Indústria da construção civil-introdução (3)

Indústria da construção civil-introdução (3)

(Parte 1 de 3)

Disciplina:Construção Civil IUniversidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Industria da Construção Civil1Prof. Rogerio Lemos

Indústria da Construção Civil

A Construção Civil como Negócio “CONSTRUBUSINESS”

Disciplina:Construção Civil IUniversidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Industria da Construção Civil2Prof. Rogerio Lemos

1 -Visão Geral

2 -Desempenho , resultados, investimento e o consumo da construção

•Desempenho e resultados •O investimentos na Industria da Construção

•O Consumo de materiais na Industria da Construção

3 -Emprego e salário da construção

Disciplina:Construção Civil IUniversidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Industria da Construção Civil3Prof. Rogerio Lemos

4 -Obras e Serviços da Construção

5 -Subsetores da Industria da Construção

•Materiais de Construção • Edificações

•Construção Pesada / Infra-estrutura

6 -Linhas de Ação para o Desenvolvimento da Construção Civil

Disciplina:Construção Civil IUniversidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Industria da Construção Civil4Prof. Rogerio Lemos

A Industria da Construção Civil é o setor que abrange desde o segmento de

Materiais de Construção,

Construção propriamente dita de Edificações

Construções Pesadas,

Serviços de Imobiliária, Serviços Técnicos de

Construção e Atividades de Manutenção de Imóveis.

Disciplina:Construção Civil IUniversidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Industria da Construção Civil5Prof. Rogerio Lemos

• As atividades definidas dentro deste setor geram expressivo efeito multiplicador na economia.

• Grande % de todos os investimentos feitos no País passam pela cadeia da construção civil.

• A atividade definida como construbusiness participa na formação do Produto Interno Bruto (PIB) do País com cifras significativas

Fonte: Pesquisa Anual da Industria da Construção –PAIC, elaborada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística -IBGE, para o ano de 2007

Disciplina:Construção Civil IUniversidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Industria da Construção Civil6Prof. Rogerio Lemos

• O setor é gerador de empregos, com capacidade de absorção de expressivos contingentes de mão-deobra, especialmente de profissionais menos qualificados e socialmente mais dependentes, com grande sensibilidade às características regionais e sociais.

• Sua população ocupada participa na PEA (População Econômica Ativa) nacional com mais de 6%, empregando diretamente cerca de 4,0 milhões de trabalhadores e é o setor que gera emprego a custo mais baixo.

Disciplina:Construção Civil IUniversidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Industria da Construção Civil7Prof. Rogerio Lemos

Desempenho e resultados

• Gastos totais com o pessoal ocupado de R$ 30,6 bilhões, dos quais R$ 20,7 bilhões foram em salários, retiradas e outras remunerações , significando uma média mensal de 2,3 salários mínimos;

• Obras e serviços no valor de R$ 128,0 bilhões e obtiveram receita operacional líquida de R$ 122,7 bilhões. Deste montante, 40,1% equivale a construções para o setor público;

• A expansão do setor da construção está em linha com o crescimento do Produto Interno Bruto - PIB brasileiro (5,7%), com o desempenho da atividade da construção no PIB (5,0%);

Fonte: Pesquisa Anual da Industria da Construção –PAIC, elaborada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística -IBGE, para o ano de 2007

Disciplina:Construção Civil IUniversidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Industria da Construção Civil8Prof. Rogerio Lemos

Desempenho e Resultados

A atividade empresarial da construção foi influenciada positivamente por um conjunto de fatores diretamente relacionados à dinâmica do setor, tais como:

• Crescimento da renda familiar e do emprego, aumento do crédito ao consumidor; • Maior oferta de crédito imobiliário;

• Manutenção da redução do Imposto sobre Produtos Industrializados - IPI de diversos insumos da construção; •Conjuntura econômica favorável - Política de redução da taxa básica de juros.

Disciplina:Construção Civil IUniversidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

(Parte 1 de 3)

Comentários