Ciencias 7ª Série - capitulo 2 - Ed SM - Moneras, Fungos e Protistas

Ciencias 7ª Série - capitulo 2 - Ed SM - Moneras, Fungos e Protistas

(Parte 1 de 12)

Reinos das moneras, dos fungos e dos protistas2

O que você vai aprender

Reino das moneras: características e principais grupos de bactérias

Reino dos fungos: características e diversidade

Reino dos protistas: protozoários, algas unicelulares e pluricelulares

Pense nisto

A fotografia ao lado mostra alguns cogumelos em um tronco. Os cogumelos e os bolores são exemplos de fungos. Muitos desses seres vivos são encontrados sobre restos orgânicos, como troncos de árvores e frutos caídos, fezes e até mesmo animais mortos. Todos os fungos têm características comuns, que permitem agrupá-los em um único reino, separado tanto dos animais, quanto das plantas.

1 O que o aspecto do tronco, onde estão fixados os cogumelos da fotografia, revela sobre a alimentação de alguns fungos?

2 De que forma o tipo de alimentação de alguns fungos pode contribuir para a reciclagem de matéria orgânica?

3 É possível que, além dos cogumelos, existam outros organismos no tronco de árvore mostrado na fotografia? Quais seriam?

4 Outros seres vivos, como algumas bactérias, também desempenham o mesmo papel dos fungos na reciclagem de nutrientes na natureza. As bactérias estão reunidas em um único reino, com características próprias. O que você sabe sobre esses seres vivos?

5 Na fotografia você pode observar fungos e plantas. O que aconteceria com esses seres vivos, se colocássemos o tronco em um ambiente escuro?

Além dos fungos e de outros organismos macroscópicos, os ambientes também são habitados por seres microscópicos, como bactérias, protozoários, algas e alguns outros grupos de fungos.

Neste capítulo você estudará esses microrganismos, que desempenham funções importantes no ambiente. Muitos deles são usados na alimentação e na produção de medicamentos; outros causam doenças graves, que afetam plantas e animais, inclusive o ser humano.

célula-mãe reprodução

A bactéria-mãe divide-se em duas bactérias-filhas iguais, como mostra o esquema de divisão binária simples abaixo.

duas células descendentes início da divisão

Reino das moneras1

Bactérias são microrganismos unicelulares e procariontes. Algumas são autótrofas e outras, heterótrofas.

Anote

Os microrganismos que pertencem ao reino Monera, os seres mais antigos da Terra, são unicelulares e procariontes. Portanto, eles não apresentam núcleo definido e o material genético encontra-se espalhado pelo citoplasma.

Características gerais

Os representantes do reino Monera são as bactérias. Neste grupo incluem-se seres autótrofos e heterótrofos.

As bactérias surgiram há mais de três bilhões de anos e, hoje, são encontradas em quase todos os ambientes da Terra.

Diversidade de formas

Esses microrganismos apresentam formas variadas. As células esféricas ou arredondadas são denominadas cocos; as alongadas ou em forma de bastão são chamadas de bacilos ou bastonetes; as espiraladas são denominadas espirilos; e as que apresentam a célula recurvada são chamadas de vibriões.

Muitas bactérias têm estruturas de locomoção, que são conhecidas como flagelos.

Cocos. Bacilos. Espirilos. Vibriões. (As cores não são as reais.)

Reprodução das bactérias

A maioria das bactérias reproduzem-se de forma assexuada por meio de um processo denominado divisão binária simples, em que cada bactéria é capaz de originar duas outras bactérias idênticas a ela. Assim, são capazes de se reproduzir rapidamente e originar um grande número de descendentes em poucas horas.

1.0.0 ou mais

Novos casos de tuberculose (cifras de 2006)

De 100.0 a 9.9 De 10.0 a 9.99 De 1.0 a 9.9 De 0 a 9 Nenhum caso divulgado

Equador Trópico de Câncer

Trópico de Capricórnio Círculo Polar Antártico

0 tuberculose no mundo - novos cAsos (2006)

Doenças causadas por bactérias

Muitas espécies de bactérias são parasitas do ser humano e podem lhe causar várias doenças, algumas delas graves.

É fundamental informar-se, portanto, sobre as formas de contágio e de prevenção dessas doenças. Além disso, as pessoas contaminadas por bactérias nocivas à saúde precisam iniciar tratamento médico imediato.

Leia, a seguir, algumas doenças causadas por bactérias.

Tuberculose

A tuberculose é uma das mais antigas doenças documentadas pelo ser humano. Ela é causada pela bactéria Mycobacterium tuberculosis (conhecida também por bacilo de Koch).

A transmissão da tuberculose ocorre por meio de gotículas de saliva expelidas quando uma pessoa contaminada tosse, espirra ou fala. Os principais sintomas da doença são tosse prolongada, febre alta, suor noturno, falta de apetite, emagrecimento acentuado e cansaço contínuo.

A vacina que previne a tuberculose é a BCG, que deve ser aplicada nos recém-nascidos. No Brasil, a BCG é distribuída gratuitamente à população e qualquer pessoa pode ser vacinada nos postos de saúde.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), 80% dos casos de tuberculose no mundo são registrados em países da Ásia, África e América do Sul.

Fonte: Organização Mundial de Saúde (OMS), Relatório Global, 2008.

cólerA no brAsil

O cólera chegou ao Brasil em 1991, atingindo todas as regiões do país. Em dez anos, foram registrados 168 598 casos e 2 035 óbitos, com ocorrência de grandes epidemias principalmente na região Nordeste.

A disseminação da doença foi facilitada pelas condições precárias de vida da população, sem acesso à rede de esgotos e à água tratada.

A falta de saneamento básico favorece a contaminação pelo vibrião colérico.

(Parte 1 de 12)

Comentários