Relatório Estágio Elohim

Relatório Estágio Elohim

(Parte 1 de 3)

COLÉGIO ESTADUAL “JUSCELINO KUBITSCHEK DE OLIVEIRA” CURSO TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES OSMAR FERREIRA 19 4º A

OSMAR FERREIRA 19 4º A

Referente ao estágio realizado na empresa Construtora & Imobiliária Expansão Edifício Torre de Elohim, obra em estagio de acabamento, carga horária de 40 horas, em cumprimento a disciplina de estágio supervisionado pelo Professor Antonio Mário Manicardi Filho, visando nota parcial para Curso Técnico em Edificações.

Aos professores, direção e coordenação do Técnico em Edificações, pelo incentivo de investir e acreditar na profissão.

Lourdes Maria Machado, José Pereira Machado, Ilca Chagas Machado, Flívio Antonio Chagas Machado, Flávia Caroline Machado.

A crise segundo "Einstein"

"Não pretendemos que as coisas mudem, se sempre fazemos o mesmo. A crise é a melhor benção que pode ocorrer com as pessoas e países, porque a crise traz progressos.

A criatividade nasce da angústia, como o dia nasce da noite escura. É na crise que nascem as invenções, os descobrimentos e as grandes estratégias.

Quem supera a crise, supera a si mesmo sem ficar "superado".

Quem atribui à crise seus fracassos e penúrias, violenta seu próprio talento e respeita mais aos problemas do que as soluções. A verdadeira crise, é a crise da incompetência.

O inconveniente das pessoas e dos países é a esperança de encontrar as saídas e soluções fáceis.

Sem crise não há desafios, sem desafios, a vida é uma rotina, uma lenta agonia. Sem crise não há mérito. É na crise que se aflora o melhor de cada um.

Falar de crise é promovê-la, e calar-se sobre ela é exaltar o conformismo.

Em vez disso, trabalhemos duro. Acabemos de uma vez com a única crise ameaçadora, que é a tragédia de não querer lutar para superá-la.

1 RESUMO09
2 DADOS DA EMPRESA10
3 APRESENTAÇÃO10
4 LOCALIZAÇÃO10
5 EMPREENDIMENTO10
6 ESPECIFICAÇÕES DOS SERVIÇOS1
6. 1 Projetos1
6.2 Instalações do Canteiro de Obras12
6.3 Movimentos de Terra12
6.4 Infra-estrutura12
6.5 Supra-estrutura12
6.6 Paredes13
6.7 Esquadrias13
6.7.1 Esquadrias de Madeira13
6.7.2 Esquadrias de Alumínio13
6.7.3 Esquadrias de Ferro14
6.7.4 Vidros14
6.7.5 Ferragens14
6.8 Impermeabilizações e Tratamentos14
6.9 Coberturas e Forros15
6.10 Revestimentos Internos de Pisos e Paredes15
6.1 Revestimentos Externos de Paredes15
6.12 Pavimentações Externas15
6.13 Instalações Elétricas e Eletrônicas16
6.14 Instalações Hidrossanitárias16
6.14.1 Água fria16
6.14.2 Água quente16
6.14.3 Esgoto cloacal17
6.14.4 Esgoto pluvial17
6.14.5 Instalações contra incêndio17
6.15 Pintura17
6.15.1 Pintura interna17
6.16 Sistemas Especiais18
6.16.1 Elevadores18
6.16.2 Central de gás18
6.16.3 Churrasqueiras18
6.17 Louças Metais e Equipamentos18
6.18 Paisagismo18
6.19 Serviços Finais19
7. ACABAMENTOS19
7.1.2 Pavimento Térreo19
7.1.2.1 Hall de Entrada e Circulações19
7.1.2.3. Reservatórios Inferiores19
7.1.2.4. Circulação de Veículos e Estacionamento19
7.1.2.5. Escada19
7.1.2.6. Central de Gás19
7.1.3 Segundo Pavimento20
7.1.3.1. Hall dos Elevadores20
7.1.3.2. Hall de Entrada20
7.1.3.3 Escada20
7.1.3.4. Banheiro do Zelador20
7.1.3.5. Circulação de Veículos e Estacionamentos21
7.1.3.6. Depósito de Serviço21
7.1.4. 1º ao 19º Pavimento21
7.1.4.1. Circulação/Halls dos Elevadores21
7.1.4.2. Ante-Câmaras21
7.1.4.3. Escada21
7.1.5. Pavimento Casas de Máquinas21
7.1.6. Pavimento Reservatórios Superiores2
7.2. Áreas Privativas2
7.2.1. Apartamentos2
7.2.1.1. Sala2
7.2.1.2. Sacada churrasqueira2
7.2.1.3. Cozinha e Área de Serviços2
7.2.1.4. Circulação Íntima2
8- CONCLUSÃO24
15- REFERÊNCIAS25
16- APENDICES26

1- RESUMO O presente trabalho tem a intenção de avaliar e acompanhar os métodos construtivos na edificação de uma torre residencial sitiada na Av. Dr. Gastão Vidigal. Esta edificação se encontra em faze de acabamento relator que me foi informado esta construção foi edificada em conformidade com o Plano Diretor do município respeitando as normas e quanto ao impacto com o meio ambiente este projeto esta sendo montado um sistema de reciclagem de água de uso de banho, maquinas de lavar água de chuvas coletadas no telhado da cobertura considerada águas pluviais. Esta água será coletada em rede exclusiva e armazenada e tratada em um sistema de tratamento instalada no subsolo que em seguida será bombeada para reservatório exclusivo que fica na cobertura do que tem sua rede independente de aceso aos apartamentos que será utilizada no sistema de descargas. O sistema estrutural de vigas protendidas, as lajes em vigas e isolamentos com blocos de isopor os tetos em acabamento de placas de gesso.

2-DADOS DA EMPRESA

10 Razão Social: Construtora & Imobiliária Expansão. Nome Fantasia: Torre de Elohim. Endereço: Av. Dr. Gastão Vidigal n°2298. CNPJ: 01.641.052/0003-71 Atividade principal: construção civil CNAE: 1012-1.01 Grau de Risco: 04 Nº. de Funcionários: 105 Telefone: (4) 3029 3005. Cidade: Maringá – PR. Responsável: Eng. Willys Rodrigues Coutinho. Responsável Técnico: Eng. Alexandre Guimarães Nicolau. Porte da empresa: médio. Área construída: 12.0,0 m²

3 APRESENTAÇÃO.

Tem por finalidade o presente memorial descritivo apresentar o empreendimento, especificar os serviços e determinar o tipo e a qualidade dos materiais de acabamento relacionados à construção do edifício residencial Urbano TORRE DE ELOHIM, executado pela CONSTRUTORA & IMOBILIARIA EXPANSÃO.

4 LOCALIZAÇÃO.

O empreendimento encontra-se localizado na AV. HERVAL N° 150 MARINGÁ PARANÁ BRASIL.

5EMPREENDIMENTO.

O empreendimento constitui-se de uma torre residencial. Com as seguintes distribuições de espaços e ambientes: No subsolo que devera conter um Box por apartamento com divisórias em tela artística com dispositivos de trancas. O pavimento térreo com pé-direito duplo no qual esta subdividida em ambientes de brinquedo teca, sauna, banheiros masculinos e femininos, espaço grumet, academia recepção e portaria, e no mezanino um room cinema. Do 1° ao 18° pavimento distribuídos em 72 apartamento tipo sendo 4 apartamentos por pavimento com área interna útil de 105,00m² e 4 duplex com área interna útil de 210,00m² na parte superior 19° e 20° pavimento. Na cobertura encontra se a casa de maquinas, barrilete com os reservatórios de água potável e água reciclada considerada água cinza. O pavimento térreo do bloco residencial é constituído de guarita, hall de entrada e circulações, depósito de lixo, subestação, central de gás, reservatórios inferiores, sanitário de serviço, duas salas de instalações, reservatório de amortecimento de águas pluviais, circulação de veículos, escadas, 81(oitenta e um) boxes de estacionamento. Os pavimentos tipo do bloco residencial são constituídos de hall de elevadores, com elevador de serviço e social, circulações, antecâmara, escada, CM (medidores de energia) a cada 3 pavimentos abastecendo energia elétrica para 12 apartamentos, hidrômetro individual por apartamento. O acesso vertical será realizado através de escadaria e de dois elevadores, marca ATLAS SCHINDLER, instalada conforme normas da ABNT, que atenderão do Térreo ao 19º pavimento. O empreendimento contará com instalações de prevenção de incêndio; conforme normas da “ABNT” e órgãos fiscais competentes, iluminação de emergência e escadas enclausuradas protegida conforme NBR, L.C. 420/98. O empreendimento contará, também, com sistema de porteiro eletrônico e sistema de segurança, constituído por guarita, cerca elétrica e tubulação com esperas para futura colocação de câmeras, as quais não serão fornecidas pela construtora / incorporadora.

6 ESPECIFICAÇÕES DOS SERVIÇOS.

6. 1 Projetos A obra será executada rigorosamente de acordo com o projeto aprovado pelas seções competentes da Prefeitura Municipal de Maringá, de acordo com o Plano Diretor e obedecerá ao estabelecido nos projetos complementares: - Projeto arquitetônico executivo;

- Projeto de fundações;

- Projeto estrutural; - Projeto de instalações hidrossanitárias;

- Projeto de instalações elétricas, telefônicas e TV;

- Projeto de prevenção contra incêndio;

- Detalhes construtivos.

6.2 Instalações do Canteiro de Obras

Inicialmente serão feitas as demolições e limpezas necessárias, retirando-se vegetação e entulhos, de forma a preparar o terreno. Posteriormente serão executados os elementos que constituirão o canteiro (tapumes, escritório, depósitos, sanitários provisórios, telheiros, refeitório, vestiários, etc.) de acordo com o PCMAT (Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho) e de acordo com as necessidades da obra.

6.3 Movimentos de Terra

Os cortes e aterros serão executados mecanicamente obedecendo-se as cotas do projeto, prevendo-se declividade para escoamento das águas pluviais. Os aterros deverão ser executados em camadas e compactados adequadamente.

6.4 Infra-estrutura

A obra foi locada obedecendo-se aos alinhamentos do projeto, materializando-se os pontos em gabarito de madeira para lançamento no terreno. As fundações foram do tipo estacas hélice contínuas executadas por empresa especializada, utilizando-se os equipamentos adequados, obedecendo-se ao projeto das fundações.

6.5 Supra-estrutura

A estrutura do prédio (pilares, vigas, lajes e demais elementos estruturais) foi executada em concreto armado, obedecendo-se ao projeto estrutural e de acordo com as normas técnicas. O concreto utilizado terá a resistência e as características especificadas, será produzido em usina e fornecido na obra por empresa fornecedora através de caminhões betoneiras. Foi feito o controle tecnológico do concreto através da moldagem e rompimento de corpos de prova, de acordo com as normas técnicas relativas por empresa credenciada.

6.6 Paredes

As paredes em blocos cerâmicos, assentados com argamassa de cimento e areia, com espessura e posicionamento de acordo com os projetos.

6.7 Esquadrias

6.7.1 Esquadrias de Madeira.

As portas internas dos apartamentos, portas montadas que devem ser montadas com o uso de espuma expansiva portas do tipo semi-ocas, laminadas em madeira ou melamina, com acabamento em selador, apresentando marcos e guarnições de madeira, com o mesmo acabamento.

6.7.2 Esquadrias de Alumínio Os caixilhos das janelas dos dormitórios dos apartamentos serão em alumínio com acabamento pintura eletrostática cor branca, com vidros de correr e persianas de PVC. Os caixilhos das janelas dos banheiros e áreas de serviço dos apartamentos serão em alumínio com acabamento pintura eletrostática cor branca, do tipo maxim-ar, envidraçados. As janelas das salas dos apartamentos serão em caixilhos de alumínio com acabamento pintura eletrostáticos cor branca, de correr, envidraçados. Os caixilhos da janela do dormitório do apartamento do zelador serão em alumínio com acabamento pintura eletrostática cor branca, com vidros de correr e persianas de PVC. Os demais caixilhos das janelas do apartamento do zelador serão em alumínio com acabamento pintura eletrostática cor branca, de correr, envidraçados. As esquadrias do hall de entrada e da guarita serão em alumínio com acabamento pintura eletrostática cor branca, envidraçadas. As janelas de ventilação das antecâmaras serão em alumínio com acabamento pintura eletrostática cor branca, venezianas fixas.

6.7.3 Esquadrias de Ferro.

As esquadrias da sala dos medidores, salas de instalações, subestação, central de gás, depósito de lixo e depósito condominial serão metálicas do tipo venezianas. O portão dos estacionamentos será metálico, do tipo com contrapeso, com movimentador eletrônico. As grades do jardim serão metálicas e vidros blindex, com fundo anti-ferruginoso e acabamento pintura esmalte.

Serão utilizados vidros lisos transparentes para os caixilhos dos dormitórios, salas, cozinhas e hall social do edifício, e fantasia do tipo mini-boreal para os banheiros. As espessuras dos vidros deverão obedecer às normas da “ABNT”.

6.7.5 Ferragens. As ferragens serão das marcas Papaiz, La Fonte ou Brasil, sendo o modelo e o acabamento definidos pelo detalhamento das esquadrias.

6.8 Impermeabilizações e Tratamentos Esta sendo executados impermeabilizações e tratamentos nos locais em que se fizerem necessários utilizando-se o material apropriado: vigas de baldrame tratadas com impermeabilizante asfáltico feito por empresa credenciada, poços de elevadores com argamassa cristalizante, boxes de banheiros, terraços descobertos e lajes expostas com manta asfaltica.

6.9 Coberturas e Forros

A cobertura do prédio será constituída da laje impermeabilizada e com isolamento térmico. Será utilizado forro de gesso nos locais indicados em projeto, como hall de entrada, hall de elevadores, Banheiros, cozinha e área de serviços dos aptos, executado por empresa especializada. Locais com forro de gesso.

6.10 Revestimentos Internos de Pisos e Paredes

(Parte 1 de 3)

Comentários