Contração muscular esquelética e lisa [Modo de Compatibilidade]

Contração muscular esquelética e lisa [Modo de Compatibilidade]

(Parte 1 de 4)

Fisiologia da contração muscular esquelética e lisa

Giselle Pinto de Faria

Instituto de Ciências da Saúde Departamento de Biorregulação

Sistema Muscular

•Tipos de tecido muscular:

–Músculo estriado esquelético –Músculo estriado cardíaco

–Músculo liso

Tipos de tecido muscular Tipos de tecido muscular

Função do tecido muscular Função do tecido muscular

Função do tecido muscular Função do tecido muscular

Fisiologia da contração muscular esquelética

–Componentes estruturais da fibra muscular esquelética

–Sarcômeroe organização das proteínas relacionadas

–Fisiologia da contração: mecanismo do filamento deslizante

–Papel do Ca2+ na contração e receptores associados

–Ciclo de contração

–Regulação da contração: Junção Neuromuscular

–Tipos de fibras musculares esqueléticas

–Propriedades biofísicas do músculo esquelético

–Disfunções do músculo esquelético

Componentes Estruturais da célula muscular esquelética

Fibra muscular esquelética

Sarcole ma Retículo Sarcoplasmático (RS)

Sarcoplas ma

Túbulo transverso

Cisterna do RS Tríade

Proteínas de membrana

Distrofina Miofibrila

Fibra muscular esquelética

Sarcole ma Retículo Sarcoplasmático (RS)

Sarcoplas ma

Túbulo transverso

Cisterna do RS Tríade

Proteínas de membrana

Distrofina Miofibrila

Sarcômero: unidade contrátil do músculo estriado α-actina mio mesina

Sarcômero: unidade contrátil do músculo estriado Sarcômero: unidade contrátil do músculo estriado

Organização dos filamentos finos e grossos no sarcômero

Filamento fino

Filamento grosso 2 moléculas de Miosina

Fisiologia da contração: mecanismo do filamento deslizante do músculo esquelético

Aumento de Ca2+ Intracelular inicia deslizamento dos filamentos finos

Contração muscular esquelética é independente de Ca2+ extracelular: receptores rianodina e diidropiridina

Contração muscular esquelética é independente de Ca2+ extracelular: receptores rianodina e diidropiridina

Ciclo de contração

Rigor mortis = Rigidez da morte: permeabilidade do sarcolema → Ca2+ ↑ parada respiratória → ausência ATP ⇒ligações miosina-actina se mantém Começo de 3-4 horas após a morte e perdura até 24 horas devido ação de enzimas lisossomais.

Regulação da contração: Junção Neuromuscular Regulação da contração: Junção Neuromuscular

Regulação da contração: Junção Neuromuscular Regulação da contração: Junção Neuromuscular

Resumo da contração músculo esquelético

Interactivephysiology: muscular system resume

(Parte 1 de 4)

Comentários