O que é um elemento Quimico

O que é um elemento Quimico

Como identificar um Elemento Químico? Prática como componente curricular

Docente: Mariuce

Discente: Isadora Carolina Vila

Curso: Quimíca Licenciatura

Turma: 2011/2

ELEMENTO QUÍMICO

  • Denomina-se elemento químico todos os átomos que possuem o mesmo número de prótons em seu núcleo, ou seja, o mesmo número atômico (Z). O termo elemento químico pode se referir também a uma substância química pura composta por átomos com o mesmo número de prótons em seu núcleo. Este último conceito algumas vezes é chamado de substância elementar, diferindo da primeira definição, mas muitas vezes, o conceito de elemento químico é usado em ambos os casos.

  • Ex.: Oxigênio é o elemento químico constituído por todos os átomos que possuem número atômico 8, ou seja, com 8 prótons.

  • Cálcio é o elemento químico constituído por todos os átomos que possuem número atômico 20, ou seja, com 20 prótons.

  • Dessa forma, o número atômico é característica de cada elemento químico, sendo como seu número de identificação.

Tipos de Elementos

  • Elementos naturais

      • São os elementos químicos encontrados na natureza. São conhecidos 91 elementos naturais, sendo o de maior número atômico o urânio (Z = 92). O tecnécio, número atômico 43, também é artificial.
  • Elementos sintéticos

      • São os elementos cujos átomos são produzidos artificialmente.
      • Os elementos com número atômico superior ao do urânio (Z > 92) são todos artificiais (elementos transurânicos). (radioatividade)

Ocorrência

  • Alguns elementos químicos como ouro, platina, cobre, gases nobres e outros, existem em estado natural. Entretanto, a maioria ocorre combinado com outros elementos constituindo os compostos químicos como, por exemplo, hidrogênio e oxigênio constituindo a água..

Simbologia

  • Cada elemento químico, natural ou sintetizado, é representado por um símbolo que o identifica graficamente.

  • Desde o tempo dos alquimistas os elementos químicos conhecidos já eram representados por símbolos. Por exemplo: o ouro era identificado pelo símbolo do Sol e a Prata pelo símbolo da Lua.

  • Atualmente adota-se o método de J. J. Berzelius sugerido em 1811.

  • Os símbolos são adotados internacionalmente. Qualquer que seja a língua ou alfabeto o símbolo é o mesmo.

  • O símbolo é a letra inicial, maiúscula, do seu nome latino seguida, quando necessário, de uma segunda letra minúscula do seu nome.

A primeira descoberta científica de um elemento químico

  • A primeira descoberta científica de um elemento químico ocorreu em Hamburgo, em 1669, quando o alemão Henning Brand, militar e químico apelidado de o Último dos Alquimistas - devido a sua constante busca pela Pedra Filosofal, que supostamente transformaria metal em ouro -, descobriu o elemento fósforo.

  • Brand encheu 50 baldes com urina e os deixou putrificar e criar vermes, então ferveu o material até adquirir uma pasta branca que foi aquecida com areia e, finalmente, destilada.

  • O elemento foi chamado pelo cientista de fósforo (Phosphorus, o "portador da luz") devido a sua propriedade de brilhar no escuro.

Primeiro Elemento Químico Descoberto

Observação:

  • O elemento químico mais abundante na Terra é o oxigênio, que compõe cerca de 49,5% da massa da crosta terrestre, da água e da atmosfera terrestre.

  • O elemento que fica em segundo lugar é o silício. O dióxido de silício e os silicatos fazem parte de cerca de 87% dos compostos que existem na crosta terrestre.

Referências Bibliográficas:

  • Barros, Carlos e Paulino, Wilson Roberto. Ciências: Física e Química – 1a Edição. São Paulo:

Editora Atica, 2003.

  • Mortimer, Eduardo Fleury e Machado, Andrea Horta. Química para o Ensino Médio – 1a

Edicao. Sao Paulo: Editora Scipione, 2002.

Comentários