Manual do usuario ANM 2008 MF Central de alarme nao monitorada com 8 zonas 4 mistas e 4 sem fio

Manual do usuario ANM 2008 MF Central de alarme nao monitorada com 8 zonas 4...

(Parte 1 de 5)

Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras.

A central de alarme ANM 2004/2008 MF é compacta e de fácil programação, possui 6 memórias para telefones, função de pânico, zona 24 horas, proteção contra curto circuito ou inversão de polaridade, memória EEPROM e etc. Pode ser conectada a vários tipos de sensores como, sensor de abertura e infravermelho, etc.

Central de alarme ANM 2004 MF / ANM 2008 MF

Características5
Instalação6
Antena7
Bateria (cabo de fio paralelo bicolor)8
Ligação da alimentação AC (rede elétrica)8
Terra9
Auxiliar: saída de 14,5 VCC9
Sirene10
Zonas10
Linha e Fone10
PGM1
Acessórios12
Operação15
Descrição dos LEDs de indicação do teclado15
Ativação/desativação da central de alarme15
Programação16
Entrar no modo de programação17
Comandos de telefonia18
Senhas2
Bypass24
Função pânico25
Controle remoto26
Sensores sem fio27
PGM sem fio (apenas ANM 2008 MF)29
Reset dos dispositivos sem fio30
Configurações de zona30
Cancelamento automático de zonas35
Saída PGM (apenas ANM 2008 MF)36
Teste de sensores41
Teste da bateria de sensores sem fio42
Ativação/desativação de funções42
Exibição de problemas46
Modos de exibição de zonas48
Acesso remoto via telefone49
Reset do sistema50
Reset temporário da senha master51
no barramento51

Índice Limpeza da indicação de bateria fraca e problemas Referência Rápida de Programação52

Identificação do Produto56

Características

A central de alarme ANM 2004/2008 MF é microprocessada, com as seguintes características:

Receptor de controle remoto e sensores sem fio integrado

Aceita até 48 dispositivos sem fio

Controle remoto

1 senha master + 8 secundárias

1 saída programável (PGM) (somente ANM 2008 MF)

Acesso remoto via telefone

Monitoramento de bateria de sensores sem fio

6 (seis) memórias para números de telefone com até 20 dígitos

Zona 24 horas programável

Carregador de bateria (12 V) inteligente com proteção contra curto-circuito ou inversão de polaridade

Temporização programável para entrada e/ou saída independente

Função de teste de sensores Fonte chaveada (90 a 265 V)

Sensor de corte de sirene

Sensor de corte de linha telefônica (somente ANM 2008 MF)

Barramento de comunicação para instalação de acessório (XAT 2000 e XAR 2000)

O programa fica armazenado em memória EEPROM, que não se apaga mesmo com falta total de energia (rede elétrica e bateria), garantindo, assim, a segurança do código de acesso e dos parâmetros programados.

Também ficam armazenados na memória EEPROM, todas as condições de setup da central. Se seu sistema de alarme não possuir bateria ou a bateria estiver descarregada e se o fornecimento de energia elétrica for interrompido, assim que o fornecimento se restabelecer, a central assumirá a mesma condição anterior.

Instalação

Após abrir a caixa da central, é possível visualizar um cabo para conexão da bateria, os bornes de conexão, conexão da sirene, alimentação auxiliar para periféricos (infravermelho, cerca elétrica, etc.), saída programável (PGM) (somente ANM 2008 MF), sensores e telefone.

A ANM 2004 MF possui duas zonas mistas e duas zonas sem fio. A ANM 2008 MF possui quatro zonas mistas e quatro zonas sem fio. Veja as figuras a seguir.

ANM 2004 MF ANM 2008 MF

Atenção:

Ligue o resistor de 2K2 Ω (fornecido solto) em paralelo com o fio da sirene para evitar que a sirene faça barulho enquanto estiver desligada.

Este barulho é gerado pelo circuito de detecção de corte ou curto-circuito do fio da sirene e não gera nenhum dano ao equipamento.

O resistor deve ser ligado junto da sirene conforme a figura a seguir.

Para que a central de alarme reconheça o corte ou curto-circuito do fio da sirene é necessário ativar esta função no modo de programação.

Antena

Insira a antena na caixa conforme a figura a seguir.

Ligação da alimentação AC (rede elétrica)

Fonte ANM 2004 MF Fonte ANM 2008 MF

Bateria (cabo de fio paralelo bicolor)

Esta saída é utilizada para ligar a bateria do sistema de alarme. Durante o funcionamento normal, esta saída é um carregador para a bateria. Na falta de energia na rede elétrica, a bateria fornecerá energia ao sistema.

Para conectar a bateria na caixa da central, ligue o fio preto no pólo negativo da bateria e o fio vermelho no pólo positivo.

Se o cabo de bateria for ligado invertido, não se preocupe, pois a central possui proteção contra inversão de polaridade. Retire o cabo e conecte-o na posição correta.

Atenção: ao instalar a central ANM 2004 MF, é indispensável o uso de bateria 12 V. Caso contrário, a sirene não tocará corretamente e emitirá bipes intercalados indicando a ausência de bateria ou nível baixo.

Alimentação

Terra

Alimentação

Terra

Terra

No fundo da caixa, há uma placa com um borne de dois terminais (ver figura anterior) para conectar a central à rede elétrica e outro borne para conectála ao aterramento. Tensão operacional: 90 - 265 V.

Nesta placa, também se localiza um fusível de proteção da central. Caso necessite trocá-lo, faça a troca por outro de mesmo valor (500 mA).

Terra

Terminal terraTerminal terra
ANM 2004 MFANM 2008 MF

Conecte o respectivo terminal ao “terra” de sua instalação elétrica.

Caso a sua instalação elétrica não possua aterramento, instale uma barra de aterramento e conecte o terminal a ela.

Atenção: é muito importante que se faça esta conexão para que sua central tenha uma maior proteção contra raios e sobrecarga pela rede elétrica e/ou linha telefônica. Caso você não faça esta conexão, a central funcionará normalmente, mas ficará desprotegida contra estas sobrecargas. A garantia não cobre possíveis danos provocados por raios.

Auxiliar: saída de 14,5 VCC

Esta saída é utilizada para alimentar acessórios como, interface para cerca elétrica, sensores de infravermelho, etc.

Atenção: ao ligar, observe a polaridade (+/-).

Corrente máxima

Obs.: A saída auxiliar da ANM 2004 MF suporta uma corrente máxima de 350 mA. Para tal, é necessário trocar a fonte para o modelo 4980272 - Placa fonte ANM/AMT 2000 - 14,5 / 1,2 A.

AcessórioCorrente máxima

IVP 2000 CF5 mA ELC 2001 UN180 mA IVA 10 e IVA 1060120 mA XAT 200040 mA XAR 200010 mA

Sirene

Esta saída é utilizada para ligar a sirene do sistema de alarme. Podem ser ligadas uma ou mais sirenes, desde que a corrente total seja:

sem bateria: 200 mA.

com bateria: 1 A. Atenção: ao ligar, observe a polaridade (+/-).

Zonas

Estes bornes estão divididos em grupos de três terminais, sendo o do meio comum e os dos lados entradas para zonas. Por exemplo, para ligar um sensor na zona 1 ligue um dos fios no terminal COM e o outro no terminal Z1.

Linha e Fone

O borne LINHA é a entrada da linha telefônica, ligue aqui os dois fios da linha telefônica pública.

O borne FONE é a saída da linha telefônica, ligue nele os fios que vão para os aparelhos telefônicos instalados no local.

Obs.: Disponível somente na central de alarme ANM 2008 MF.

A saída programável PGM pode ser acionada por diversos eventos como, por exemplo, ativação/ desativação da central de alarme, disparo, corte da linha telefônica, etc. Para conhecer todas as possibilidades, veja o item Saída PGM.

Esta saída funciona como um contato normalmente aberto e é acionado quando ocorrer o evento programado, podendo trabalhar nos seguintes modos:

Liga/desliga: quando o evento ocorrer, a PGM será ligada e só será desligada quando o evento cessar. Por exemplo, a PGM é acionada quando ocorrer um disparo e só é desligada quando o disparo cessar.

Pulsado: quando ocorrer o evento programado, a PGM ficará ligada por tempo programável de 1 a 8 segundos e depois será desligada, independente do evento ter cessado ou não.

A saída PGM tem capacidade de fornecer no máximo 50 mA a 13 VCC, sendo que o negativo (-) do equipamento que vai ser acionado, deve ser ligado na saída PGM e o positivo no (+) da saída AUXILIAR. Se for utilizar um equipamento que necessite de maior corrente ou tensão, é necessário o uso de um relé.

As figuras seguintes mostram algumas possibilidades de ligação.

Figura A: ligação de um dispositivo que funcione em 12 V e consuma no máximo 50 mA como por exemplo um buzzer ou um LED (para ligar um LED

Relé de 12 V, 10 A

Fonte de energia

Dispositivo que vai ser acionado

Terminal comum

é necessário colocar um resistor de 1 kΩ em série para limitar a corrente).

Figura B: ligação com um relé de 12 V, 10 A para dispositivos que precisem de tensão maior que 13 V ou corrente maior que 50 mA. Esse tipo de relé possui um terminal Normalmente Aberto (NA) e outro Normalmente Fechado (NF) para serem utilizados de acordo com a necessidade da instalação.

Fonte de energia: rede elétrica 110 V ou 220 V e bateria do sistema.

Acessórios

A central de alarme suporta vários acessórios Intelbras, por exemplo:

Cerca elétrica ELC 2001 UN e 2002 DM;

Sensores infravermelho passivo IVP 2000 CF e IVP 2000 PET;

Sensores infravermelho passivo sem fio IVP 2000 SF;

Sensor de abertura (magnético) sem fio XAS 2000 SF;

Teclado de LED XAT 2000;

Receptor de barramento XAR 2000.

Barramento

Este borne é o barramento digital utilizado para controlar os teclados e receptores de dispositivos sem fio.

Teclado XAT 2000 (opcional)

Nos teclados, existem quatro jumpers nomeados TEC.1, TEC.2, TEC.3, TEC.4.Todos saem de fábrica com o jumper na posição TEC.1. Se for utilizar mais de um teclado, o segundo teclado deve ficar com o jumper na posição TEC.2. A ligação deve ser feita com cabo 4X26 AWG ou superior, com comprimento máximo de 100 m e resistência total de até 10 Ω. Este dispositivo é ligado em paralelo com a fiação do receptor, ou seja, ligue o terminal T1 do teclado no terminal T1 da central e o T2 do teclado no T2 da central. A alimentação é ligada na saída auxiliar da central.

Atenção: a ANM 2008 MF aceita até dois teclados adicionais e a ANM 2004 MF aceita apenas um teclado adicional.

Obs.: Se o fio de comunicação do teclado for cortado ou a chave tamper for aberta, a sirene irá disparar caso a função Falhas geram disparo estiver habilitada ou a central estiver ativada.

Zonas do teclado

Cada teclado adicional acrescenta duas zonas com fio no sistema, seguindo a ordem descrita a seguir:

ANM 2004 MFBorne Z1Borne Z2 Teclado 1Zona 03Zona 04

ANM 2008 MFBorne Z1Borne Z2 Teclado 1Zona 05Zona 06 Teclado 2Zona 07Zona 08

Receptor XAR 2000 (opcional)

A figura anterior mostra o receptor XAR 2000 (opcional). Quando instalado, a central de alarme aumenta o raio de cobertura para dispositivos RF. Use-o quando houver a necessidade de instalação de sensores sem fio ou controles remoto em longas distâncias cujo alcance na central fique comprometido. A ligação deve ser feita com cabo 4X26 AWG ou superior, com comprimento máximo de 100 m e resistência total de até 10 Ω. Este dispositivo é ligado em paralelo com a fiação do teclado, ou seja, ligue o terminal T1 do receptor no terminal T1 da central e o T2 do receptor no T2 da central. A alimentação é ligada na saída auxiliar da central.

Há quatro jumpers nos receptores: REC.1, REC.2, REC.3, REC.4. Todos saem de fabrica com o jumper na posição REC.1. Se for utilizar mais de um receptor, o segundo receptor deve ficar com o jumper na posição REC.2.

Obs.: Se a função Falhas geram disparo estiver habilitada ou a central estiver ativada, em caso de corte no fio de comunicação do receptor, a sirene irá disparar.

Configurações possíveis

ANM 2004 MF 1 teclado XAT 2000 + 2 receptores XAR 2000.

ANM 2008 MF 2 teclados XAT 2000 + 2 receptores XAR 2000.

Operação

Terminada a instalação e fiação, ligue a central e feche a caixa, primeiro na rede elétrica e depois na bateria.

Descrição dos LEDs de indicação do teclado

Após ligada, a condição dos LEDs deverá ser a seguinte:

ATIVADA: deverá estar apagado. Este LED acende quando a central for ativada.

PROG: deverá estar apagado. Ele acende quando se aciona a tecla Prog ou está no modo de entrada de parâmetros. Permanece apagado quando está no modo de programação e pisca indicando problemas, ver item Exibição de problemas.

BATERIA: permanece aceso, exceto quando a bateria está desconectada ou descarregada com uma tensão inferior a 12 V. Nesse caso, a central de alarme carregará a bateria até a tensão de 13,8 V (somente ANM 2008 MF possui este LED).

Atenção: se após ligar a bateria o LED estiver apagado, verifique se a bateria não está com a ligação invertida.

REDE ELÉTRICA: este LED indica a condição da rede elétrica. Na falta de energia, ele se apagará. Caso o fornecimento de energia elétrica esteja normal e este LED estiver apagado, o fusível da rede ou a fonte AC da central podem estar queimados, neste caso, substitua o fusível por outro de mesmo valor (500 mA). Se o problema continuar procure a assistência técnica.

Ativação/desativação da central de alarme

A central de alarme pode ser ativada ou desativada de diferentes maneiras, dependendo das configurações. Em caso de ativação pelo teclado, é necessário programar a temporização de saída, deste modo, haverá um tempo programado para sair da área protegida sem que a central dispare.

Padrão de fábrica: 30 segundos.

Obs.: Em caso de erro na digitação da senha, pressione a tecla Apagar uma vez para limpar o que foi digitado e insira a senha novamente.

Desativação do sistema

As zonas pelas quais o usuário precisa passar até chegar ao teclado devem ser programadas para que o alarme não dispare no momento em que a zona se abrir. A área deve ser programada como zona temporizada para entrada, desta forma, ao abrir uma dessas zonas, a contagem do tempo de entrada será iniciada e uma senha válida deverá ser digitada no teclado antes que a temporização termine. Caso contrário, o alarme irá disparar. Após digitar a senha, o LED ATIVADA se apagará para indicar que o sistema foi desativado.

Controle remoto

Para ativar/desativar a central, pressione o botão do controle remoto previamente programado. Quando a central for ativada, a sirene emitirá apenas 1 bip, quando a central for desativada, a sirene emitirá 2 bipes. Caso algum problema tenha sido detectado, a sirene emitirá 4 bipes curtos na ativação e 2 bipes curtos na desativação.

Programação

A central de alarme possui diversos parâmetros programáveis, o que a torna versátil, permitindo assim otimizar o seu funcionamento para cada necessidade.

Estas configurações são armazenadas em uma memória interna especial, que mantém estas informações mesmo quando a central for desligada da rede elétrica e a bateria for removida, evitando assim a necessidade de reprogramação freqüente.

Para programar estes parâmetros, é necessário o uso de uma senha especial, denominada senha master. Essa senha sai programada da fábrica como 1234.

Recomendamos que ela seja modificada durante a instalação para aumentar a segurança do sistema, pois este recurso impedirá que pessoas não autorizadas possam alterar as configurações da central de alarme. Ver item Alteração da senha master.

Obs.:

Para sua segurança, não revele a senha master a terceiros;

Se a senha master for esquecida, siga o procedimento de Reset do sistema, pois, sem esta senha, é impossível acessar o modo de programação da central.

Além da configuração do funcionamento da central, o modo de programação permite ao usuário realizar o teste de funcionamento dos sensores e dos números telefônicos programados.

Entrar no modo de programação

Para modificar qualquer parâmetro de funcionamento da central, é necessário entrar no modo de programação. Para isto, digite a seqüência abaixo:

1. Ao pressionar a tecla Prog, o LED PROG deverá acender, indicando que a central aguarda a entrada da senha master;

Prog+ SENHA MASTER

2. Após digitar a senha master, o LED ATIVADA começará a piscar, indicando que a central entrou em modo de programação. No teclado XAT 2000 os LEDs Ambiente A e Ambiente B ficarão piscando.

Atenção: a seguir, veja a seqüência completa de teclas para programar cada parâmetro. Esta seqüência é válida quando a central está em modo de programação, portanto, após entrar neste modo de operação, pode-se executar uma quantidade indefinida de seqüências de programação.

Se nenhuma seqüência de programação for digitada durante três minutos, a central retornará ao seu modo de operação normal.

Para anular a digitação de um comando antes de finalizá-lo, pressione a tecla apagar e comece a digitação novamente, desde o início da seqüência indicada no manual.

(Parte 1 de 5)

Comentários