Isolamento geográfico;

  • Isolamento geográfico;

  • Diferenciação genética: mutações genéticas e cromossômicas ocorrem aleatoriamente 

  • pressão ambiental  seleção natural;

  • Isolamento reprodutivo: diferenças morfológicas e fisiológicas produzem isolamento reprodutivo;

Isolamento sazonal ou estacional: diferentes fases do ano;

  • Isolamento sazonal ou estacional: diferentes fases do ano;

  • Isolamento comportamental ou etológico: ex. as fêmeas de uma espécie não reconhece o display dos machos de outra espécie;

  • Isolamento mecânico: órgãos sexuais dos machos e das fêmeas de espécies diferentes são incompatíveis – ex. tubo polínico

Alopátrica: considera que o primeiro passo é a separação geográfica, que impede o cruzamento;

  • Alopátrica: considera que o primeiro passo é a separação geográfica, que impede o cruzamento;

  • Peripátrica: ocorre pelo isolamento de populações em áreas marginais de uma população original;

  • Simpátrica: surgimento de duas novas espécies sem que haja isolamento geográfico prévio;

Moscas desenvolveram ≠ em suas enzimas digestivas

  • Moscas desenvolveram ≠ em suas enzimas digestivas

  • Moscas do amido preferem parceiros do amido e vice-versa

  • Isolamento pré-zigótico como subproduto da divergência entre populações alopátricas

Isolamento pré-zigótico

  • Isolamento pré-zigótico

    • Pleiotropia
      • Gene favorecido por melhorar adaptação ecológica também causa isolamento reprodutivo
    • Efeito carona
      • Gene adaptado aumenta em freqüência e leva genes ligados relacionados com reprodução

Uma das teorias mais influentes de especiação por substituição de pico

  • Uma das teorias mais influentes de especiação por substituição de pico

  • Mudanças gênicas, ao invés de cromossômicas, ocorrem em pequenas populações fundadas por alguns poucos colonizadores

  • A mudança genética seria extremamente rápida e penetrante em todo o genoma nas populações pequenas e localizadas que são fundadas por poucos indivíduos e cuja troca gênica com o corpo principal da espécie esteja interrompida = REVOLUÇÃO GENÉTICA

  • Mayr chamou de Efeito do Fundador a alteração inicial por deriva nas freqüências alélicas que promovem uma cadeia de mudanças genéticas em outros locos

  • A evolução em colônias recém-fundadas é mais rápida e pode favorecer alterações que determinam a origem de novas espécies e de novos gêneros

Geográfico (Mayr)

  • Geográfico (Mayr)

  • Genética de populações (Templeton)

Variação brusca

  • Variação brusca

    • Manutenção do híbrido: seleção para o híbrido
    • Recombinação do híbrido: seleção para os recombinantes seguindo-se a hibridação
    • Cromossômica: fixação da mutação cromossômica por deriva e seleção
    • Genética: evento fundador em uma colônia
  • Divergência

    • Hábitat: seleção divergente, sem isolamento pela distância
    • Adaptativa: surgimento de uma barreira extrínseca, seguida por micro-evolução divergente

Examinar a influência da seleção sexual na especiação

  • Examinar a influência da seleção sexual na especiação

  • Identificar os genes específicos que causam o isolamento reprodutivo entre espécies

    • O Odisseu (Ods) é um gene homeobox do cromossomo X da drosófila que se expressa na espermatogênese e causa isolamento reprodutivo

  • Equus caballus= 64 (égua) cromossomos

  • Equus asinus= 62 (jumento) cromossomos

  • Mula = 63 cromossomos

  • Equus caballus= 64 (cavalo) cromossomos

  • Equus asinus= 62 (jumenta) cromossomos

  • Burro = 63 cromossomos

Futuyma, D. J. Biologia Evolutiva. 2a ed. Ribeirão Preto: SBG. 1992. cap. 8.

  • Futuyma, D. J. Biologia Evolutiva. 2a ed. Ribeirão Preto: SBG. 1992. cap. 8.

  • Mayr, E. O desenvolvimento do pensamento biológico. Brasília: UnB. 1998. pag. 669-676.

  • Mayr, E. Populações, espécies e evolução. São Paulo: Ed. Nacional/ EDUSP. 1977. cap. 15-18.

  • Ridley, M. Evolução. 3a ed. Porto Alegre: Artmed. 2006. cap. 14.

Comentários