(Parte 2 de 9)

9 A tabela abaixo apresenta os preços pagos ao produtor de açaí, por quilograma da fruta, nos meses de julho/2011 e julho/2012 em estados da região Norte.

Estados Unidade Julho/2011 Julho/2012 Acre (AC) Kg 0,75 1,0 Amapá(AP) Kg 1,30 1,49 Amazonas(AM) Kg 0,98 0,94 Maranhão(MA) Kg 1,21 1,37 Pará(PA) Kg 2,16 1,69 Rondônia(RO) Kg 0,65 1,25

Sobre a variação de preço, considerando-se a tabela, é correto afirmar que o(a)

(A) maior variação de preço ocorreu no estado do Acre. (B) maior decrescimento de preço ocorreu no estado do Amazonas. (C) taxa de variação de preço no estado do Maranhão foi de, aproximadamente, 13%. (D) taxa de variação de preço no estado do Pará foi de, aproximadamente, -15%. (E) maior preço pago em julho/2012 foi no estado do Amapá.

10 Uma comissão é formada por 4 participantes de cada um dos municípios, Abaetetuba, Igarapé-Miri, Cametá,

Barcarena e Moju, totalizando 20 pessoas. Escolhendo-se aleatoriamente 5 pessoas deste grupo, a probabilidade de que exista um representante de cada município é:

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CENTRO DE PROCESSOS SELETIVOS PROCESSO SELETIVO 2013 EDITAL Nº08 – COPERPS, DE 1/09/2012

1 Ao escrever ao presidente da província do Pará, em 1874, a respeito dos índios locais, o missionário capuchinho

Miguel Ângelo de Burgio, afirmou que “[...] nosso maior empenho, por ora, consiste em acostumá-los a agricultura e aos outros misteres da lavoura, porque esses pobres índios não tem a menor ideia do trabalho, da economia e da previsão”.

Arquivo Público do Pará, caixa 310. Fundo: Secretaria da Presidente da Província. Série Ofícios das autoridades religiosas, documento 345.

Com base no texto transcrito e nas pesquisas históricas, é correto afirmar que um missionário como Burgio acreditava que os índios do Pará não tinham “ideia do trabalho” porque

(A) muitos exemplos mostravam, é evidente até hoje, que os índios eram preguiçosos, preferindo viver de caça e pesca, em vez de trabalhar na agricultura, por exemplo.

(B) os índios se tornaram preguiçosos depois da chegada dos europeus, pois estes começaram a distribuir presentes entre eles. Antes disso, os índios trabalhavam muito.

(C) eles tinham facilidade para viver do que a natureza lhes oferecia. Com alimento fácil na natureza, eles nunca se sentiam estimulados ao trabalho.

(D) índios e missionários possuíam ideia diferente acerca dos significados do trabalho, que, para os índios, estava associado à garantia da sobrevivência e não à geração de lucros.

(E) houve o fracasso dos missionários em transformar os índios em trabalhadores, o que mostrava que a preguiça dos índios era inata; nada se podia fazer para que eles amassem o trabalho.

12 Em 2010, a Câmara Municipal de Belém aprovou lei que autorizava a mudança do nome da Travessa Apinagés para o nome de um empresário local, que passou a identificar a referida travessa. Um dos principais mecanismos utilizados pela população para protestar contra essa lei foram as redes sociais.

As novas tecnologias e redes sociais, considerando o fato supramencionado, caracterizam-se por

(A) apresentarem somente consequências negativas, alimentando ódios e disputas pelo poder, como no caso da mudança do nome da Travessa Apinagés.

(B) constituírem instrumento para manifestações de protestos e para o fortalecimento das identidades locais, como ocorreu ao mudarem o nome da Travessa Apinagés.

(C) servirem para agendar protestos, mas não surtem nenhum tipo de pressão sobre as atitudes arbitrárias do poder público.

(D) fazerem com que a população, por não mais se interessar por política partidária, prefira protestar usando as redes sociais.

(E) terem influência muito reduzida nas questões sociais do Brasil, pois a maior parte da população brasileira ainda não tem acesso à internet.

13 “Os judeus tinham que usar uma estrela amarela, [...] tinham que entregar as bicicletas, [...] não podiam andar de bonde, [...] ficavam proibidos de dirigir automóveis.[...] só podiam fazer compras das três às cinco horas e só em casas que tivessem placa dizendo ‘casa israelita’. Os judeus deviam recolher-se às suas casas às oito da noite [...]. Ficavam proibidos de ir a teatros, cinemas e outros lugares de diversão.” FRANK, Anne. Diário de uma jovem. São Paulo: Editora Mérito S. A., 1958, p. 14, 3ª edição.

Esse trecho, que foi retirado do diário de uma adolescente judia prisioneira num campo de concentração, na Alemanha, onde morreu em 1945, revela

(A) poucas e distorcidas informações para se compreender o que foi a 2ª Guerra Mundial. (B) detalhes das perseguições sofridas pelos judeus na Alemanha, durante a 1ª Guerra Mundial. (C) ideias falsas, pois os alemães não podiam abrir mão do dinheiro que os judeus gastavam em locais como cinemas e teatros.

(D) aspectos importantes para nossa compreensão acerca das perseguições sofridas pelos judeus, desde a 2ª

Guerra Mundial até os ano de 1960, com o fim do apartheid.

(E) a importância desse diário como documento histórico que registrou, para a posteridade, a perseguição sofrida pelos judeus durante a 2ª Guerra Mundial.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CENTRO DE PROCESSOS SELETIVOS PROCESSO SELETIVO 2013 EDITAL Nº08 – COPERPS, DE 1/09/2012

14 A imagem do filme Danton (à direita), com Robespierre, interpretado pelo ator Wojciech Pszoniak, e Danton, com os braços abertos, interpretado por Gérard Depardieu, evidencia a diferença de atitude entre os dois personagens da Revolução Francesa.

Fonte: Danton. Direção de Andrzej Wajda, 1982, Universal Pictures.

A leitura da imagem e o conhecimento sobre o processo revolucionário na Europa de 1789 autorizam afirmar que os posicionamentos de Danton e Robespierre caracterizavam que

(A) Danton defendeu as revindicações dos sans-cullotes e, por apoiar a criação de um exército revolucionário, entrou em conflito com Robespierre.

(B) Robespierre, de peruca, símbolo da aristocracia do antigo regime, foi o representante dos monarquistas no

Comitê de Salvação Pública.

(C) Robespierre representou a burguesia francesa, e Danton representou o povo nos debates no Tribunal

Revolucionário.

(D) Danton tinha origem popular, e Robespierre vinha de uma linhagem nobre, por isso conflitaram em seus ideais sobre a revolução.

(E) o filme é uma obra de ficção, por isso é incorreto dizer que houve conflitos entre Robespierre e Danton durante os acontecimentos da Revolução Francesa.

15 Em 1906, quando Antonio Lemos era intendente de Belém, ele adquiriu para o Conselho Municipal uma série de pinturas, como esta que mostra uma família num jardim à margem da baía do Guajará.

Fonte: Recanto de Jardim, óleo sobre tela, de Benedito Calixto, 1906 (Coleção Museu de Arte de Belém)

O quadro retrata um estilo de vida da cidade em uma época que hoje conhecemos por belle-époque. O intendente Antonio Lemos e a elite oligárquica queriam por meio dessa exposição artística

(A) mostrar que a civilização de origem europeia havia chegado aos trópicos e que Belém estava voltada para os ideais desta cultura presente nos modos e vestes retratados.

(B) exaltar a vida em família num recanto de jardim como algo para ficar na memória, como se fazia na Europa nas pinturas impressionistas e modernistas.

(C) apresentar os recantos da cidade para muitos turistas que aqui chegavam e não conheciam o cotidiano de

Belém e sua cultura.

(D) divulgar o estilo de vida recatado e simples da população paraense que, na época, era completamente diferente do restante do Brasil.

(E) valorizar os elementos da cultura popular, como a música das serestas, que era então um dos símbolos da cultura da Amazônia.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CENTRO DE PROCESSOS SELETIVOS PROCESSO SELETIVO 2013 EDITAL Nº08 – COPERPS, DE 1/09/2012

(Parte 2 de 9)

Comentários