Modelo-pre-projeto-1 (1)

Modelo-pre-projeto-1 (1)

PRÉ-PROJETO DE TCC

2012

ETEc Gildo Marçal de Bezerra Brandão

HABILITAÇÃO: TÉcnico em logística

3 Rs da Construção Civil

Fernando

Josafá

Adilson

Natã

Nelson

Perus – SP

2012

3 Rs da Construção Civil

(Tamanho Arial 14 em negrito somente o título/ subtítulo sem negrito)

Pré-projeto apresentado na disciplina de Planejamento deTrabalho de Conclusão de Curso como requisito básico para a apresentação do Trabalho de Conclusão de Curso do Técnico em Logística.

Orientador (a): Adão Siqueira

Orientador (a): Amália

Perus-SP

2012

(Tamanho Arial 12 sem negrito)

SUMÁRIO

1. INTRODUÇÃO – TEMA E PROBLEMATIZAÇÃO

2. JUSTIFICATIVA

3. OBJETIVOS

3.1 GERAL

3.2 ESPECÍFICOS

4. METODOLOGIA DA PESQUISA

5. CRONOGRAMA

REFERÊNCIAS

(Tamanho 12 arial em negrito os títulos – subtítulo sem negrito)

1. INTRODUÇÃO – TEMA E PROBLEMATIZAÇÃO

O entulho muitas vezes é gerado por deficiências no processo da construção, como falhas ou omissões na elaboração dos projetos e na sua execução, má qualidade dos materiais empregados, das perdas no transporte e armazenamento, má manipulação por parte da mão de obra, além da substituição de componentes pela reforma ou reconstrução. Na maioria das vezes, o entulho é retirado da obra e disposto clandestinamente em locais como terrenos baldios, mananciais, margens de rios e de ruas das periferias. O custo social e ambiental disto foge ao controle dos cálculos, apesar de suas consequências serem permanentemente notáveis. Percebe-se a degradação da qualidade de vida urbana em aspectos como transportes, enchentes, poluição visual, proliferação de vetores de doenças, entre outros. De um jeito e de outro, toda a sociedade sofre com a deposição irregular de entulho.

O entulho é um resíduo de grande volume, ocupando, portanto muito espaço nos aterros. Seu transporte, em função não só do volume, mas do peso, torna-se caro.

Introdução é a apresentação rápida do assunto abordado e seu mérito. É uma seção na qual se aguça a curiosidade do leitor, na qual se tenta vender-lhe o projeto. É adequado terminar com a formulação do problema, sob a forma de pergunta.

Problematização é a transformação de uma necessidade humana em problema. Segundo Popper (1975), toda discussão científica deve surgir com base em um problema ao qual se deve oferecer uma solução provisória a que se deve criticar, de modo a eliminar o erro. É uma questão não resolvida, é algo para o qual se vai buscar resposta, via pesquisa.

(Tamanho 12 arial sem negrito)

Todos os tópicos devem ser elaborados dentro das Normas da ABNT, que serão apresentadas no decorrer do desenvolvimento do TCC.

2. JUSTIFICATIVA

O tema foi escolhido por um objetivo bem especifico a falta de ações e soluções para o problema que o entulho tanto da construção civil como da demolição causa para a sociedade e natureza. Problemas que há anos vem causando danos, empecilhos e gastos exorbitantes tanto para a sociedade quanto para o governo de um modo geral.

Justificar é oferecer razão suficiente para a construção do trabalho. Responde a pergunta por que fazer o trabalho, procurando os antecedentes do problema e a relevância do assunto/tema, argumentando sobre a importância prático teórica, colocando as possíveis contribuições esperadas.

3. OBJETIVOS

O principal objetivo e trabalhar a conscientização do descarte e da reutilização sustentável dos resíduos da construção civil e demolição por meio de ações conjuntas com empresas, trabalhadores do setor e município. Essas ações também deverão envolver cooperativas para a reutilização e reciclagem dos materiais por meio de doações ou venda. Com isso a demanda por novos sítios para a formação de novos aterros diminuirá de forma abrupta. Mesmo por que a disponibilidade de novos terrenos é escassa.

Refere-se a indicação do que é pretendido com a realização do estudo ou pesquisa e quais os resultados que se pretende alcançar. Define o que se quer fazer na pesquisa. Os objetivos devem ser redigidos com verbos no infinitivo, exemplo: caracterizar, identificar, compreender, analisar, verificar.

3.1 GERAL(sub-item sem negrito tamanho 12)

Procura dar uma visão global e abrangente do tema, definindo de modo amplo, o que se pretende alcançar. Quando alcançado dá a resposta ao problema.

3.2 ESPECÍFICOS (sub-item sem negrito tamanho 12)

Tem função intermediária e instrumental, ou seja, tratam dos aspectos concretos que serão abordados na pesquisa e que irão contribuir para se atingir o objetivo geral. É com base nos objetivos específicos que o pesquisador irá orientar o levantamento de dados e informações.

4. METODOLOGIA DA PESQUISA

Metodologia significa estudo do método. Método é um procedimento, ou melhor, um conjunto de processos necessários para alcançar os fins de uma investigação. É o procedimento geral. É o caminho percorrido em uma investigação. Mostra como se irá responder aos objetivos estabelecidos. Deve se ajustar aos objetivos específicos. Envolve a definição de como será realizado o trabalho.

A metodologia deve apresentar:

  • O tipo de pesquisa

  • Universo e Amostra

  • Instrumentos de coletas de dados

  • Método de análise

5. CRONOGRAMA

O cronograma é a disposição gráfica do tempo que será gasto na realização de um trabalho ou projeto, de acordo com as atividades a serem cumpridas. Serve para auxiliar no gerenciamento e controle deste trabalho, permitindo de forma rápida a visualização de seu andamento.

Atividades

Mar

Abr

Mai

Jun

Jul

Ago

Set

Out

Nov

Pesquisa e Documentação

Visitas Técnicas

Pesquisa bibliográficas

Apresentação e Discussão dos Dados

Digitalização do TCC

Entrega do TCC

Apresentação Final TCC

REFERÊNCIAS

Nessa parte são relacionados os livros, sites, revistas, enfim, todo o material que foi consultado para elaboração do trabalho, e que esteja citado nele.

Deve ser elaborado de acordo com as normas da ABNT NBR 6023- informação e documentação –referências – elaboração.

Exemplos de referência utilizadas no pré-projeto

ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas. NBR 14724: Informação e documentação. Trabalhos Acadêmicos - Apresentação. Rio de Janeiro: ABNT,

2002.

SEVERINO, Antonio Joaquim. Metodologia do trabalho científico. 22. ed. rev. e ampl. São Paulo: Cortez, 2002.

POPPER, K.R. Conhecimento objetivo. São Paulo: EDUSP, 1975.

Comentários