendidos em programa ambulatorial interdisciplinar de um hospital universitário público. Semina Ciências Biológicas e da Saúde, Londrina, v. 29, n.2, p.141-152, jul/dez.2008.

GIMENES, H. T.; ZANETTI, M. L.; HAAS, V. J. Fatores relacionados à adesão do paciente diabético a terapêutico medicamentosa. Revista latino-americana enfermagem, Ribeirão Preto, v.17, n. 1, jan/fev, 2009.

GOLDENBERG, P.; SCHENKMAN, S.; FRANCO, L. J. Prevalência de diabetes mellitus: diferenças de gênero e igualdade entre os sexos.Rev. bras. epidemiol.,  São Paulo,  v. 6,  n. 1, Apr.  2003 .   Available from <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-790X2003000100004&lng=en&nrm=iso>. access on  02  Dec.  2011.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-790X2003000100004.

GOMES, M.A.; PEREIRA, M.L.D. Família em situação de vulnerabilidade social: uma questão de política publicas.; Ciênc. saúde coletiva vol.10 no.2 Rio de Janeiro Apr./June 2005 doi: 10.1590/S1413-81232005000200013 ISSN 1413-8123.

GOMES, R. S. G.; PINHEIRO, R.; GUIZARDI, F. L.. Orquestração do trabalho em saúde: um debate sobre a fragmentação das equipes. In: PINHEIRO, Roseni; MATTOS, Ruben Araujo (Orgs.). Construção social da demanda: direito à saúde, trabalho em equipe, participação e espaços públicos. Rio de Janeiro: Cepesc/Uerj, Abrasco, 2005. p. 105-116.  Disponivel em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_nlinks&ref=000176&pid=S1981-7746201100040000500016&lng=pt acessos em 03 dez. 2011.

GRILLO, M. F. F.; GORINI, M. I. P. C. Caracterização de pessoas com diabetes mellitus 2. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, v.60, n.1, p. 49-54, jan/fev, 2007.

GROSSI, S. A. A.; PASCAL, P. M. Cuidados de enfermagem em pacientes diabéticos. Manual de Enfermagem. Departamento de Enfermagem Sociedade Brasileira de Diabetes. São Paulo, 2009. Disponível em < http:// http://www.diabetes.org.br/attachments/1118_1324_manual_enfermagem.pdf>. Acesso em 02/04/20010.

LASERI, D. D.; SOUZA, P. R. Atenção farmacêutica e o tratamento de diabetes mellitus. Revista Brasileira de Ciências da Saúde, ano III, n.14, out/dez, 2007.

MARASCHIN, J. F.; MURUSSI, N. ; WITTER, V.; SILVERIO, S. P. Classificação do Diabete Melito. Arq. Bras. Cardiol 2010, v.95, n 2, p.e 40-e47.

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Plano de reorganização da atenção à hipertensão arterial e ao diabetes mellitus. Brasília (DF): Secretaria de Políticas de Saúde; 2001c.

MIRANZI, S. S. C. Qualidade de vida de indivíduos com diabetes mellitus e hipertensão acompanhados por uma equipe de saúde da família. Texto contexto - enferm.,  Florianópolis,  v. 17,  n. 4, dez.  2008 .   Disponível em <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-07072008000400007&lng=pt&nrm=iso>. acessos em  23  nov.  2011.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-07072008000400007.

MOREIRA,R.O.; PAPELBAUM, M.; APPOLINÁRIO, J.C.; MATTOS, A.G.; COUTINHO,W.F.; MEIRELLES, R.M.R.; ELLINGER,V.C.M.; ZAGURY, L. Diabetes mellitus e depressão: uma revisão sistemática. Arquivos Brasileiros de Endocrinologia e Metabologia, São Paulo, vol.47, n.1, fev.2003.

NETO, R. C. M. Vivendo com Diabetes Mellitus: a experiência de sujeitos atendidos em uma unidade pública de Saúde do Rio de Janeiro. Dissertação (Mestrado) em ciências na área de Saúde Pública, RJ 2003.

PACE, A.E.; NUNES,P.D.;OCHOA-VIGO, K. O conhecimento dos familiares acerca da problemática do portador de diabetes mellitus. Revista Latino-Americana de Enfermagem, Ribeirão Preto, vol.11, n.3, maio./jun.2003.

PERES, D.S.; SANTOS, M. A.; ZANETTI, M. L.; FERRONATO, A.A. Dificuldade dos pacientes diabéticos para o controle da doença: sentimentos e comportamentos. Revista Latino-Americana de Enfermagem, Ribeirão Preto, v.15, n.06, nov./dez. 2007. Disponível em http://www.scielo.br/pdf/rlae/v15n6/pt_07.pdf. Acesso em 11 de março 2010.

PERES, D.S.; FRANCO, L. J.; SANTOS, M. A.Sentimentos de mulheres após o diagnóstico de diabetes tipo 2. Rev. Latino-Americana de Enfermagem, Ribeirão Preto, v.16, n.01, jan/fev.2008. Disponível em http://www.scielo.br/pdf/rlae/v16n1/pt_15.pdf . Acesso em 22 de janeiro 2011.

PIERIN, A.M.G.; STRELEC, M.A.A.M.; MION D.J. O desafio do controle da hipertensão arterial e a adesão ao tratamento. In: PIERIN, A.M.G. Hipertensão arterial: uma proposta para o cuidar. São Paulo: Manole; 2004. p. 275-89.

PONTIERI, F. M. e BACHION, M. M. Crenças de pacientes diabéticos acerca da terapia nutricional e sua influência na adesão ao tratamento. Revista de Ciências & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v.15, n.01, Jan. 2010. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232010000100021. Acesso em 22 de janeiro 2011.

ROSSI, V.E.C. Suporte social familiar no cuidado de pessoas adultas com diabetes mellitus tipo 2. Tese (Doutorado)-Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo. Ribeirão Preto, 2005.146p.

SANTOS, I.C.R.V.; CARVALHO, E. F.; SOUZA, W. V.; MEDEIROS, M. C. W. C.; NOBREGA, M. G. L.; LIMA, P.M.S. Complicações Crônicas do Diabetes tipo 2 atendidos nas unidades de saúde da família, Recife, Pernambuco, Brasil. Rev. Bras. Saúde mater. Infantil, Recife, v. 8, n. 4, p 427-433, out/dez, 2008.

SANTOS, M.A.; ALVES, R.C.P.; OLIVEIRA, V.A.; RIBAS, C.R.P.; TEIXEIRA, C.R.S.; ZANETTI, M.L. Representações sociais de pessoas com diabetes acerca do apoio familiar percebido em relação ao tratamento. Revista da Escola de Enfermagem da USP, São Paulo, vol.45, n.3, jun.2011.

SMELTZER, S.C.; BARE, B.G. Histórico e tratamento de pacientes com diabetes mellitus. BRUNNER & SUDDARTH: Tratado de enfermagem médico-cirúrgica. 9.ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2002.cap.37, p.934-983.

SOCIEDADE BRASILEIRA DE DIABETES. Diretrizes da Sociedade Brasileira de Diabetes. Tratamento e acompanhamento do Diabetes mellitus. São Paulo, 2006. Disponível em http://www.diabetes.org.br/educacao/docs/Diretrizes_SBD_2007.pdf. Acesso em 02/04/2010.

TAVARES, Celina Maria Araujo; MATOS, Eliane; GONCALVES, Leônor. Grupo multiprofissional de atendimento ao diabético: uma perspectiva de atenção interdisciplinar à saúde. Texto contexto - enferm.,  Florianópolis,  v. 14,  n. 2, jun.  2005 .   Disponível em<http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-07072005000200008&lng=pt&nrm=iso>. acessos em  03  dez.  2011.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-07072005000200008.

VILLAS BOAS, L.C.G.; FOSS, M.C.; FOSS-FREITAS, M.C., TORRES, H.C.; MONTEIRO, L.Z.; PACE, A.E. Adesão à dieta e ao exercício físico das pessoas com diabetes mellitus. Texto e Contexto-Enfermagem, Florianópolis, v.20, n.2, abr./jun.2011.

WELFER, M.; LEITE, M. T. Ser portador de diabetes tipo 2 cuidando-se para continuar vivendo. Scientia medica, Porto Alegre, PUCRS, v.15, n.3, jul/set, 2005.

ZANETTI, M.L.; BIAGG, M.V.; SANTOS, M.A.; PERES, D.S.; TEIXEIRA, C.R.S. O cuidado à pessoa diabética e as repercussões na família. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, vol.61, n.2, mar./abr.2008.

(Parte 4 de 4)

Comentários