Queda de Tensão em condutores elétricos

Queda de Tensão em condutores elétricos

Queda de Tensão em condutores elétricos

Equipamentos que utilizam energia elétrica são projetados para trabalhar numa determinada tensão (110 v, 127 v, 220 v e etc.) aceitando pequenas variações.

A corrente circulando pela instalação elétrica vezes a resistência do condutor gera uma diferença de potencia no condutor. (queda de tensão)

Para achar essa queda de tensão  podemos utilizar a formula:

e% = (Valimentação -Vequipamento). 100

Valimentação

A NBR 5410 estabelece os valores máximo de queda de tensão como segue:

a) Instalações alimentadas diretamente da rede publica de baixa tensão

b)Instalação alimentada por subestação ou com geração própria

Tabela de queda de tensão admissível

Secção

mm²

127 volts

220 volts

1%.

2%.

3%.

4%.

1%.

2%.

3%.

4%.

1,5

7016

14032

21048

28064

21054

42108

63162

84216

2,5

11694

23387

35081

46774

35090

70180

105270

140360

4

18710

37419

56129

74839

56144

112288

168432

224576

6

28064

56129

84193

112258

84216

168432

252648

336864

10

46774

93598

140322

187096

140360

280720

421070

Como usar a tabela:

1)Multiplicar a distancia (metros ) pela potencia (watt)

2)Escolher a tensão (127 v ou 220 v) e % de queda de tensão

3)Usar a primeiro condutor com valor maior que 1 na coluna escolhida em 2 

Observações: para circuitos trifásicos, múltiplo 1 por √3/2

Comentários