Origem, inserção e ação de alguns músculos

Origem, inserção e ação de alguns músculos

IFCE Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Ceará – Campus Crato Zootecnia 1° semestre Disciplina: Anatomia Animal I Aluna: Bruna Dantas Nogueira

Músculos do membro torácico do animal

  • TRAPÉZIO Origem: espinha da escápula. Inserção : ao longo da linha média dorsal da cabeça às vértebras lombares. Ação: a parte que se origina cranial à escápula ajuda a balançar a escápula para frente; aquela que se insere atrás a puxa para trás. O músculo trapézio ajuda na fixação da escápula no corpo.

  • ROMBÓIDE Origem: linha média dorsal cranial e caudal à escápula. Inserção: face profunda (medial) da extremidade dorsal da escápula. Ação: Adução e rotação inferior da escápula.

  • BRAQUICEFÁLICO Origem: osso occipital do crânio e nos processos transversos das vértebras cervicais. Inserção: face lateral da parte proximal do úmero proximal à tuberosidade deltóide. Ação: eleva e avança o ombro. O músculo braquicefálico também é o principal extensor do ombro e age como flexor lateral do pescoço quando o membro está suportando peso.

  • DELTÓIDE Origem: espinha da escápula. Inserção: tuberosidade deltóide do úmero. Ação: abdutor e flexor da articulação do ombro.

  • SUPRA-ESPINHAL Origem: fossa supra-espinal da escápula cranial à espinha. Inserção: tubérculo maior (maior e menor no equino) do úmero. Ação: pode auxiliar na extensão do ombro, mas age principalmente como ligamento da articulação do ombro.

  • INFRA-ESPINHAL Origem: fossa infra-espinal caudal e ventral à espinha da escápula. Inserção: dentro da parte caudal do tubérculo maior do úmero. Ação: age como ligamento colateral forte da articulação do ombro e pode abduzir, flexionar e rodar externamente o ombro.

Comentários