Filme Radiográfico

Filme Radiográfico

Introdução

Esse projeto abordará sobre a composição dos filmes Radiográficos e Écrans, as etapas do processo de revelação, composição química do revelador e do fixador e suas funções.

Composição de filmes Radiográficos e Écrans

Filmes Radiográficos

O filme radiográfico é um conversor de imagem. Converte luz em diversos tons de cinza. A quantidade de exposição necessária para produzir uma imagem depende da sensibilidade ou velocidade do filme.

A estrutura básica de um filme é composta de base, emulsão e camada protetora.

Geralmente a base é feita de material plástico transparente, poliéster ou acetato de celulose e serve para dar suporte à emulsão. A parte principal do filme é a emulsão que consiste de uma mistura homogênea de gelatina e sais que são os brometos de prata.

Écrans

Também conhecido como telas intensificadoras, são constituídas por 3 importantes camadas que são a base, camada fluorescente e camada final.

Como dito anteriormente geralmente à base é feita de plástico e serve de suporte, a camada fluorescente que consiste de oxisulfitos de terras raras e a camada final que tem como função proteger o material fluorescente.

O material fluorescente tem a propriedade de emitir luz quando irradiado por um feixe de raios-x. Esta é a luz que vai impressionar o filme radiográfico.

A tela é um conversor de energia. O uso da tela possibilita uma substancial redução do tempo de exposição o que acarreta uma diminuição da dose transmitida ao paciente.

Etapas do Processo de Revelação

A revelação do filme radiográfico é basicamente uma reação química. Como toda reação química ela é regida por três características físicas: tempo, temperatura e concentração. As etapas básicas na obtenção da imagem são: Formação da imagem latente, Revelação e Fixação da imagem.

Para se revelar um filme radiográfico são necessários os seguintes passos;

Revelação É o inicio do ataque químico aos haletos de prata da emulsão onde a imagem latente é convertida

em imagem visível pela ação química do revelador através de uma reação de oxiredução e dura cerca de 5 minutos.

Banho É o processo em que interrompe a revelação e remover o excesso de revelador da emulsão e dura em

media 30 segundos.

Fixação Etapa em que se removem os haletos de prata da emulsão e tem como propriedade neutralizar, clarear, preservar e endurecer, dura cerca de 15 minutos.

Lavagem Etapa importante para remover o fixador da emulsão, e ocorre dentro de 20 minutos.

Secagem Ultima etapa em que se remove a água e prepara o filme radiográfico para o uso.

Composição da solução Reveladora e suas Funções

Cada uma das formulas de revelador contem componentes imprescindíveis para a formação da imagem. Estes são os seguintes:

Agente Revelador A sua função é reduzir quimicamente o halogeneto de prata exposto a luz, para formar uma imagem de prata metálica. Os mais utilizados são:

Metol, Fenidona e Hidroquinona.

Agente Acelerador Reage com a presença de um álcali ou base. São os aceleradores do processo de revelação, cuja função básica é de expandir a emulsão para que o processo de oxido redução ocorra mais rapidamente. Os álcalis normalmente utilizados são: Tetraborato de Sódio ou Bórax, Metaborato de Sódio, ou Kokalk, Carbonato de Sódio e Hidróxido de Sódio (Soda Caustica).

Agente Conservador Quando os agentes reveladores são dissolvidos em agua e a solução é exposta ao ar, o oxigênio reage com eles, formando produtos de oxidação. Essa reação ocorre quando o revelador é colocado em banheiras. O preservador normalmente utilizado para retardar essa decomposição é o Sulfito de Sódio. A presença de álcalis muito fortes também oxida os agentes reveladores.

Agente Limitador ou Retardador A ação dos agentes reveladores sobre as áreas da emulsão não expostas a luz precisa ser controlada, afim de que não haja produção de véu alem do normal e para que a transparência do negativo se aceitável. O Brometo de Potássio é normalmente utilizável para essa função.

Composição da solução Fixadora e suas Funções

A primeira função do fixador é remover a emulsão por dissolução os cristais não expostos e não revelados. Outra função é endurecer a gelatina da emulsão para deixar resistente a radiografia afim de que a mesma possa ser manipulada. Os componentes importantes e essenciais do fixador são os seguintes:

Agente Clareador O solvente de prata mais utilizado é o hipossulfito, ou tiosulfato de sódio. O agente clareador não tem efeito sobre os grãos de prata metálica que foram reduzidos pelo revelador, a curto prazo. Com o excesso de tempo da radiografia no fixador, a imagem vai perdendo a densidade na medida em que os grãos de prata metálica vão sendo lentamente dissolvidos pelo acido acético do fixador.

Acidificante A solução fixadora contem acido acético, com função de neutralizar qualquer contaminação com remanescentes de revelador, que porventura ainda estejam presentes no filme, e inibir definitivamente a ação dos agentes redutores prevenindo a formação de fog.

Preservativo O Sulfito de Sódio tem função antioxidante, e sua ação é evitar a degradação do agente clareador que é instável e suscetível a oxidação. Formam complexos com resíduos oxidados de revelador que contaminam a solução, não permitindo que estes manchem a radiografia.

Agente Endurecedor Este agente é incorporado ao fixador com objetivo de tornar a gelatina da emulsão mais resistente as injurias mecânicas da manipulação do filme, e este endurecimento também favorece um tempo de secagem mais curto. O agente mais freqüentemente empregado é o alúmen de potássio. A acidez da solução fixadora realça sua capacidade de endurecer a gelatina.

Referências Bibliográficas

1. WIKIPÉDIA, a enciclopédia livre (w.wikipedia.com.br)

2. Álvares LC, Freitas; As quantidades de brometo de potássio em alguns reveladores radiográficos e suas influencias no filme – Universidade São Paulo, v.5 paginas 271-274, Julho/Setembro.

Comentários