Quimica Experimental - Utensílios de laboratório quimico

Quimica Experimental - Utensílios de laboratório quimico

(Parte 1 de 2)

1. Almofariz e Pistilo Utilizados para triturar e pulverizar sólidos.

2. Agitador magnético

Tem como função agitar diversos tipos de soluções. A agitação é fundamental na trituração, homogeneização e mistura dos materiais.

3. Balança Analítica

É um instrumento que tem uma grande sensibilidade de pesagem algumas chegam a 0,0001 grama.

4. Balança semi-analítica

O que difere uma Balança Analítica de uma Balança Semi- Analítica é justamente o grau de precisão na hora da pesagem. Uma Balança Analítica pode pesar com precisão máxima de 0,1 micrograma até 0,1 miligrama, enquanto a Balança Semi-Analítica pesa com precisão até 0,001g.

5. Balão de destilação

Vidraria utilizada em laboratórios com principal objetivo de conter algum líquido (mistura) que será levado à ebulição para que o componente mais volátil seja completamente vaporizado e posteriormente destilado.

6. Balão de fundo chato

Usado para conter líquidos ou como frasco de reação. Têm a vantagem de não requerer uso de suporte para serem mantidos em posição vertical.

7. Balão de fundo redondo

Também usado para conter líquidos ou como frasco de reação. São mecanicamente mais resistentes e mais adequados a operações que envolvam aquecimento.

8. Balão volumétrico

Utilizado para preparação de líquidos em volumes muito precisos e exatos, geralmente usado quando o volume é grande para se medir com uma pipeta ou bureta.

9. Banho Maria

É um dispositivo que permite aquecer substâncias de forma indireta (banho-maria), ou seja, que não podem ser expostas a lume direto.

10. Banho Termostatizado

Através de um controle digital, deixa a amostra na temperatura que o usuário necessita para determinadas reações na análise

1. Bastão de vidro ou bagueta

Empregado na agitação de líquidos em operações como homogeneização, dissolução, etc. Auxilia na transferência de líquidos de um recipiente para outro.

12. Bico de Bunsen

É utilizado na esterilização de pequenos objetos, para aquecer produtos químicos, polir a fogo vidros quebrados e para muitas outras finalidades. Basicamente, um bico de Bunsen é um queimador de gás de pequeno porte com uma chama ajustável, onde pode-se manipular a quantidade de gás e ar.

13. Bureta

Seu principal objetivo de uso está na correta dosagem volumétrica de algum reagente nas titulações. É sustentada por um suporte universal (com garras) e, quando em utilização, posicionada sobre um béquer ou erlenmeyer.

14. Bureta digital utilizado para realizar medições precisas na análise de volumes. Tem a função de adicionar, de forma regular e sistemática, pequenos volumes de solução, muito utilizada em titulações.

15. Cadinho

Utilizado na calcinação de pequenas quantidades de substâncias ou materiais. Resiste bem à elevação de temperatura; pode ser aquecidos diretamente sobre a chama até o rubro.

16. Centrifuga

É um aparelho que acelera o processo de decantação. Devido ao movimento de rotação, as partículas de maior densidade, por inércia, são arremessadas para o fundo do tubo.

17. Capela de exaustão de gases

Tem a função de eliminar odores e vapores tóxicos durante o processo de manipulação de reagentes no laboratório.

18. Cápsula de porcelana Empregada na evaporação de líquidos em soluções.

19. Condensador

Usado para condensação de gases. Este aparelho usa um sistema de resfriamento simples através do resfriamento do gás pela água em baixas temperaturas, mas sem o contado entre as duas.

20. Condutivímetro

Utilizado para medidas em campo de condutividades de amostras líquidas.

21. Chapa de Aquecimento Utilizado na digestão de amostras para análise quantitativa.

2. Copo de Béquer

Sua principal função é trabalhar com líquidos. São usados na maioria das vezes para fazer reações entre soluções, usados para dissolver diversas substâncias sólidas, efetuar reações de precipitação e preparar soluções simples.

23. Dessecador

Recipiente grande e provido de tampa. Usado para secagem e proteção contra umidade de materiais higroscópicos, cadinhos são resfriados em seu interior, para posterior pesagem, etc.

24. Erlenmeyer

Sua utilização é vasta, podendo ser usado para misturas e soluções, mas a sua utilização mais comum é para a titulação. 25. Espátulas

Empregadas para retirar sólidos de frascos, material sólido de papéis de filtro, etc.

26. Estante para tubos de ensaio

Utilizado para colocação dos tubos de ensaio. Existem diferentes tipos de estante tendo formatos diferentes e podendo ser feitas de plástico, madeira ou ferro.

27. Estufa

Aparelho elétrico utilizado para secagem de substâncias sólidas, evaporações lentas de líquidos, etc.

28. Funil comum

(Parte 1 de 2)

Comentários