CENTRIFUGAÇÃO E CICLONE

CENTRIFUGAÇÃO E CICLONE

Uma centrifuga é composta basicamente por:

  • Uma centrifuga é composta basicamente por:

  • carcaça,

  • transmissão,

  • capuz,

  • tambor,

  • bomba centrípeta e

  • motor de acionamento.

  • O tambor é o componente mais importante da centrífuga

As centrífugas podem ser divididas em centrífugas de filtração e centrífugas de sedimentação

  • As centrífugas podem ser divididas em centrífugas de filtração e centrífugas de sedimentação

 

  •  

  •  

  •  

Separação isopícnica.

    • Separação isopícnica.
  • Neste caso, vamos considerar uma partícula que possui uma determinada densidade e, que será submetida ao processo de centrifugação. Após o processo, a  partícula irá “estacionar” em uma posição onde a densidade da solução em que se encontra é próxima à densidade da partícula. Uma vez estabelecida a sua posição, o tempo total de centrifugação não irá alterar a migração da partícula. Uma aplicação bastante utilizada para este método é a separação de ácidos nucléicos em um gradiente de cloreto de césio (CsCl).

  • Para que a centrifugação seja bem sucedida, a densidade da partícula da amostra deve estar dentro dos limites das densidades de gradiente; qualquer extensão de gradiente é aceitável; o tempo de execução deve ser suficiente para que as partículas se unam em seu ponto isopícnico

  • Processo de centrifugação sob pressão, permitindo a separação de partículas de modo eficiente, utilizando-se de refrigeração e vácuo de forma a minimizar o atrito com o ar, devido à elevada rotação aplicada (até 500.000g).

  • Esta centrífuga opera geralmente na vertical, com o rotor tubular provendo um longo caminho para a separação da mistura. Trabalha com a força centrífuga variando de 13.000 a 20.000 g. A quantidade de sólidos na mistura limita o uso desta centrífuga, assim como a formação de bolhas que também dificulta a centrifugação.

  •  

  • O material a ser centrifugado é alimentado pela parte inferior, e passa porto da a tubulação para ser separado ou clarificado. A parte sólida vai depositando sem as laterais, sendo retirada ao final do processo, enquanto os líquidos são retirados pela parte superior.

  • A câmara possui uma série de discos paralelos que proporcionam uma grande área de sedimentação. O material é removido através de válvulas.Em casos de clarificação de material biológico, pode-se trabalhar com a força centrífuga variando de 5.000 a 15.000g, sendo o fluxo contínuo de alimentação de 200 m3 /h

  • Opera horizontalmente A hélice roda e distribui os sólidos ao longo da superfície do recipiente, retirando-o do líquido. O liquido sai pelo outro lado da câmara. O parafuso roda em velocidade diferente da câmara

  • A centrífuga de cestos pode ser classificada como perfurada e não perfurada. A centrífuga perfurada associa as operações de centrifugação e filtração em conjunto,assemelhando-se ao tambor de uma máquina de lavar, por exemplo. Então, neste caso    especifico, pode-se considerar a centrifugação como uma operação de pré-secagem. No caso de sólidos cristalinos, utiliza-se o cesto sem filtros e no caso de partículas deformáveis, como por exemplo, proteínas. No caso de cestos não perfurados, a ação é apenas da força centrífuga. As partículas sólidas tendem a se acumular nas paredes da centrífuga e, com o passar do tempo estas começam a ser liberadas junto com o filtrado

  •  

  •  

  •  

 Nas indústrias de alimentos, constantemente nos deparamos com processo que exigem a separação de dois ou mais componentes líquidos e/ou sólidos. Para a realização desse tipos de processo, diversas são as formas utilizadas de separação e, sendo uma dessas formas o emprego de centrífugas.    

  •  Nas indústrias de alimentos, constantemente nos deparamos com processo que exigem a separação de dois ou mais componentes líquidos e/ou sólidos. Para a realização desse tipos de processo, diversas são as formas utilizadas de separação e, sendo uma dessas formas o emprego de centrífugas.    

  • Desnate e Padronização do Leite: remoção e ajuste do teor de

  • gordura presente no leite.

  • Clarificação de Leite e Soro: remoção de sujidades, em geral,

  • presentes no leite e no soro.

  • Degerminação: remoção de microrganismos do leite reduzindo se a contagem global padrão, quantidade de esporos aeróbicos, anaeróbicos, psicotróficos, etc.

  • Concentração do Creme: ajuste do teor de gordura do creme

  • adequando-o para as mais variadas aplicações

*Em processos de produção ou recuperação de:

  • *Em processos de produção ou recuperação de:

  • Caseína: recuperação de caseína para aplicação em produtos na forma de caseinato.

  • Finos de Queijo: recuperação de finos de queijo para seu

  • reaproveitamento.

  • Petit Suisse( queijo Frances): fabricação do quark por meio de centrífugas e resfriadores.

  • Queijos Frescos: fabricação de queijo fresco cremoso - cream cheese.

  • Butteroil( óleo de manteiga): por meio de centrífugas, óleo de manteiga pode ser obtido a partir do creme do leite ou da própria manteiga.

A tecnologia de bebidas oferece um largo espectro de atividades para a tecnologia de separação. Centrífugas e Decanters têm sido muito utilizados na produção de cerveja, vinho, café e sucos de frutas. Nos processos decisivos destas indústrias a presença de tais equipamentos assegura um processamento econômico e alta qualidade no produto final.

  • A tecnologia de bebidas oferece um largo espectro de atividades para a tecnologia de separação. Centrífugas e Decanters têm sido muito utilizados na produção de cerveja, vinho, café e sucos de frutas. Nos processos decisivos destas indústrias a presença de tais equipamentos assegura um processamento econômico e alta qualidade no produto final.

*Os campos de aplicação são:

  • *Os campos de aplicação são:

  • Cerveja

  • Vinho

  • Vinhos frisantes

  • Champanhe

  • Sucos cítricos

  • Premium juice de frutas e vegetais  

  •  Substâncias de base para refrigerantes

  • Óleos cítricos

  • Café solúvel

  • Chá

  • Leite de soja

Luiz Carlos M. Neves. Centrifugação. 2009.disponível em:http://pt.scribd.com/doc/24321585/Aula-de-Centrifugacao acessado 21 de novembro de 2012

Os separadores ciclônicos (ou ciclones) são equipamentos utilizados na indústria para extrair partículas sólidas em suspensão num escoamento de gases

  • Os separadores ciclônicos (ou ciclones) são equipamentos utilizados na indústria para extrair partículas sólidas em suspensão num escoamento de gases

As partículas são extraídas através de um processo de centrifugação dos gases. Este fenômeno ocorre com a indução de um escoamento rotativo no interior do ciclone. Isto ocorre devido à significativa velocidade (típica de 22 m/s ou 80 km/h) com a qual os gases entram tangencialmente na câmera do ciclone, de formato cônico. Sendo muito mais densas que os gases, as partículas tem maior tendência em permanecer na trajetória tangente ao escoamento rotativo e assim colidir com as paredes da câmara. Com as colisões, as partículas perdem velocidade e tendem a se desacoplar do escoamento caindo em direção ao fundo da câmara, de onde são extraídas. Os gases saem através do tubo central do ciclone, após percorrerem algumas voltas pela câmera e uma curva de ângulo acentuado em direção à entrada do tubo, o que também dificulta a saída de sólidos.

  • As partículas são extraídas através de um processo de centrifugação dos gases. Este fenômeno ocorre com a indução de um escoamento rotativo no interior do ciclone. Isto ocorre devido à significativa velocidade (típica de 22 m/s ou 80 km/h) com a qual os gases entram tangencialmente na câmera do ciclone, de formato cônico. Sendo muito mais densas que os gases, as partículas tem maior tendência em permanecer na trajetória tangente ao escoamento rotativo e assim colidir com as paredes da câmara. Com as colisões, as partículas perdem velocidade e tendem a se desacoplar do escoamento caindo em direção ao fundo da câmara, de onde são extraídas. Os gases saem através do tubo central do ciclone, após percorrerem algumas voltas pela câmera e uma curva de ângulo acentuado em direção à entrada do tubo, o que também dificulta a saída de sólidos.

  • ?

Uma vantagem da utilização de ciclones e hidrociclones é o tempo de separação, que ocorre em segundos, trazendo ganhos claros quanto à questão da área ocupada e de peso acrescido à unidade de produção. Nos equipamentos submersos, menores dimensões significam menores espessuras de parede para resistir à pressão externa, resultando em menor investimento

  • Uma vantagem da utilização de ciclones e hidrociclones é o tempo de separação, que ocorre em segundos, trazendo ganhos claros quanto à questão da área ocupada e de peso acrescido à unidade de produção. Nos equipamentos submersos, menores dimensões significam menores espessuras de parede para resistir à pressão externa, resultando em menor investimento

Separadores ciclônicos podem ser empregados em diversas configurações, por exemplo, em série ou em paralelo. São amplamente utilizados em processos industriais, como calcinação e Secagem em usinas de cimento e de processamento de minério.

  • Separadores ciclônicos podem ser empregados em diversas configurações, por exemplo, em série ou em paralelo. São amplamente utilizados em processos industriais, como calcinação e Secagem em usinas de cimento e de processamento de minério.

  • Em alguns casos, a totalidade do material produzido passa pelo equipamento. Em outros processos, os ciclones podem ser utilizados como parte do sistema de limpeza de gases de exaustão. Por ser um equipamento metálico, sem partes móveis, é possível emprega-los à temperaturas de 700°C ou superiores, havendo revestimento refratário interno

  • ?

Uma aplicação recente da separação ciclônica é a separação água/óleo com hidrociclones de alto teor de óleo, onde o teor de óleo pode variar de poucos pontos percentuais e chegar até 50% em volume, mantendo a água como fase contínua.

  • Uma aplicação recente da separação ciclônica é a separação água/óleo com hidrociclones de alto teor de óleo, onde o teor de óleo pode variar de poucos pontos percentuais e chegar até 50% em volume, mantendo a água como fase contínua.

os ciclones não permitem coletar partículas muito finas. Em sistemas de limpeza de gases, são sempre empregados em conjunto com precipitadores eletrostáticos ou filtros de mangas

  • os ciclones não permitem coletar partículas muito finas. Em sistemas de limpeza de gases, são sempre empregados em conjunto com precipitadores eletrostáticos ou filtros de mangas

Os ciclones para a separação gás/líquido vêm sendo amplamente

  • Os ciclones para a separação gás/líquido vêm sendo amplamente

  • utilizados para o “desengargalamento” de unidades existentes de processos

  • industriais, permitindo uma maior vazão de processamento de gás sem a substituição dos vasos depuradores e, no caso de unidades novas, permitindo a construção de equipamentos mais compactos.

Comentários