Sistemas de Contenção

Sistemas de Contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção1Prof. Dr. Marcelo Medeiros Sistemas de Contenções:

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção2Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Indústria automobilística nacional

Década de 60Prédios não tinham subsolo

Incentivo ao desenvolvimento: Introdução

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção3Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Década de 80Já era usual os prédios terem até 2 subsolos

Com mais carros tornou-se necessário escavar maisIntersepção do lençol freático

Incentivo ao desenvolvimento: Introdução

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção4Prof. Dr. Marcelo Medeiros

O desenvolvimento dos materiais foi fundamental para a evolução das contenções

Concreto projetado com fibras Telas metálicas

Armação manualEX 1:

Introdução

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção5Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Conceito era baseado no peso próprio Surgem os tirantes

Importante: Terras urbanas m2–preço muito alto

Esbeltez

O desenvolvimento dos materiais foi fundamental para a evolução das contenções

Introdução

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção6Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Sistemas de contenção de taludes mais modernos evitam perda de área e permitem escavações mais profundas

É preciso considerar: • Custo

• Prazo

• Esbeltez

Introdução

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção7Prof. Dr. Marcelo Medeiros

As tecnologias mais modernas propiciam maior produtividade, melhor aproveitamentodo terrenoe escavações mais profundas e seguras

Introdução

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção8Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Essas obras de contenção, necessárias em locais de topografia acidentada, representam sempre um elevado ônus no orçamento total da obra.

Diante disso, é importante a realização de uma análise detalhadade qual tipo de contençãoatende do ponto de vista técnico, além de satisfazer também quanto ao aspecto econômico.

Introdução

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção9Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Arrimo

Elemento estrutural que apresenta a função de conter um determinado maciço de terra que possa vir a desmoronar se deixada com o talude livre.

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção10Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Arrimo

Detalhes:

• É a solução mais comum para segurar um barranco.

• A função do muro de arrimo é substituir a terra que foi removida para a feitura de um platô.

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção11Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Arrimo Muro de arrimo

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção12Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Arrimo CorteTerreno natural

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção13Prof. Dr. Marcelo Medeiros Muro de Arrimo

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção14Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Arrimo

Terreno removido exercia uma pressão sobre o maciço

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção15Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Arrimo

Região ficou solta e pode desbarrancar

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção16Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Arrimo

Muro de arrimo

Deve exercer pressão ≥ a da terra que foi removida

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção17Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Arrimo Detalhes

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção18Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Arrimo Muro de arrimo

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção19Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Gravidade + Flexão

Muro de gravidade

Gabiões Flexão com contrafortes

Tipos de contenção

Concreto Flexão

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção20Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Tipos de contenção

Parede diafragma Outros métodos:

Perfis com pranchada

Solo grampeado Muro de arrimo segmentado

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção21Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de gravidade -Concreto x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x momento

> Tendência ao tombamento!!!

Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção22Prof. Dr. Marcelo Medeiros x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x momento Muro de gravidade -Concreto

Tipos de contenção

< Tendência ao tombamento!!!

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção23Prof. Dr. Marcelo Medeiros x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x momento

±40 a 50 % de H H

Economicamente viáveis para: H < 5 ou 6 m

Princípio: Peso Próprio Muro de gravidade -Concreto

Tipos de contenção

Em geral: Secção trapezoidal

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção24Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de gravidade -Concreto Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção25Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de gravidade -Concreto x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x

Tipos de contenção

Se for usada esta configuração, recomenda-se fazer uma pequena inclinação no talude (2 graus com a vertical)

2 graus

Motivo: Evitar desconforto para o usuário

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção26Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Gravidade -Gabiões

Gaiolas de aço galvanizado cheias com pedras de granulometria superior a malha x x x x x x x x x x x x x x

Degraus para fora

Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção27Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Gravidade -Gabiões Tipos de contenção

Geralmente:

•Comprimento de 2 m e seção transversal quadrada com 1 m de aresta.

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção28Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Gravidade -Gabiões Tipos de contenção

No caso de muros de grande altura:

Gabiões mais baixos (altura = 0,5m) na base -maior rigidez e resistência

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção29Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Gravidade -Gabiões Tipos de contenção

Para muros muito longos:

Gabiões com comprimento de até 4 m podem ser utilizados para agilizar a construção.

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção30Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Gravidade -Gabiões Tipos de contenção

Aço galvanizado •Galvanização dupla

•Pode ter revestimento de PVC

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção31Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Gravidade -Gabiões Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção32Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Degraus para dentro x x x x x x x x x x x x x x Pode ser assim?

Muro de Gravidade -Gabiões

Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção33Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Gravidade -Gabiões Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção34Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Principais vantagens:

•Grande flexibilidade (permite que a estrutura se acomode a recalques diferenciais)

•Permeabilidade.

Muro de Gravidade -Gabiões Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção35Prof. Dr. Marcelo Medeiros

•Forma de L •Anti-econômicos para alturas > 5 a 7 m

•Concreto armado

Muro de Flexão Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção36Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Resistem aos empuxos por flexão, utilizando parte do peso própriodo maciço.

Muro de Flexão Tipos de contenção

São estruturas mais esbeltas que os muros de gravidade convencionais.

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção37Prof. Dr. Marcelo Medeiros x x x x x x x x x x x x x x momentoMuro de Flexão Tipos de contenção

50 a 70% de H H

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção38Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Muro de Flexão Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção39Prof. Dr. Marcelo Medeiros x x x x x x x x x x x x x x momento Muro de Flexão com Contrafortes

Tipos de contenção

Contraforte Compressão

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção40Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Tipos de contenção Muro de Flexão com Contrafortes

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção41Prof. Dr. Marcelo Medeiros x x x x x x x x x x x x x x momento Muro de Flexão com Contrafortes

Tipos de contenção

Contraforte Tração

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção42Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Surgimento: 1961 –França

Lizzi introduziu a técnica de estabilização de encostas em solo, com chumbadores integrais longos não protendidos.

Na década de 70 foi a primeira aplicação no Brasil (estado de São Paulo)

Solo Grampeado Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção43Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Técnica em que o reforço do maciço é obtido através da inclusão de elementos metálicos.

Denominados grampos

Solo Grampeado Tipos de contenção

Resistentes à tração e momentos de fletor

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção44Prof. Dr. Marcelo Medeiros

O método construtivo:

•Corte do solo de acordo com a geometria do projeto (exceto se for para reforçar taludes);

•Colocação da linha de chumbadores (grampos);

Solo Grampeado Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção45Prof. Dr. Marcelo Medeiros

O método construtivo: •Aplicação do revestimento de concreto projetado;

•São feitos drenos profundosde paramentos e canaletas conforme o projeto ao longo do talude.

Solo Grampeado Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção46Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Introdução dos grampos no maciço:

•Por cravação diretade elementos metálicos (diâmetros entre 12,5 a 38 m)

Solo Grampeado Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção47Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Introdução dos grampos no maciço:

•Através de pré-furos (diâmetros entre 75 a 150 m), seguidos pela introdução de barras metálicas e preenchimento do furo.

Solo Grampeado Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção48Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Na maioria das vezes, os grampos são moldados no localpor meio de perfuração e fixação de armação com injeção de calda de cimento.

Para limpeza do furo, pode ser utilizado água, ar ou trado helicoidal continuo.

Mais comum: água.

Solo Grampeado Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção49Prof. Dr. Marcelo Medeiros

Tipo de perfuratriz:

Depende da área de trabalho, profundidade e diâmetro do furo

Solo Grampeado Tipos de contenção

Disciplina:Construção Civil 1Universidade Federal do Paraná Departamento de Construção Civil

Grupo de Materiais de Construção50Prof. Dr. Marcelo Medeiros

O método de perfuração deve permitir estabilidade da cavidadeperfurada até que a injeção da calda de cimento seja concluída.

Solo Grampeado Tipos de contenção

Comentários