Sociologia - Trabalho Durkheim

Sociologia - Trabalho Durkheim

Sociologia

O trabalho para Émile Durkheim

Da Divisão do Trabalho Social

  • É um livro escrito por  Émile Durkheim que analisa as funções sociais do trabalho na sociedade, e procura mostrar como na modernidade tal divisão é a principal fonte de coesão social.

  • A divisão do trabalho produz a solidariedade, não apenas por fazer de cada indivíduo um trocador, como dizem os economistas, mas por criar entre os homens um sistema completo de direitos e deveres que os unem uns aos outros.

  • Durkheim nos apresenta dois tipos de solidariedade:

  • Solidariedade mecânica

  • Solidariedade orgânica.

Solidariedade Mecânica

  • solidariedade mecânica prevalece naquelas sociedades ditas "primitivas". Sociedades de solidariedade mecânica tendem a ser relativamente pequenas e organizadas pelo tronco de parentesco (matriarcal ou patriarcal). As relações sociais são reguladas pelo sistema de crença comum, o que foi denominada por Durkheim como consciência comum (ou coletiva). Como resultado, a regulamentação se dá por punições. As violações das normas sociais são tomadas como uma ameaça direta a identidade coletiva, e consequentemente, as razões a estas desobediências se baseiam num castigo.

A transição entre as solidariedades

  • Conforme a sociedade aumenta, o mesmo ocorre com a divisão do trabalho. A organização do trabalho se torna necessária nas grandes sociedades para se produzir a vida material. Isso ocorre porque o indivíduo se especializa e passa a ser mais importante individualmente.

  • Durkheim diz que a complexidade não causa a desintegração, mas sim uma solidariedade baseada na interdependência. Uma vez que as pessoas não possuem tudo que necessitam, elas procuram interagir.

Solidariedade Orgânica

  • De modo distinto, existe a solidariedade orgânica que é a do tipo que predomina nas sociedades ditas "modernas" ou "complexas“ .Além de não compartilharem dos mesmos valores e crenças sociais, os interesses individuais são bastante distintos e a consciência de cada indivíduo é mais acentuada.  Durkheim: As sociedades complexas são como grandes organismos vivos, onde os órgãos são diferentes entre si (que neste caso corresponde à divisão do trabalho), mas todos dependem um do outro para o bom funcionamento do ser vivo. A crescente divisão social do trabalho faz aumentar também o grau de interdependência entre os indivíduos. 

Comentários