Relatorio de Quimica Organica

Relatorio de Quimica Organica

FACULDADE MARIA MILZA

BACHARELADO EM FARMÁCIA

CAROLINA ARAÚJO

DAIANE ARAÚJO

DAIANE PITANGA

GILBERTO

JANINNE NERI

JECSAN SANTOS

LUCINÉA BARRETO

VIVICA CAROLINE

RELATÓRIO DA AULA PRÁTICA SOBRE REAÇÕES DE OXIDAÇÃO EM MATERIAIS ORGÂNICOS.

CRUZ DAS ALMAS

2011

FACULDADE MARIA MILZA

BACHARELADO EM FARMÁCIA

CAROLINA ARAÚJO

DAIANE ARAÚJO

DAIANE PITANGA

GILBERTO

JANINNE NERI

JECSAN SANTOS

LUCINÉA BARRETO

VIVICA CAROLINE

Relatório da aula prática sobre reações de oxidação em materiais orgânicos realizada sob a orientação do professor Carlos Vidal como parte

avaliativa da matéria de Química Orgânica 2.

CRUZ DAS ALMAS

2011

INTRODUÇÃO

Oxidação é o processo químico em que uma substância perde elétrons, partículas elementares de sinal elétrico negativo. Estado de oxidação ou Número de Oxidação (nox) indica o número de elétrons que um átomo ou íon perde ou ganha para adquirir estabilidade química. Quando o átomo ou o íon perde elétrons, seu nox aumenta, quando ganha elétrons, seu nox diminui.

A INTRODUÇÃO ESTÁ INCOMPLETA! DAIANE QUE FICOU DE TERMINAR!!!

OBJETIVO

Esta aula prática teve como finalidade identificar e estudar algumas das reações de oxidação em materiais orgânicos.

MATERIAIS

  • Cenoura

  • 1 faca

  • 2 espátulas

  • 6 béqueres

  • 1 liquidificador

  • Peneira fina

  • Formol (2,5ml)

  • Balão volumétrico (100ml)

  • Óleo de soja (30ml)

  • Álcool (2,5ml)

  • KMnO4(100mg)

PROCEDIMENTOS

1º Foi colocado no béquer o KMnO4 e acrescentado 20ml de água. Agitou forte até que todo o material sólido fosse dissolvido. Esta é a solução 1 que foi guardada em um balão volumétrico.

2ª Foi cortada uma cenoura em pedaços pequenos e triturada no liquidificador, com 250 ml de água. Passou pela peneira e colocou em um béquer e agitando foi acrescentado 2,5 ml da solução 1. Agitamos e durante 15 minutos observamos atentamente a cor da solução resultante. Depois de 15 minutos colocamos os outros 20 ml da solução de cenoura 2,5 ml da solução 1 em outro béquer.

3º Foi colocado 30 ml de óleo de soja e 2,5 ml da solução 1 em outro béquer. Comparar as cores das soluções á medida que o tempo passa.

4º Foi colocado 2,5 ml de álcool em um béquer. Agitando adicionando 2,5 ml da solução1. Durante 5 minutos observou-se a mistura.

5º Colocou-se 2,5 ml de formol em um béquer. Agitando adicionamos 2,5 ml da solução1 e durante 5 minutos foi observada a mistura.

RESULTADOS E DISCUSSÕES

  • Na solução 1 observamos que após algum tempo a sua coloração foi se aproximando a uma tendência voltada pro violeta.

  • Já na solução 2, no início houve um escurecimento da solução, mas ao decorrer do tempo foi clareando, chegando a uma coloração marrom clara.

  • Na solução 3, provavelmente, pela presença do óleo ocorreu uma pequena sedimentação, e a coloração estava voltada para o vinho além de apresentar pequenos fragmentos.

  • A solução 4 apresentou coloração voltada para o violeta.

  • No início da solução 5 visualizamos uma coloração vinho, após a mistura completa das soluções a coloração mudou para esverdeado.

ESSA PARTE VCS TEM QUE FAZER CONFORME AS REAÇÕES DE VCS!!! POIS NÃO DERAM IGUAIS AS NOSSAS!

CONCLUSÃO

FICOU PRA DAIANE FAZER!!!

ANEXOS

REFERÊNCIAS

Mc MURRAY, Jhon. Química Orgânica. 6ª Ed. São Paulo: Thomson, 2005.

Comentários