química para o nono ano

química para o nono ano

(Parte 6 de 7)

Entre seus componentes, além do SiO2, estão o óxido de magnésio (MgO) e o óxido de alumínio

(Al2O3). Em relação ao composto MgO, analise as afirmativas:

I. A ligação entre o magnésio e o oxigênio se dá por transferência de elétrons, sendo classificada como ligação iônica.

I. Os átomos não alcançaram a configuração do gás nobre após a ligação.

I. Após a ligação entre os átomos de magnésio e oxigênio, há formação de um cátion Mg2+ e um ânion O2– .

Está(ao) correta(s) apenas:

a) I. b) I. c) I. d) I e I. e) I e I.

Prof. Agamenon Roberto QUÍMICA 9º ANO

3. LIGAÇÃO COVALENTE ou MOLECULAR

A principal característica desta ligação é o compartilhamento (formação de pares) de elétrons entre os dois átomos ligantes.

Os átomos que participam da ligação covalente são ametais, semimetais e o hidrogênio.

Os pares de elétrons compartilhados são contados para os dois átomos ligantes.

Se cada um dos átomos ligantes contribuírem com um dos elétrons do par a ligação será covalente

dativa ou coordenada

normal e, se apenas um dos átomos contribuírem com os dois elétrons do par, a ligação será covalente

Consideremos, como primeiro exemplo, a união entre dois átomos do elemento flúor (F) para formar a molécula da substância simples flúor (F2).

eletrônicaK = 2; .L = 7

Com número atômico igual a 9 o flúor tem configuração

eletrônica plana molecular

Consideremos, como segundo exemplo, a união entre dois átomos do elemento nitrogênio (N) para formar a molécula da substância simples nitrogênio

configuração eletrônicaK = 2; .L = 5

Com número atômico igual a 7 o nitrogênio tem

N.. . N N N2

eletrônica plana molecular

Consideremos, como terceiro exemplo, a união entre dois átomos do ELEMENTO HIDROGÊNIO e um átomo do ELEMENTO OXIGÊNIO para formar a substância COMPOSTA ÁGUA (H2O). O átomo de OXIGÊNIO possui 6 elétrons na

camada de valência e o HIDROGÊNIO tem apenas 1 elétron na sua camada de valência.

fórmula eletrônica fórmula estrutural plana fórmula molecular

Exercícios:

01) Uma ligação covalente normal é feita por:

a) elétrons de apenas um dos átomos. b) um elétron de cada átomo. c) pontes de hidrogênio. d) partículas alfa. e) transferência de elétrons.

02) Um átomo de um elemento da família 5A, do sistema periódico, liga-se a outro átomo de um elemento da família 7A ligação entre ambos é:

a) coordenada. b) eletrovalente. c) dativa. d) covalente normal. e) iônica.

03) Qual o número de ligações covalentes normais que um átomo de número atômico 8 pode realizar?

04) A fórmula N ≡ N indica que os átomos de nitrogênio estão compartilhando três:

a) prótons. b) elétrons. c) pares de prótons. d) pares de nêutrons. e) pares de elétrons.

05) O hidrogênio (Z = 1) e o nitrogênio (Z = 7) devem formar o composto de fórmula:

06) O dióxido de carbono (CO2) é um gás essencial no globo terrestre. Sem a presença desse gás, o globo seria gelado e vazio. Porém, quando é inalado em concentração superior a 10%, pode levar o indivíduo à morte por asfixia. Esse gás apresenta em sua molécula um número de ligações covalentes igual a:

Prof. Agamenon Roberto QUÍMICA 9º ANO

O TUBO EM “U” MISTERIOSO (9º ANO)

OBJETIVO: Verificar a interação intermolecular entre as moléculas de água e álcool e a disseminação de um líquido em outro. MATERIAIS:

• Recipiente transparente em forma de “U” (mangueira ou vidro)?

• Água.

• Álcool etílico.

• Azul de metileno ou outro corante.

• Prepare uma solução contendo uma certa quantidade de um corante (azul de metileno ou outro corante) em água, de modo a obter uma cor intensa.

• Prepare em outro recipiente uma solução contendo o mesmo volume de corante em álcool, de forma a obter a mesma intensidade de cor.

• Coloque a solução de água e corante num tubo em “U”. Verifique os níveis nas duas extremidades.

• Adicione em um dos lados do tubo, lentamente, a solução de álcool e corante. Verifique os níveis.

• Repita o experimento colocando em uma das soluções um corante de cor diferente. Observe o que ocorre.

As substâncias químicas podem ser agrupadas de acordo com suas propriedades comuns. Estas propriedades comuns são chamadas de propriedades funcionais.

Em função dessas propriedades podemos agrupar as substâncias em grupos aos quais chamaremos de funções inorgânicas.

As principais funções inorgânicas são: . Função ácido. . Função base ou hidróxido. . Função sal. . Função óxido. FUNÇÃO ÁCIDO (CONCEITO DE ARRHENIUS )

Segundo Arrhenius toda substância que em solução aquosa sofre ionização produzindo como cátion, apenas o íon H + , é um ácido.

Exemplos:

HClH +
+Cl –

H2O

H2SO42 H

Os ácidos possuem algumas propriedades características: sabor, condutibilidade elétrica, ação sobre indicadores e ação sobre as bases. Sabor:

Apresentam sabor azedo. Condutibilidade elétrica:

Em solução conduz a corrente elétrica. Ação sobre indicadores:

Algumas substâncias adquirem colorações diferentes quando estão na presença dos ácidos, estas substâncias são chamadas de indicadores.

Indicador Cor na presença do ácido

Fenolftaleína Incolor Tornassol Róseo Metilorange Vermelho

Ação sobre bases Reagem com as bases produzindo sal e água.

Prof. Agamenon Roberto QUÍMICA 9º ANO

Para Arrhenius base ou hidróxido é todo composto que em solução aquosa sofre dissociação iônica, libertando como ânion, apenas

, denominado de oxidrila ou hidroxila

o íon OH –

Exemplos:

NaOH H2O Na

Pb(OH)2Pb

Estas equações recebem o nome de equações de dissociação da base.

As bases de Arrhenius apresentam características referentes aos íons OH1– , entre elas podemos citar:

sabor, condutibilidade elétrica, ação sobre indicadores e ação sobre ácidos. Sabor:

Apresentam um sabor cáustico, lixívia ou adstringente.

Condutibilidade elétrica:

As soluções básicas, por possuírem íons livres, conduzem a corrente elétrica.

Ação sobre indicadores:

Indicador Cor na presença da base Fenolftaleína Vermelho Tornassol Azul Metilorange Amarelo

Ação sobre os ácidos: Reagem com os ácidos produzindo sal e água.

HCl + NaOH NaCl + H2O

Sal é todo composto que em solução aquosa possui pelo menos um cátion diferente do H + , e pelo menos um ânion diferente do OH 1– .

Podemos também afirmar que sal é um composto obtido pela neutralização de um ácido por uma base. Exemplos:

HCl+ NaOH  NaCl + H2O

onde o

NaCl possui o Na + , que é diferente do

H + , e o Cl –

, que diferente do OH – .

onde o CaOHNO3 possui o Ca2+ , que é diferente do H + , e o NO3

, que é diferentedo OH –

A reação entre um ácido e uma base recebe o nome especial de neutralização ou salificação.

A neutralização entre um ácido e uma base pode ser total ou parcial.

É o conjunto de compostos binários onde o oxigênio é o elemento mais eletronegativo.

Exemplos: Na2O; H2O; Al2O3; SO3; CaO

Podemos dividir os óxidos em dois grupos:

Os óxidos moleculares: O elemento ligado ao oxigênio é ametal.

Exemplos: CO2; SO3; CO; Cl2O7

Os óxidos iônicos: O elemento ligado ao oxigênio é um metal. Exemplos:

Fe2O3; CaO; Na2O; Al2O3 Exercícios:

01) Dentre as espécies químicas, citadas, é classificado como ácido de Arrhenius:

a) Na2CO3 b) KOH c) Na2O d) HCl e) LiH

02) Todas as substâncias azedas estimulam a secreção salivar, mesmo sem serem ingeridas. Esse é o principal motivo de se utilizar vinagre ou limão na preparação de saladas, pois o aumento da secreção salivar facilita a ingestão. No vinagre e no limão aparecem substâncias pertencentes à função:

a) base ou hidróxido. b) sal. c) óxido. d) aldeído. e) ácido.

Prof. Agamenon Roberto QUÍMICA 9º ANO

03) Qual das substâncias a seguir apresenta sabor azedo quando em solução aquosa? a) Na2S. b) NaCl.

c) CaO. d) HCl.

e) NaOH.

Iágua de bateria.
Iágua mineral com gás.

04) Sejam os produtos: I. ácido muriático.

Os ácidos presentes nesses produtos são, respectivamente:

05) Durante a digestão de alimentos no estômago, ocorre a fundamental precipitação de um determinado composto químico. Identifique o composto.

a) bicarbonato de sódio. b) hidróxido de alumínio. c) ácido clorídrico. d) monóxido de carbono. e) ácido sulfúrico.

06) Os nomes dos ácidos oxigenados abaixo são, respectivamente:

a) nitroso, clórico, sulfuroso, fosfórico. b) nítrico, clorídrico, sulfúrico, fosfórico. c) nítrico, hipocloroso, sulfuroso, fosforoso. d) nitroso, perclórico, sulfúrico, fosfórico. e) nítrico, cloroso, sulfídrico, hipofosforoso.

07) Sabor adstringente é o que percebemos quando comemos uma banana verde (não-madura). Que substância a seguir teria sabor adstringente? a) CH3COOH. b) NaCl.

08) O hidróxido de magnésio, Mg(OH)2, que é um componente do “leite de magnésia”, é:

a) um ácido de Arrhenius. b) uma base de Arrhenius. c) um sal. d) um óxido. e) um hidreto.

09) O suco gástrico necessário à digestão contém ácido clorídrico que, em excesso, pode provocar “dor de estômago”. Neutraliza-se esse ácido, sem risco, ingerindo-se:

a) solução aquosa de base forte, NaOH. b) solução aquosa de cloreto de sódio, NaCl.

c) suspensão de base fraca, Al(OH)3. d) somente água.

e) solução concentrada de ácido clorídrico, HCl.

10) Urtiga é o nome genérico dado a diversas plantas da família das Urticácias, cujas folhas são cobertas de pêlos finos, os quais liberam ácido fórmico (H2CO2) que, em contato com a pele, produz uma irritação.

Dos produtos de uso doméstico abaixo, o que você utilizaria para diminuir essa irritação é:

a) vinagre. b) sal de cozinha. c) óleo. d) coalhada. e) leite de magnésia.

1) Num recipiente contendo uma substância A, foram adicionadas gotas de fenolftaleína, dando uma coloração rósea. Adicionando-se uma substância B em A, a solução apresenta-se incolor. Com base nessas informações podemos afirmar que:

a) A e B são bases. b) A é um ácido e B é uma base. c) A é uma base e B é um ácido. d) A e B são ácidos. e) A e B são bases.

12) Sobre a reação equacionada abaixo, assinale a alternativa incorreta:

a) Ocorre neutralização das propriedades do ácido e da base. b) Há a formação de um sal neutro. c) É chamada reação de ionização. d) Um dos reagentes é o hidróxido de sódio. e) A soma dos coeficientes do balanceamento nesta equação é igual a 6.

13) Os compostos abaixo são, respectivamente:

AgNO3 NH4OH HClO4 a) ácido, base, sal. b) base, sal, base. c) sal, base, ácido. d) ácido, sal, ácido. e) sal, base, base.

14) O salitre do Chile, NaNO3, utilizado como fertilizante pertence à função:

a) sal. b) base. c) ácido. d) óxido ácido. e) óxido básico.

Prof. Agamenon Roberto QUÍMICA 9º ANO

15) O líquido de Dakin, utilizado como anti-séptico, é uma solução diluída de NaCl, ou seja:

a) perclorato de sódio. b) hipoclorito de sódio. c) cloreto de sódio. d) clorato de sódio. e) clorito de sódio.

16) Quando o oxigênio se combina com um elemento para formar um composto, a espécie resultante é chamada:

a) ácido. b) sal. c) oxigênio molecular. d) óxido. e) oxalato.

17) A cal viva é um material muito usado por pedreiros, pintores e agricultores, representada pela fórmula CaO. Verifique que função está representada.

a) Ácido. b) Base. c) Sal. d) Hidreto metálico. e) Óxido.

18) (FAC. DA CIDADE-RJ) UM PRODUTO IMPRESCINDÍVEL NO DIA-A-DIA NO BRASIL, MERCADO DE GASES É ESTIMADO EM US$ 200 MILHÕES

O mercado do gás X muito mais próximo da realidade do brasileiro do que se imagina: o gás X está presente no dia-a-dia da população. Basta dizer que os principais consumidores do produto são nada menos que as industrias de refrigerantes e cervejas, que utilizam o gás no seu processo de produção. Também é usado como matéria prima para extintores de incêndio e gelo seco.

O nome do gás X que preenche corretamente a matéria transcrita é:

a) argônio. b) ozônio. c) carbônico. d) sulfídrico. e) hidrogênio.

, que dá origem ao ácido .......... ".

19) Com base na frase seguinte: "A água da chuva em ambientes não poluídos, na ausência de raios e relâmpagos, é ácida devido à dissolução do Identifique a alternativa correta:

a) CO2, carbônico. b) SO2, sulfuroso. c) P2O5, fosfórico. d) N2O3, nitroso. e) N2O5, nítrico.

Objetivo: Demonstrar a condutividade elétrica de soluções aquosas obtidas utilizando compostos iônicos e moleculares. Material:

1) 1 aparato para testar condutividade. 2) 8 copos 3) Açúcar comum. 4) Sal comum. 5) Solução aquosa de ácido acético bem diluída (vinagre branco). 6) Solução aquosa de hidróxido de amônio bem diluída (NH4OH). 7) Solução aquosa de ácido clorídrico (HCl).

8) Solução aquosa de hidróxido de sódio

(NaOH). 9) Álcool comum 10) Suco de laranja.

Procedimento:

a) Coloque, nos 7 copos, volumes iguais de água e identifique com etiquetas numeradas. b) Nos copos de 2 a 7 adicione, separadamente, pequenas quantidades de açúcar, sal, HCl, CH3COOH, NH4OH, álcool comum e NaOH.

c) A seguir, teste a condutividade de cada sistema, separadamente, analisando o brilho da lâmpada. Lave com água os eletrodos antes de cada teste.

Prof. Agamenon Roberto QUÍMICA 9º ANO

OBJETIVO: Produzir os indicadores fenolftaleína e azul de bromotimol.

MATERIAIS: Fenolftaleína, azul de bromotimol, álcool, dois copos e uma colher. COMO FAZER:

a) Dissolver 1g de fenolftaleína em 60 mL de álcool e dilui-se com água até 100 mL. Usase 1 a 2 gotas para cada 100 mL de solução a titular. b) Dissolve-se 0,1g de azul de bromotimol em 20 mL de álcool quente e dilui-se com água até 100 mL. Usa-se 1 a 3 gotas para cada 100 mL a ser titulada.

Você pode utilizar gotas da solução de fenolftaleína (ou azul de bromotimol) produzida para testar a acidez ou basicidade de alguns líquidos, tais como:

Suco de limão. Água com sabão. Água com pasta dental. Vinagre. Soluções de produtos de limpeza.

OBJETIVOS: Observar a tendência de neutralização entre ácidos e bases.

MATERIAIS: Amoníaco, limão, indicador de repolho – roxo, conta gotas, tubos de ensaio, água e uma colher de chá.

Preparar a solução ácida e acrescentar o indicador. Adicionar um produto básico, de preferência em pequenas quantidades. Observar a mudança de cor do indicador.

Repita a experiência com outras soluções básicas, tais como água com sabão ou creme dental. Use outros ácidos, tais como vinagre incolor, ácido muriático, etc. Troque o indicador e observe a mudança de cores.

Prof. Agamenon Roberto QUÍMICA 9º ANO

Mostrar uma reação de combustão, a importância do comburente, variação da densidade dos gases ao serem aquecidos

(convecção) e a influência do CO2 (óxido) nas combustões.

Duas velas de tamanhos diferentes. Recipiente de tamanho mediano. Recipiente de vidro grande e de boca larga.

MODO DE FAZER: Fixe as duas velas no recipiente e acenda.

Coloque o de boca larga sobre as velas acesas, de modo que as mesmas fiquem em seu interior.

Observe que as velas irão se apagar com o tempo.

As velas apagam ao mesmo tempo ou em intervalos de tempo diferentes? Se as velas apagarem em tempos diferentes, qual apaga primeiro? Justifique sua observação?

Objetivo:

Mostrar a existência do vapor de água no ar, o fenômeno da condensação e a formação da geada nos dias frios. Material:

Lata de refrigerante. Água. Gelo. Sal. Régua de 20 cm ou chave de fenda.

Procedimento:

pouco de gelo

Coloque uma lata (bem seca exteriormente) com água em cima da mesa e adicione um Observe a parede exterior da lata três a cinco minutos mais tarde. Faça os alunos constatarem que a água na parede de fora não proveio de dentro, já que a lata é impermeável. Uma vez que tenham verificado que a água provém do ar, leve-os a observarem por que a água é invisível no ar; quando os minúsculos corpúsculos de vapor de água se juntam, formam pingos maiores e se tornam visíveis. Tire a água da lata e introduza gelo esfarelado até a metade (é fácil obtê-lo, pegando umas pedras de gelo num pano e dando umas batidas contra o chão ou a parede). Acrescente um pouco menos de um quarto do volume da lata de sal grosso e misture bem com uma régua ou chave de fenda. Faça-os observarem os cristais de gelo que se formarão na face externa da lata, depois de cinco a oito minutos. Faça-os identificarem as circunstâncias em que uma geada pode produzir-se.

(Parte 6 de 7)

Comentários